Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Ronaldo responde a Blatter e este pede desculpa

29.10.13, Planeta Cultural

 "Assim se vê o respeito e consideração que a FIFA tem por mim, pelo meu clube e pelo meu país", escreveu na conta de Facebook.

A controvérsia em redor das afirmações de Joseph Blatter, líder da FIFA, sobre Ronaldo e Messi conheceu novos desenvolvimentos com a resposta do capitão da selecção nacional através da sua conta de Facebook e o pedido de desculpa do dirigente. "Este vídeo mostra claramente o respeito e a consideração que a FIFA tem por mim, pelo meu clube e pelo meu país", escreveu Ronaldo.

"Muita coisa está agora explicada", acrescentou o craque português. "Desejo ao senhor Blatter saúde e uma vida longa com a certeza de que vai continuar a ser testemunha, como merece, dos sucessos das equipas e dos jogadores seus favoritos", concluiu.

A resposta do máximo dirigente da FIFA surgiu pouco depois na forma de um pedido de desculpa a Ronaldo e à comunidade do futebol português. "Peço-lhe que transmita as minhas desculpas ao jogador e à comunidade do futebol português e que aceite, caro presidente, os meus mais cordiais cumprimentos", escreveu Blatter na resposta à missiva enviada por Fernando Gomes, presidente da Federação, de acordo com a agência Lusa.

"No fim da minha intervenção, o moderador perguntou-me sobre os jogadores Cristiano Ronaldo e Lionel Messi. Respondi-lhe que estes dois jogadores são excepcionais, as estrelas do nosso desporto, iguais, mas cada um com um estilo de jogo diferente. Lamento, sinceramente, que as minhas palavras, colocadas fora do contexto, tenham sido mal interpretadas", acrescentou Blatter, numa carta cujo teor foi já transmitido ao Real Madrid e a Ronaldo.

Blatter afirmou preferir Messi a Ronaldo durante uma conferência na Union Oxford Society e indicou que Ronaldo "gasta muito dinheiro no cabeleireiro". Real Madrid e Federação reagiram, tecendo críticas públicas e enviando cartas ao presidente da FIFA no sentido de que corrigisse e esclarecesse as suas afirmações.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Túnel subaquático liga Europa à Ásia em Istambul

29.10.13, Planeta Cultural

As obras duraram nove anos. O túnel tem 1400 metros debaixo de água. Na inaguração, a polícia usou gás lacrimogénio para dispersar manifestantes anti-Erdogan.

A Turquia inaugurou hoje em Istambul o túnel ferroviário que une a Ásia e a Europa, construído debaixo do estreito do Bósforo e que liga os lados europeu e asiático da cidade. A inauguração do megaprojeto aconteceu no mesmo dia em que a Turquia comemora os 90 anos da sua República.

O túnel Marmaray vai permitir deslocações entre os dois continentes em quatro minutos.  "O Marmaray, que esteve suspenso durante 150 anos, é finalmente uma realidade", disse o primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, perante uma multidão compacta de muitos milhares de pessoas concentradas do lado asiático de Istambul.

O primeiro-ministro já foi presidente da Câmara de Istambul e era um grande defensor do projeto. "Marmaray é um projeto de paz e de solidariedade que poderá ligar Pequim a Londres", salientou o primeiro-ministro, um dos passageiros do primeiro comboio intercontinental.

O túnel tem como objetivo facilitar o tráfego intercontinental num trajeto que é usado diariamente por muitos milhares de habitantes da cidade. A ideia remonta a 1860 mas a falta de meios técnicos e de dinheiro fizeram com que só voltasse a ser falado
 nos anos 90 do século passado.

Com o apoio financeiro do Banco do Japão para a cooperação internacional e do Banco Europeu de Investimentos a obra começou em 2004, a cargo nomeadamente de um consórcio de empresas turcas e japonesas e de empresas espanholas. O custo total da obra está estimado em três mil milhões de euros.

Os trabalhos deviam ter sido concluídos em quatro anos mas estiveram muito tempo suspensos devido à descoberta de uma série de tesouros arqueológicos.

Enquanto decorria a cerimónia de inauguração, a polícia dispersou com gás lacrimogéneo milhares de pessoas que se manifestavam contra o regime de Erdogan, segundo a agência France Presse.


O túnel não servirá apenas para comboios urbanos, transportando diariamente até 1,5 milhões de pessoas para os dois lados de Istambul, mas também terá uma via para comboios de longa distância que liguem a Europa e a Ásia. A partir de 2015 deverá estar pronto para a circulação rodoviária.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Carta armadilhada enviada à ministra para a Irlanda do Norte

29.10.13, Planeta Cultural

O castelo de Stormont, nos arredores de Belfast, foi hoje evacuado devido à descoberta de uma carta-bomba.

Uma carta armadilhada foi encontrada esta manhã no Castelo de Stormont, sede do Parlamento da Irlanda do Norte, obrigando à evacuação do edifício.

Segundo o "Irish Time", o envelope foi descoberto junto dos escritórios do ministro principal, Peter Robinson, e do adjunto Martin McGuinness, e era dirigido à ministra britânica para a Irlanda do Norte, Theresa Villiers.

Após o alerta de segurança, a polícia deslocou-se ao local para desativar a bomba, que será alvo de um exame forense para determinar o tipo de explosivo aplicado, refere a mesma fonte.

Theresa Villiers encontra-se hoje em Londres para uma reunião com o ex-diplomata norte-americano Richard Haass, sobre o processo de paz na Irlanda do Norte. "Eu condeno largamente os ataques a que temos assistido nos últimos dias. Se os responsáveis por este tipo de atividade criminosa pensam que irão ameaçar qualquer agenda, estão completamente enganados", declarou Theresa Villiers aos jornalistas.

Já Peter Robinson disse que os terroristas "não têm nada para oferecer, além da miséria."

Entretanto, o ministro da Justiça David Ford também lamenta o episódio e acusa os bombistas de colocarem em risco a vida de funcionários do Parlamento e dos Correios. "Os Correios têm sido bastante ativos no reforçar das medidas de segurança para detetar pacotes suspeitos e proteger os nossos cidadãos", garante.

Ontem, a polícia da Irlanda do Norte detetou um envelope armadilhado no edifício do Ministério Público da cidade de Derry, enquanto na sexta-feira foram também descobertas duas cartas-bomba enviadas a dois comandantes da corporação, entre eles o chefe máximo Matt Baggott.

Um grupo de dissidentes do antigo Exército Repúblicano Irlandês já reinvidicou estes atos.

Na altura, Theresa Villiers já tinha condenado o terrorismo, classificando estes atos de "irresponsáveis" e sublinhando que se opõem ao processo de paz na região.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Wall Street animada com Resultados e Fed

29.10.13, Planeta Cultural

As bolsas norte-americanas encerraram a sessão em terreno positivo, impulsionadas por resultados acima do esperado e numa semana em que a Reserva Federal volta a reunir e em que se espera a manutenção dos estímulos à economia.

 

O Dow Jones avançou  0,31% para os 15.680,35 pontos enquanto o Nasdaq apreciou 0,31% para os 3.952,338 pontos. Já o S&P 500 somou 0,46% para os 1.770,21 pontos.

 

Os dados económicos divulgados alimentaram a perspectiva de que a economia norte-americana está com uma fraca prestação, reforçando a ideia que a Reserva Federal vai anunciar esta semana que manterá inalterada a política de estímulos económicos.

 

O índice elaborado pelo Conference Board caiu para 71,2 pontos, em Setembro, de 80,2 pontos, no mês anterior. Esta foi a maior queda desde Agosto de 2011.Os economistas consultados pela Bloomberg aguardavam que o índice caísse para 75 pontos.

 

Este pode ser mais um reforço para que a Reserva Federal mantenha inalterados os estímulos à maior economia do mundo. Recorde-se que a Fed reúne-se esta semana.

 

Além disso os resultados de empresas também têm impulsionado as bolsas. O S&P 500 subiu mesmo em 12 das últimas 14 sessões, uma vez que as empresas superaram estimativas e porque os sinais de abrandamento económico impulsionaram as apostas de que a Fed vai manter os estímulos à maior economia do mundo.

 

Entre as empresas que mais impulsionaram os índices estive a Google, que subiu 2,09% para os 10.36,24 dólares e a yahoo, que avançou 2,53% para os 33,17 dólares.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui