Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tags

Mais tags



Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Google quer fazer as pessoas viverem até os 500 anos

Segunda-feira, 16.03.15

O Google Ventures já colocou dinheiro nos estágios iniciais de startups de sucesso como Uber e Nest. Mas, segundo o presidente do braço de investimentos do Google, a maior parte dos fundos da empresa agora está sendo investinda no combate ao câncer.

 

 

“Se me perguntassem hoje: é possível viver até os 500 anos? A resposta seria sim”, disse Bill Maris, presidente e sócio administrativo do Google Ventures, em uma entrevista à Bloomberg.

 

“Vinte anos atrás, sem a genética, era possível tratar o câncer apenas com um veneno. Isso é diferente de ‘Nós podemos curar seu câncer fazendo a engenharia reversa de uma célula-tronco’. Hoje, é possível investir de forma legal em uma empresa que pode curar o câncer”, afirma Maris.

 

No ano passado, o Google Ventures liderou um investimento de 130 milhões de dólares na Flatiron Health, uma startup americana que desenvolveu uma plataforma que usa big data para gerar informações sobre tipos de câncer.

 

O Google Ventures também possui uma participação de 4% na Foundation Medicine, uma empresa que usa informação genética para melhorar tratamentos contra câncer. A Roche, um dos maiores laboratórios farmacêuticos do mundo, comprou em janeiro participação majoritária na Foundation Medicine.

 

Segundo seu presidente, o braço de investimentos do Google aumentou seus negócios na área da medicina em 30% nos últimos dois anos. A empresa tem uma equipe de 70 pessoas, com 17 sócios-investidores.

 

Maris também contratou médicos como sócios no Google Ventures. Esses profissionais auxiliam na escolha dos investimentos nas startups ligadas ao ramo da saúde e bem estar.

 

“Não queremos ganhar apenas algumas jardas. Queremos ganhar o jogo. Porque é melhor viver do que morrer”, afirma o presidente da Google Ventures.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 21:36

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Pesquisar

 


subscrever feeds


Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural