Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Agência Dagong inicia cobertura do Banco Espírito Santo com rating de “BB”

03.12.13, Planeta Cultural

A filial europeia da agência de “rating” chinesa iniciou a cobertura da classificação de crédito do Banco Espírito Santo com a notação de longo prazo “BB”, igual à que atribui à dívida da República Portuguesa.

 

A Dagong Europe iniciou a cobertura da qualidade de crédito da Banco Espírito Santo (BES) com a classificação de longo prazo de “BB”, segundo comunicado enviado pelo para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

O BES iniciou contactos com a Dagong em Julho de 2011, conforme noticiado então pelo Negócios. A agência não tinha reconhecimento do Banco Central Europeu e a intenção dos contactos seria a de promover a internacionalização do banco e ter acesso a financiamento na China.

 

A partir de Junho deste ano, a autoridade europeia para o mercado de capitais (ESMA) autorizou o registo da Dagong Europe em Itália, com efeito a partir de 13 de Junho. Desta forma, as decisões da agência passaram a ser válidas, na Europa, com fins regulativos.

 

A classificação está em linha com a que é atribuída à dívida soberana portuguesa, também no longo prazo, que foi reduzida de “BB+” para “BB” em Setembro último. O “rating” em vigor para o banco e a República “indica que o emitente enfrenta importante incertezas”, lê-se em nota explicativa da agência Dagong, que descrimina a tabela de classificações que vai do “rating” máximo “AAA” até “D” (“default” ou “incumprimento”).

 

Já a classificação de curto prazo é “B” e faz parte de uma escala mais pequena, que vai de “D” a “A” mas tem menos níveis intermédios.

 

O "rating" atribuído ao BES representa uma “razoável capacidade de cumprir as suas obrigações de curto prazo.” Ainda assim, esta classificação contempla a existência de “um nível significativo de características especulativas”, lê-se num documento da agência de notação.

 

 


Para visitar a fonte da informação clique aqui