Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Entrevista inédita de Senna revela pormenor macabro

Sexta-feira, 28.03.14

Ayrton Senna faleceu há 20 anos no GP de San Marino. Última entrevista do piloto brasileiro revelada na edição de abril da revista F1 Racing

 

A revista britânica "F1 Racing" publicou na sua edição de abril a última entrevista de Ayrton Senna antes do Grande Prémio de San Marino 1994 para assinalar os 20 anos do desaparecimento da lenda brasileira da Fórmula 1.

 

A entrevista de Senna permaneceu inédita até aos dias de hoje não fosse um ex-funcionário da Williams ter recebido, de fonte anónima, uma gravação em VHS com as últimas palavras do piloto brasileiro.

 

Na referida entrevista, Ayrton Senna e o seu companheiro de equipa Damon Hill falam com o diretor de marketing da Williams, Richard West, sobre as questões de segurança que os pilotos de Fórmula 1 queriam implementar, com o piloto brasileiro a mostrar alguma preocupação com o Grande Prémio do Mónaco, prova que seria disputada duas semanas depois da tragédia de Ímola.

 

"O pitlane é muito estreito e haverá muitos pilotos lá. Vai ser muito, muito perigoso. Já falamos disso hoje e estamos a pensar pedir aos responsáveis da FIA para introduzirem um limite de velocidade no pitlane", terá afirmado Ayrton Senna sobre o GP do Mónaco horas antes do início do GP de San Marino.

 

Mas o pormenor mais macabro de tudo isto é descrito pela revista inglesa, que garante que após a entrevista a Richard West, Senna terá autografado um exemplar do mapa do circuito de Ímola e é aqui que surge a coincidência macabra com o piloto brasileiro a assinar o seu nome justamente ao lado da curva Tamburello, a mesma onde Senna acabaria por perder a vida horas depois.

 

Após a trágica morte de Senna no GP de San Marino, West acabou por não publicar a entrevista e acabou mesmo por se esquecer da mesma, não fosse um ex-funcionário da Williams a receber recentemente a gravação da entrevista em VHS.

 

Ayrton Senna, considerado por muitos um dos melhores pilotos de sempre da Fórmula 1, senão o melhor, faleceu a 1 de maio de 1994 quando o carro em que seguia embateu no muro da curva Tamburello, a 210 km/h.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 18:49

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Pesquisar

 


subscrever feeds


Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural