Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Portuguesa Iguarivarius é das “mais inspiradoras” para bolsa de Londres

Segunda-feira, 13.06.16

A PME nacional, “trader” no sector alimentar, foi distinguida pela bolsa de Londres como uma das empresas europeias com “maior crescimento”.


A Iguarivarius, PME nacional da área do "trade" alimentar, foi distinguida como uma das mil empresas europeias com maior crescimento, segundo um comunicado enviado pela sociedade.

 

A distinção, atribuída pela bolsa de Londres, "visa premiar as PME (pequenas e médias empresas) europeias que registaram maior crescimento nos últimos anos, tendo sido atribuída à Iguarivarius como reconhecimento da sua história de sucesso num cenário de crise europeia e, em particular, portuguesa", salientou a sociedade.

 

A empresa vai assim "integrar a publicação da London Stock Exchange '1.000 Companies to Inspire Europe', cujo lançamento terá lugar no próxima quarta-feira, dia 15 de Junho, no Parlamento Europeu, numa cerimónia presidida pelo comissário Jonathan Hill, com a tutela dos serviços financeiros", adiantou a sociedade.

 

A empresa tem sido "responsável pela exportação e internacionalização de empresas e produtos portugueses em 36 países", segundo o mesmo comunicado.

 

Nos últimos quatro anos, a empresa apresentou "um crescimento de 63% no que diz respeito a resultados líquidos". No ano passado, a Iguarivarius registou uma facturação de 56 milhões de euros.

 

A bolsa de Londres escolhe anualmente alguma empresas europeias que considera que se destacam, segundo explicou ao Negócios fonte da Iguarivarius. A escolha é feita "com base em informações que tem nos países em questão e nos respectivos relatórios e contas das empresas que lhes são indicadas ou de que ouviu falar", salientou a mesma fonte.

 

A sociedade foi criada no final de 2010 com quatro grandes áreas de negócio: comércio, serviços de suporte e representação, sistemas e tecnologias de informação e também consultoria à exportação, segundo a informação no site da empresa.

 

O grupo está presente em 36 países, entre os quais Venezuela, Brasil, Estados Unidos e Hong Kong. "A sua missão é permitir às empresas portuguesas colocarem os seus produtos em qualquer parte do mundo com rentabilidade e eficiência máximas", segundo a sociedade.

 

No ano passado, a empresa diversificou os mercados em que está presente, nomeadamente em África, "onde já foram estabelecidos contactos preliminares com eventuais parceiros no passado mês de Abril, e na China, país para o qual passou a ser possível recentemente a exportação de carne portuguesa", referiu a Iguarivarius.

 

 

 

Se desejar visitar a fonte da informação, clique aqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 21:22


Pesquisar

 



Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural