Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Pirate Bay: produtores de vídeo solicitaram remoção de servidor português

01.07.13, Planeta Cultural

 

Poucas horas depois ser anunciado o lançamento, representantes de autores e produtores de vídeos solicitaram a remoção do primeiro mirror do The Pirate Bay em Portugal. A remoção pode não demorar mais de dois dias.

 

A Federação Editores de Videogramas (FEVIP), a Associação para Gestão de Direitos de Autor, Produtores e Editores (GEDIPE) e o Movimento Cívico Anti-Pirataria na Internet (MAPiNET) solicitaram junto da Claranet a remoção do primeiro servidor que espelha o serviço do The Pirate Bay em Portugal.

O pedido, que ocorreu poucas horas depois da estreia do mirror do mais famoso site de partilha de ficheiros do mundo, invoca a Lei 7/2004 com o objetivo de garantir que o endereço será removido.

 

Não é a primeira vez que as entidades que gerem e representam os direitos de autor em Portugal se socorrem desta lei para conseguir remover sites suportados por operadores de telecomunicações e serviços de alojamento sedeados em Portugal. Ao que a Exame Informática apurou, o processo é recorrente e expedito – e, regra geral, os operadores de telecomunicações e serviços de alojamento costumam acatar os pedidos de remoção das associações que provam que um site partilha filmes e música sem o consentimento dos autores... o que, no caso do mirror do The Pirate Bay, não será muito difícil de provar.

 

Nos bastidores das tecnologias e das telecomunicações, há mesmo quem aponte a Lei 7/2004 como a principal razão que terá levado à redução do número de sites que distribuem pirataria a partir de Portugal nos últimos anos.

 

Os pedidos de remoção de sites piratas costumam ser executados em 24 horas, quando são considerados válidos. A lei prevê que, quando o ISP ou a entidade que aloja o serviço não considera o pedido de remoção válido, se recorra a uma entidade supervisora (geralmente a Inspeção Geral de Atividades Culturais) para decidir sobre o caso em 48 horas.

 

Apesar deste mecanismo de remoção rápida de conteúdos ilícitos, a lei não impede o recurso aos tribunais comuns quando os responsáveis pelos sites visados, os operadores ou os representantes dos autores considerem que a remoção ou não remoção não se justifica do ponto de vista legal.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Solução da BlackBerry protege dados empresariais em Android e iOS

01.07.13, Planeta Cultural

A BlackBerry lançou recentemente o Secure Work Space, um add-on que se propõe separar dados pessoais e profissionais em diferentes dispositivos móveis.

 

A aplicação, que faz parte do BlackBerry Enterprise Service (BES) 10, permite alternar entre o "modo pessoal" e o "modo profissional" na utilização de um smartphone ou de um tablet e está agora disponível para dispositivos Android e iOS. 

 

Pretendendo dar resposta ao fenómeno BYOD (bring your on device), cada vez mais acentuado, a plataforma dá às empresas um maior controlo sobre os dados que circulam nas suas redes, mesmo os alojados em telefones pessoais. 

 

O o Secure Work Space cria um modo distinto para o email, a agenda, os contactos e a intranet empresarial, permitindo que os departamento de TI possam acrescentar ou remover outras aplicações dessa "área empresarial" sem afetar qualquer informação pessoal guardada no dispositivo. 


Esta separação impede, por exemplo, que os utilizadores copiem uma mensagem do seu perfil empresarial para o perfil pessoal. Também impede que uma infeção de malware no modo pessoal possa afetar os dados corporativos, refere a BlackBerry. 

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

 

Paulinho confirma saída para o Tottenham e chora

01.07.13, Planeta Cultural

O médio do Corinthians, Paulinho, confirmou que será jogador do Tottenham na próxima temporada, num negócio que deverá ser fechado por uma verba a rondar os 20 milhões de euros.

 

"Não vou jogar a Recopa, não vou atuar pelo Corinthians porque há exigências contratuais da parte do Tottenham. Não há nada para discutir. Foi uma decisão que todos nós respeitamos. Claro que tinha uma vontade enorme e gigante de ganhar mais um título", disse, apontando a impossibilidade de jogar a Recopa sul-americana, uma competição que irá opôr o Corinthians ao São Paulo.

 

O futebolista, de 24 anos, que se sagrou vencedor da Taça das Confederações pelo Brasil no domingo, despediu-se em lágrimas da "torcida" do Timão:

 

"É difícil falar num momento como este. Tenho a certeza que foram três anos maravilhosos na minha carreira, de conquistas, a trabalhar com pessoas corretas, coerentes, que sempre me ajudaram. O que posso dizer é até logo. Daqui a pouco volto".

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Rota das Vocações ajuda alunos a escolher um futuro

01.07.13, Planeta Cultural

Arrancou esta segunda-feira a 3ª Rota das Vocações de Futuro. De 1 a 5 de Julho, 50 jovens de todo o país vão embarcar numa viagem à indústria portuguesa, de Norte a Sul do país, que os vai ajudar na escolha de uma profissão.

 

Em jeito de prémio para os jovens do 8º e 9º ano de escolaridade que tenham melhorado significativamente as suas notas ao longo do ano, a ideia é ajudá-los a encontrar novas profissões.

 

Esta Rota destina-se àqueles "para quem esta viagem possa ser um contributo decisivo para o seu desenvolvimento enquanto pessoa, cidadão, estudante e futuro profissional no mercado de trabalho", escreve a Associação EPIS - Empresários Pela Inclusão Social, responsável pela iniciativa, em comunicado.

 

Este ano, o tema é a Indústria em Portugal, com o objetivo de sensibilizar os jovens selecionados para "o interesse e potencial de uma carreira profissional na indústria, seja em empresas portuguesas, seja em multinacionais."

 

 Para isso vão ser realizadas visitas a diversas empresas, onde alguns voluntários explicarão os negócios e processos que gerem, mostrarão as instalações e as funções e atividades em curso.

 

O tiro de partida foi dado esta segunda-feira, na produtora de laticínios Latogal, em Frielas. Conta com passagens pela fábrica de Aveiro da Bosch, à fábrica de Campo Maior da Delta, pela Assembleia da República, pelo centro de distribuição do Minipreço, pela Fundação Calouste Gulbenkian, entre outros. A viagem decorre até sexta-feira à à tarde.

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Doença de Alzheimer revertida pela primeira vez

01.07.13, Planeta Cultural

Um grupo de investigadores conseguiu reverter pela primeira vez a doença de Alzheimer. A equipa de cientistas canadianos usou uma técnica de estimulação cerebral profunda que pôs um travão à doença.   

 

Doze meses depois não houve quaisquer sinais de permanência ou até mesmo regresso da doença de Alzheimer nos seis pacientes que constituíram a amostra do estudo, inicialmente apresentado em Novembro de 2011 numa conferência da Society for Neuroscience.

 Em dois destes pacientes, a deterioração da área do cérebro associada à memória não só deixou de encolher, voltando ainda a crescer e a aumentar de tamanho. Nos restantes quatro pacientes, o processo de deterioração desta região do cérebro parou por completo. 
  
Segundo a equipa de investigadores da Universidade de Toronto, liderada por Andres Lozano, nas pessoas portadoras de Alzheimer, a região do hipocampo é uma das primeiras a ser afetada e a reduzir o seu tamanho.   
 
Uma vez que o centro de memória funciona nessa área do cérebro, há uma grande alteração a esse nível: as memórias de curto prazo são convertidas em memórias de longo prazo. Por isso mesmo, a degradação do hipocampo é aquilo que revela os primeiros sintomas da doença, nomeadamente a perda de memória e a desorientação.   
 
Vários exames cerebrais feitos a pacientes com Alzheimer dão a conhecer que o lobo temporal (região do cérebro onde se encontra o hipocampo e o córtex cingulado posterior) absorve muito menos glicose do que o normal, daí o seu mau funcionamento e consequente degradação.   
 
Por forma a reverter este quadro degenerativo, Lozano e a equipa recorreram a uma técnica de estimulação cerebral, que envia pequenos impulsos elétricos (130 vezes por segundo) para o cérebro através da implantação de elétrodos.
 
Os dispositivos foram implantados junto do fórnix -  aglomerado de neurónios que envia sinais para o hipocampo - dos pacientes em estudo, diagnosticados com Alzheimer há pelo menos um ano. 
  
Passado um ano desde o início da investigação, os testes mostraram que a redução de glicose foi revertida e que o lobo temporal voltou a funcionar corretamente.   
 
As conclusões do estudo, publicadas em 2012 no jornal científico "JAMA Neurology", podem conduzir a novos caminhos para tratamentos da doença de Alzheimer, uma vez que a doença foi, pela primeira vez, revertida.   
 
Ainda assim, os cientistas admitem que a técnica ainda não é definitiva e que é preciso fazer uma maior pesquisa, pelo que estão agora a realizar uma segunda fase de testes, desta vez com 50 pessoas portadoras de Alzheimer.

 Clique AQUI para saber mais sobre o estudo e AQUI para conhecer o líder da investigação.
 
 
 

[Para visitar a fonte da informação clique aqui]