Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Ruas de Luanda vão ter mais câmaras de videovigilância

Domingo, 09.08.15

O comandante-geral da Polícia Nacional, comissário-geral Ambrósio de Lemos, anunciou sexta-feira em Luanda o início, para breve, do processo de extensão da instalação de câmaras de videovigilância na capital.

 

Após visitar a exposição da Polícia Nacional na Feira dos Municípios e Cidades de Angola (FMCA 2015), Ambrósio de Lemos disse à imprensa que o sistema para a segurança da população da capital do país está em curso, faltando apenas a conclusão de algumas questões administrativas.


“Está tudo bem encaminhado, visto que já foram disponibilizadas as verbas para o efeito”, confirmou o comandante-geral.


Ambrósio de Lemos afirmou que, como forma de incentivar o cidadão a cumprir as suas obrigações, a corporação continua a dar prioridade à prevenção rodoviária e só depois à repreensão. “Com um pouco de paciência, a população vai estar mais bem-educada para o exercício de uma condução automóvel rigorosa”, disse.


Sem avançar números, Ambrósio de Lemos referiu que os acidentes em Angola são muito elevados, devido ao uso exagerado de álcool, excesso de velocidade, entre outras situações que preocupam a Polícia.


A Polícia Nacional exibe na Feira drones, sistema de exame de condução virtual, equipamentos de prevenção rodoviária, viaturas de patrulhamento, meios para  a extinção de incêndios, resgate, assistência médica, remoção de cadáveres, fardas que diferenciam os efectivos das unidades que compõem a corporação, além de folhetos informativos.

 

Ambrósio de Lemos felicitou o Ministério da Administração do Território pela iniciativa que está a congregar os angolanos através dos vários municípios, um facto que motivou a Polícia Nacional a participar.
Com a participação de 300  expositores, a Feira dos Municípios e Cidades de Angola (FMCA 2015) decorre nas instalações da Feira Internacional de Luanda (FIL) até hoje, sob o lema “A vida faz-se nos municípios”.
Em simultâneo, decorre a Bolsa Internacional de Turismo de Angola (Okavango), que visa promover e dinamizar o desenvolvimento comunitário, estimular a captação de investimento privado, o estabelecimento de parcerias estratégicas e contribuir para o fomento do desenvolvimento social e económico de Angola.

 

 

Para visitar a fonte da informação, clique aqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 12:57


Pesquisar

 



Contacto

planetacultural@sapo.pt


Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural

Quantos nos visitaram desde 13FEV2016?