Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tags

Mais tags



Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Ben Bernanke deixa Wall Street em terreno positivo

Quarta-feira, 17.07.13
Os mercados norte-americanos fecharam o dia em alta após o presidente da Reserva Federal ter garantido que o banco central não tem um calendário pré-definido para a redução do programa de estímulos à economia.
 

O índice industrial Dow Jones avançou 0,12% para os 15.470,52 pontos, o Nasdaq subiu 0,32% para os 3.610,00 pontos e o S&P500 valorizou 0,23% para os 1.680,02 pontos.

 

Os mercados accionistas reagiram em alta às aguardadas palavras de Ben Bernanke, uma vez que o presidente da Reserva Federal afirmou que “não há de modo algum qualquer calendário pré-definido” para a retirada de estímulos à economia.

 

“Se a perspectiva para o desemprego ficar menos favorável, se a inflação não caminhar em direcção aos 2%, ou as condições financeiras forem consideradas não acomodatícias o suficiente para nos permitir atingir os objectivos do nosso mandato, o actual ritmo de compra [de títulos de dívida] pode ser mantido por mais tempo”, disse o presidente da Fed.

 

Foi o que os mercados queriam ouvir. As bolsas europeias estavam em terreno negativo e passaram a registar ganhos em torno de 1% e Wall Street iniciou a sessão em alta e assim se manteve até ao final do dia.

 

“Os mercados estão a reagir ao facto de a Fed assegurar que não vai criar nenhuma definição arbitrária para definir quando e em quanto vai começar a reduzir o programa de compra de dívida”, afirmou um analista à Bloomberg.  

 

Bernanke acrescentou que, por outro lado, se a economia crescer de forma mais rápida que o esperado e a inflação acelerar, “o ritmo de compra de obrigações pode ser reduzido de forma mais rápida”.

 

O presidente da Fed, na comunicação inicial perante o Senado dos Estados Unidos, deixou claro que os estímulos à economia só vão ser reduzidos quando a economia der sinais de crescimento mais forte, o que justifica a reacção positiva dos mercados. Os investidores temiam que a “saída de cena” da Fed representasse uma ameaça à retoma.

 

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 23:12

1 comentário

De Frederico Silva Leal a 18.07.2013 às 15:41

Por favor, visitem, comentem e partilhem.
http://economiaeactualidade.blogs.sapo.pt/
Obrigado

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Pesquisar

 


subscrever feeds


Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural