Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Rui Moreira: "Câmara estará aberta para o FC Porto celebrar"

05.10.13, Planeta Cultural


Novo presidente da Câmara Municipal fala sobre a relação da autarquia com os dragões

 

Rui Moreira garante que o FC Porto terá abertas as portas da Câmara caso seja campeão, retomando assim uma tradição interrompida por Rui Rio. "Pela enésima vez, a Câmara do Porto e a sua varanda estarão abertas ao FC Porto e a todo e qualquer clube da cidade que por algum motivo de relevo pretenda utilizar a varanda para celebrar com os seus adeptos", declarou o autarca, numa entrevista ao "Jornal de Notícias".

"Pela minha parte, já o disse e repito, vou tratar o FC Porto como uma grande instituição da cidade. Será tratada por mim com todo o cuidado, com todas as atenções", sublinhou o novo presidente da Câmara Municipal.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Aves de rapina levantam voo no Palácio de Queluz

05.10.13, Planeta Cultural


Falcões, águias, corujas e milhafres são algumas das aves que, de terça-feira a domingo, nos jardins do Palácio Nacional de Queluz, participam no programa de dinamização daquele espaço, revivendo a arte da caça praticada durante certos períodos da monarquia.

 

Sempre ao meio-dia, caso as condições atmosféricas sejam favoráveis, o espetáculo promete fazer as delícias de miúdos e graúdos.

 

A milenar arte da Falcoaria junta-se às apresentações de Arte Equestre, a cargo da Coudelaria de Alter, entidade responsável pelos dois espetáculos que animam os jardins do Palácio situado no concelho de Sintra.

 

O ambiente histórico esteve na base da escolha do local, evocando os séculos XIV, no tempo do rei D. Fernando, e XVIII, após a restauração da independência, quando se viveram os períodos de maior esplendor desta arte da caça em Portugal.

 

"A empresa Parques de Sintra -- Monte da Lua tenta sempre recuperar as tradições históricas dos polos que está a gerir e, portanto, no caso de Queluz sabemos que havia falcões, tal como outras aves exóticas, e estamos a tentar reintroduzir essa arte", afirmou Maria Alcaparra, daquela entidade.

 

Segundo esta responsável, o objetivo é "atrair mais pessoas para perceberem melhor o que se passava" naquele espaço.

 

O projeto surgiu em junho de 2012 e arrancou no terreno no início do verão de 2013.

 

"Ao fim dos primeiros 15 dias estávamos já com as aves socializadas ao ambiente do Palácio e ao público", disse à agência Lusa Mário Crespo, responsável pelo projeto de Falcoaria no Palácio de Queluz.

 

Além da componente de lazer e turística há, também, uma vertente educativa, "pensando nas escolas, nessa componente de educação ambiental, proporcionando às crianças um contacto próximo com as aves", afirmou Mário Crespo.

 

Portugal tem cerca de 30 espécies de aves de rapina e esse facto não foi ignorado.

 

"É muito importante para o visitante ficar com uma visão mais alargada da grande diversidade que este grupo de aves representa", explicou.

As aves noturnas são as mais populares entre as crianças, em particular a coruja nival, porque "muitas crianças facilmente a reconhecem".

"Era a ave do 'Harry Potter'", adiantou Mário Crespo.

 

Em simultâneo, está disponível nas instalações do Palácio uma exposição sobre Falcoaria para se ficar a conhecer mais sobre as aves e esta arte de caça.

 

Conhecida em tempos antigos como o desporto de Reis e príncipes, esta modalidade de caça terá surgido em 1400 antes de Cristo, na Mesopotâmia, tendo-se difundido depois para oriente e terá chegado à Europa por volta de 448 depois de Cristo.

 

Sempre foi mais praticada por lazer do que para obter alimento.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Que se Lixe a Troika pede demissão de Presidente da República e primeiro-ministro

05.10.13, Planeta Cultural

Depois da bandeira nacional ter sido hasteada, os manifestantes começaram a cantar "Grândola Vila Morena"

O Movimento que Lixe que se Lixe a Troika exigiu hoje a demissão do Presidente da República e do primeiro-ministro durante as comemorações oficiais do 5 de Outubro, em Lisboa.

À chegada ao salão nobre dos Paços do Concelho, onde decorrem as comemorações do Dia da Implantação da República, o primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, e o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, foram vaiados pelos elementos do Movimento que se Lixe a Troika, que se manifestam no local.

"Demissão", gritavam os manifestantes.

Os protestos, que já se faziam ouvir desde as 10:30, subiram de tom quando chegaram o Presidente da República e o primeiro-ministro, cerca das 11:15, altura em que pediram a demissão dos dois responsáveis políticos.

"Demissão", foi também a palavra gritada enquanto o chefe de Estado hasteava a bandeira nacional na varanda dos Paços do Concelho.

Depois da bandeira nacional ter sido hasteada, os manifestantes começaram a cantar "Grândola Vila Morena".

As comemorações oficiais do 5 de Outubro não estão a suscitar interesse por parte dos populares, despertando apenas a curiosidade de alguns turistas que passam pela Praça do Município.



Para visitar a fonte da informação clique aqui

Comuna da Chicala vai ter novas escolas

05.10.13, Planeta Cultural

A informação foi avançada hoje, sábado, pelo administrador comunal da Chicala, António Valeriano, salientando que os estabelecimentos de ensino vão ser erguidos nas embalas e aldeias da região.

 

Sem revelar o valor financeiro a ser empregue na construção das escolas, sublinhou que, no mesmo programa, duas outras vão ser reabilitadas, já que  foram destruídas na sequência de fortes ventos que assolou a região no mês de Setembro.

 

A construção das novas escolas possibilitará a integração no sistema de ensino de mil 279 crianças que actualmente sejam matriculadas no próximo ano lectivo devido a insuficiência de salas de aulas.

 

Em 2013 foram matriculados três mil 887 alunos da iniciação a nona classes.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Dia Mundial dos Professores

05.10.13, Planeta Cultural

Assinala-se hoje, 5 de Outubro, O Dia Mundial dos Professores, com o objectivo de se chamar a atenção das opiniões públicas para os desafios e as dificuldades com que os educadores se confrontam.

 

A data, instituída em 1966 pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) e Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), deve-se ao cumprimento das directrizes que norteiam a formação e as condições de trabalho dos professores.

 

Ambas organizações estabeleceram directrizes que norteiam a formação e as condições de trabalho dos professores, a participação deles e de seus representantes em decisões educacionais e as medidas que devem ser tomadas em cada país para a qualificação de profissionais e de ambientes de aprendizagem.

 

A efeméride, segundo a Unesco, é aproveitada para comemorar a profissão, cujo papel na educação de jovens e adultos permanece essencial.

A falta de professores qualificados torna-se num problema crucial. A Unesco estima que mais de 18 milhões de professores são necessários para que a meta de Educação Primária Universal (EPU) seja atingida até 2015.

 

Essa carência é especialmente aguda em África, onde mais de 3,8 milhões de professores são necessários para que a EPU seja atingida. A falta de professores, em muitos países do continente, faz com que uma sala de aulas albergue 60 ou mais alunos.

 

É geralmente reconhecido que educação de qualidade não pode ser oferecida em salas de aulas com mais de 40 alunos.

 

"Mesmo quando a oferta geral de professores é suficiente, áreas remotas e em desvantagem em todo o mundo podem sofrer com problemas persistentes de contratação e retenção de professores.

 

Essa falta de professores qualificados é um dos maiores desafios para as metas da Educação Para Todos (EPT)" - segundo mensagem conjunta da Unesco/OIT/Unicef.

 

Todos os anos comemora-se o Dia Mundial dos Professores e esta data deve servir para lembrar o quanto é imprescindível, numa sociedade de futuro, o professor, aquele que ensina, através da transmissão de conhecimentos, aquele que educa, através do exemplo que dá, aquele que “marca” com a sua conduta amiga, acolhedora e responsável.

 

Hoje, ser professor é muito mais que estar ou saber estar na sala de aulas.

 

Para todos os professores no activo, e para aqueles que já estão aposentados, a Unesco/OIT/Unicef endereça um forte abraço, com muita esperança, optimismo e admiração por abraçarem uma profissão de enorme desgaste, físico e psicológico, a quem tudo se pede, em troco de muito pouco ou, quantas vezes, quase nada.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Perereca, cor de chocolate, descoberta por cientistas como nova espécie de animal no Suriname

05.10.13, Planeta Cultural

Cientistas anunciaram a descoberta de novas espécies de animais no Suriname. A perereca com cor de chocolate da foto acima é do gênero Hypsiboas. Os aros nas extremidades de seus dedos a ajudam a subir árvores. Foto: Stuart V. Nielsen

 

Cientistas anunciaram a descoberta de novas espécies de animais no Suriname, entre elas uma perereca com cor de chocolate do gênero Hypsiboas e um minúsculo besouro (Canthidium minimum), de 2,3 milímetros.

 

A nova espécie de besouro pode ser a menor da região e talvez a segunda menor do continente.

 

A expedição mais recente de pesquisadores ao país descobriu onze espécies até então desconhecidas.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui