Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Rui Costa tricampeão na Volta à Suíça

Domingo, 22.06.14

O português Rui Costa (Lampre) venceu isolado a nona e última etapa da Volta à Suíça e revalidou os títulos conquistados em 2012 e 2013.

Muita emoção na derradeira etapa (156,5 qiolómetros entre Martigny e Saas Fee) de alta montanha, a incluir final de categoria especial após 17 quilómetros de subida. Rui Costa acompanhou a fuga de Bauke Mollema (Belkin-Pro Cycling Team) e Mathias Frank (IAM Cycling), igualmente na luta pela vitória final, e atacou nos últimos dois quilómetros, e venceu isolado com o tempo de 4.13:14 horas, deixando o suíço holandês e o suíço a 14 e 24 segundos, respetivamente.

Para trás, a mais de dois minutos, ficara Tony Martin, que partiu para a última tirada na liderança mas acabou por perder a amarela para Rui Costa.

O português André Cardoso chegou em sexto a 1:28 do compatriota.

Depois do terceiro lugar na Volta à Romandia, no início de maio, Rui Costa, que conquistou a primeira vitória com a camisola de campeão do Mundo, mostrou novamente que está em boa forma para atacar a Volta à França, que arranca no próximo dia 5 de julho.

Classificação da etapa:
1. Rui Costa (POR/LAM) 4h13:14. (média: 37,1 km/h)
2. Bauke Mollema (HOL/BKN) a 0:14.
3. Mathias Frank (SUI/IAM) 0:24.
4. Steve Morabito (SUI/BMC) 0:47.
5. Oliver Zaugg (SUI/TIN) 0:47.
6. André Cardoso (POR/GRM) 1:28.
7. Jérémy Roy (FRA/FDJ) 1:41.
8. Marcel Wyss (SUI/IAM) 1:48.
9. Tom Dumoulin (HOL/GIA) 2:18.
10. Roman Kreuziger (R.CHE/TIN) 2:18.

Classificação geral:
1. Rui Costa (POR/LAM) 33h08:35.
2. Mathias Frank (SUI/IAM) a 0:33.
3. Bauke Mollema (HOL/BKN) 0:50.
4. Tony Martin (ALE/OPQ) 1:13.
5. Tom Dumoulin (HOL/GIA) 2:04.
6. Steve Morabito (SUI/BMC) 2:47.
7. Davide Formolo (ITA/CAN) 3:00.
8. Roman Kreuziger (R.CHE/TIN) 3:03.
9. Janier Acevedo (COL/GRM) 3:20.
10. Eros Capecchi (ITA/MOV) 3:46.

 

 

In' A Bola

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 23:52

Rui Costa iguala Joaquim Agostinho ao ganhar segunda etapa do Tour

Sexta-feira, 19.07.13
O ciclista português Rui Costa venceu mais uma etapa pela segunda vez nesta edição da Volta à França, a centésima, igualando o feito de Joaquim Agostinho.
 

Foram precisos 44 anos para voltar a ver um ciclista português vencer duas etapas na mesma edição da Volta a França, depois de em 1969 Joaquim Agostinho ter realizado esse feito.

 

Depois de na terça-feira passada o ciclista português ter vencido a 16ª etapa isolado, e de ontem ter terminado a mais de 25 minutos do primeiro classificado, hoje, sexta-feira, Rui Costa voltou a cruzar a meta sem oposição, naquela que é a antepenúltima etapa deste ano, na ligação de Bourg d'Oisans a Le Grand Bornand, num total de 204,5 quilómetros.

 

Esta é a 13ª vez que um português cruza a meta em primeiro lugar na Volta à França, embora a quarta vitória de Joaquim Agostinho, em 1977, lhe tenha sido retirada devido a um controlo doping positivo.

 

Rui Costa juntou-se assim a um grupo restrito de mais quatro portugueses a conseguir este feito, depois de Sérgio Paulinho (2010), Joaquim Agostinho (cinco triunfos em etapas, entre 1969 e 79), Paulo Ferreira (uma, em 1984) e Acácio da Silva (três, de 1987 a 89, o único português a ter vestido a camisola amarela).

 

Intactos deverão continuar ainda o terceiro lugar da geral de Joaquim Agostinho, conseguido em 1978, o quinto de José Azevedo, em 2004, e o 10º de Alves Barbosa (primeiro português a participar na Volta a França), em 1956.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 19:25

Tour: Rui Costa conquista 16.ª etapa

Terça-feira, 16.07.13

O português Rui Costa (Movistar) conquistou esta terça-feira a 16.ª etapa do Tour’2013, depois de ter chegado isolado à meta instalada em Gap.

 

Rui Costa foi o mais forte de um grupo de 26 ciclistas que se isolou no decorrer da tirada, aproveitando a última subida – de 2.ª categoria – para desferir o ataque final.

 

Esta foi a primeira vitória da Movistar no Tour deste ano e a segunda da carreira do ciclista poveiro na prova francesa. Rui Costa foi ainda o vencedor do prémio da combatividade do dia.

 

Os franceses Christophe Riblon (AG2R) e Arnold Jeannesson (FDJ), segundo e terceiro classificados respetivamente, completaram o pódio da etapa, tendo chegado a 42 segundos do vencedor.

 

Já o grupo dos favoritos, onde estavam integrados o camisola amarela Chris Froome (Sky), Alberto Contador (Saxo-Tinkoff) e Alejandro Valverde (Movistar), entre outros, chegou à meta com 11,08 minutos de atraso para Rui Costa.

 

Na geral, Rui Costa garantiu uma subida de nove posições e está de regresso ao top 20, sendo agora 20.º, a 22,34 minutos da liderança.

 

Já Sérgio Paulinho terminou a etapa no 113.º posto, a 20,57 minutos de Rui Costa e está no 133.º lugar da geral, a 2.22,58 horas de Froome.

 

Classificação da 16.ª etapa:

 

1. Rui Costa, (Movistar/PORTUGAL), 3:52.45 horas; 2. Christophe Riblon, (AG2R/França), a 42 segundos; 3. Arnold Jeannesson, (FDJ/França), m.t; 4. Jerome Coppel, (Cofidis/França), m.t; 5. Andreas Klöden, (RadioShack/Alemanha), m.t; 6. Tom Dumoulin, (Argos-Shimano/Holanda), a 1.00 minutos; 7. Mikel Astarloza, (Euskaltel-Euskadi/Espanha), a 1.01; 8. Philippe Gilbert, (BMC/Bélgica), a 01.04; 9. Cameron Meyer, (Orica-GreenEdge/Austrália), m.t; 10. Ramunas Navardauskas, (Garmin/Lituânia), m.t; (...) 29. Chris Froome, (Sky/Grã-Bretanha), a 11.04; 30. Bauke Mollema, (Belkin/Holanda), m.t; 32. Alberto Contador, (Saxo-Tinkoff/Espanha) m.t; 113. Sérgio Paulinho, (Saxo-Tinkoff/PORTUGAL), a 20.57.

 

Classificação geral:

 

1. Chris Froome, (Sky/Grã-Bretanha), 65:15.36 horas; 2. Bauke Mollema, (Belkin/Holanda), a 4.14 minutos; 3. Alberto Contador, (Saxo-Tinkoff/Espanha), a 4.25; 4. Roman Kreuziger, (Saxo-Tinkoff/Rep. Checa), a 4.28. 5. Nairo Quintana, (Movistar/Colômbia), a 5.47; 6. Laurens Ten Dam, (Belkin/Holanda), a 5.54; 7. Joaquim Rodriguez, (Katusha/Espanha), a 7.11; 8. Jakob Fuglsang, (Astana/Dinamarca), a 7.22; 9. Jean-Christophe Peraud, (AG2R/França), a 8.47; 10. Daniel Martin, (Garmin/Irlanda), a 9.28; (...) 20. Rui Costa, (Movistar/PORTUGAL), a 22.34; 114. Sérgio Paulinho, (Saxo-Tinkoff/PORTUGAL), a 2:22.58 horas.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 20:49

Rui Costa mantém terceiro lugar na Volta à Suíça

Quinta-feira, 13.06.13

A sexta etapa da Volta à Suíça, disputada entre Leuggern e Meilen (186,1 km), não provocou alterações significativas na classificação geral. O suíço Mathias Frank (BMC) segue na liderança, enquanto o português Rui Costa (Movistar) continua a ocupar a terceira posição.

 

A vitória na tirada foi para o suíço Grégory Rast (Movistar), o mais forte de uma fuga de quatro elementos (Mathew Hayman, Alexandre Kolobnev e Bert Grabsch foram os restantes fugitivos).

 

O grosso do pelotão, com Rui Costa, cruzou a meta 10,43 minutos depois do vencedor, mas sem provocar grandes alterações na classificação geral. Por isso, Mathias Frank segue no primeiro lugar, com 23 segundos de vantagem sobre o checo Roman Kreuziger, segundo classificado, enquanto Rui Costa é terceiro, a 35 segundos do líder.

 

O pelotão terá pela frente esta sexta-feira aquela que é considerada a etapa rainha da prova, com três contagens de montanha.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 21:20

Cão ciclista!

Quinta-feira, 07.06.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:51

Ciclismo: 38.ª Volta ao Algarve promete percurso equilibrado e variado

Quarta-feira, 18.01.12

Agendada para o período entre 15 e 19 de Fevereiro, a 38.ª edição da Volta ao Algarve em bicicleta promete um percurso equilibrado e variado, capaz de ajudar a brilhar todo o tipo de corredores. Em comunicado divulgado esta quarta-feira, a organização da Volta ao Algarve revela que o pelotão percorrerá um total de 745,2 quilómetros, distribuídos por quatro etapas em linha e um contra-relógio individual. 

Entretanto, até ao momento têm já presença confirmada 17 equipas, dez das quais da primeira divisão internacional: Ag2r La Mondiale (FRA), BMC (EUA), Garmin-Barracuda (EUA), Lotto-Belisol (BEL), Omega Pharma-QuickStep (BEL), Rabobank (HOL), RadioShack-Nissan (LUX), Saxo Bank (DIN), Sky (GBR) e Vacansoleil (HOL). 

No lote ainda em aberto de equipas participantes estão também três formações de categoria continental profissional - Rusvelo (RUS), Topsport Vlaanderen-Mercator (BEL) e United-Healthcare (EUA) - assim como os quatro conjuntos continentais portugueses: Efapel-Glassdrive, LA-Antarte-Rota dos Móveis, Onda-Boavista e Carmin-Prio.

Eis as etapas da 38.ª Volta ao Algarve:
1.ª Etapa: 15 de Fevereiro - Dunas Douradas (Almancil) - Albufeira, 151 km
2.ª Etapa: 16 de Fevereiro - Faro - Lagoa, 187,5 km
3.ª Etapa: 17 de Fevereiro - Castro Marim - Malhão (Loulé), 194,6 km
4.ª Etapa: 18 de Fevereiro - Vilamoura - Tavira, 186,3 km
5.ª Etapa: 19 de Fevereiro - Lagoa - Portimão, 25,8 km (C/R Individual)

 

Se assim o desejar, visite a fonte da informação clicando aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 20:25

Ciclismo - Volta à França: Andy Schleck aprova presença de Contador no Tour, mas Wiggins critica-a

Domingo, 12.06.11
O ciclista luxemburguês Andy Schleck (Leopard-Trek), segundo classificado na Volta a França 2010 atrás de Alberto Contador (Saxo Bank), congratulou-se hoje com a presença do espanhol na edição de 2011 do Tour, ao contrário do britânico Bradley Wiggins (Sky).

"Sinceramente, fico feliz. Quero derrotá-lo na estrada e é para isso que me estou a preparar", disse Schleck, que está a disputar a Volta à Suíça.

O ciclista da Saxo Bank reconhece "não é nenhuma surpresa" a participação de Contador, três vezes vencedor da "Grande Boucle".

"Sabíamos que depois da Volta à Itália (que o espanhol ganhou) estava a preparar o Tour. Se nenhuma autoridade o impede legalmente, significa que tem o direito a competir. O ano passado o nosso duelo foi muito emocionante e é isso que ficou como recordação", frisou.

Já Bradley Wiggins, que hoje venceu o critério Dauphiné, opôs-se à presença de Contador, que em 2010 acusou clembuterol no Tour, entretanto ilibado pela Real Federação Espanhola de Ciclismo (RFEC), mas cuja decisão final está a cargo do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS), que examinará o caso no início de agosto.

"A participação de um corredor que foi controlado positivo nunca é boa. Desde um ponto de vista egoísta, parece-me bem que participe, porque significa que a equipa Saxo Bank vai trabalhar para ele. Desportivamente, não é bom que um corredor que já foi controlado quatro vezes positivo continue na estrada", justificou.

E, em defesa de equipas como a sua, acrescentou: "Também é mau para equipas como a Sky, pois lutamos para ser limpos".

Wiggins referia-se aos quatro controlos praticados em dias seguidos a Contador, em que foram encontrados vestígios de clembuterol e que, em conjunto, foram considerados apenas um positivo, de acordo com o regulamento de doping.

Depois de absolvido pela RFEC, a União Ciclista Internacional (UCI) e a Agência Mundial Antidopagem (AMA) recorreram para o TAS.

Caso seja decretado culpado, Contador, que justificou o controlo adverso com uma contaminação alimentar, pode ser desposado das vitórias no Tour 2010 e no Giro 2011.

Visite aqui a fonte da informação 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:49

7 pessoas detidas na Catalunha por tráfico de produtos dopantes

Sexta-feira, 18.02.11

Foram detidas 7 pessoas na região da Catalunha, integradas numa operação contra o tráfico de produtos dopantes por substâncias ilegais.

O emissário da Mossos d’ Esquadra, polícia regional da Catalunha, confirmou que entre os suspeitos estão atletas amadores e culturistas, mas nesta lista não constam ciclistas profissionais.

Esta operação, foi iniciada em 2010 depois de uma denuncia de um atleta profissional que terá recebido no email uma proposta de venda de substância ilegais.

 


Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:09

Lance Armstrong oficializa final da carreira

Quarta-feira, 16.02.11
Lance Armstrong anunciou, esta quarta-feira e de forma oficial, o abandono do ciclismo, depois de em Janeiro ter anunciado a sua decisão de deixar a competição.

O norte-americano, de 39 anos, tinha avisado no mês passado que esta seria a sua última prova internacional, adiantado desde logo que não pretendia quaisquer comemorações, depois de uma carreira marcada por vários casos suscitados por acusações de doping.

A última prova em que o corredor texano participou foi o Tour Down Under da Austrália. Na sua carreira, Armstrong, de 39 anos, venceu o Tour de France por sete ocasiões (entre 1999 e 2005).

 


Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 15:54

Alberto León comete suicídio

Segunda-feira, 10.01.11

O antigo ciclista de BTT e atleta implicado no processo “Operação Galgo”, investigação sobre o uso de dopping, Alberto León foi hoje encontrado morto em sua casa, em Madrid. Segundo a polícia local, o ciclista ter-se-á enforcado.

Arguido num caso de tráfico de estupefacientes, León guardava em sua casa substâncias dopantes e bolsas de sangue de diversos atletas.

 

 


Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 23:34


Pesquisar

 



Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural