Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Moção de censura foi rejeitada com 131 votos da maioria PSD/CDS

18.07.13 | Planeta Cultural
Após mais de três horas de debate da moção de censura apresentada pelos Verdes, o chumbo do Governo foi afastado pelos votos da direita.
 

Os votos a favor de PS, PCP, Bloco e Verdes não foram suficientes para derrubar o Governo. A moção de censura apresentada pelo partido ecologista teve 87 votos a favor de todas as bancadas da esquerda, que se revelaram insuficientes face aos 131 votos contra do PSD e CDS, os partidos que suportam o Executivo. Foi a quinta moção de censura que o Governo enfrentou e ultrapassou.

 

Quando a presidente da Assembleia da República, Assunção Esteves, anunciou os resultados, as bancadas do PSD e do CDS irromperam num aplauso ruidoso que durou alguns minutos. Alguns deputados socialistas foram saindo da bancada enquanto a maioria aplaudia o chumbo da moção.

 

No debate, o PS chegou a criticar o “triste serviço” que resulta da apresentação da moção de censura, por considerar que beneficia a direita. Paulo Portas demonstrou ter um entendimento semelhante, ao afirmar que uma moção de censura que é rejeitada “é uma espécie de moção de confiança”. “Uma censura que não censura, confia”, resumiu.

 

No final, um dos cidadãos presente nas galerias atirou um chinelo para o meio do hemiciclo, sendo retirado de seguida pelas autoridades.

 

Os partidos da maioria, principalmente o PSD, insistiram durante quase todo o debate que a moção, rejeitada, tem um significado: o apoio parlamentar ao Governo. “Se for aprovada, o Governo é demitido, se não for, então tem a confiança do Parlamento para prosseguir”, atirou Luís Montenegro. A esquerda pediu uma ida a votos. “Qual é o seu medo de eleições? Parecia, há pouco, que falava do país das maravilhas, então qual é o seu medo?”, ironizou Heloísa Apolónia, dos Verdes.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural