Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Jean-Michel Jarre prepara academia de música eletrónica em Londres

02.01.13, Planeta Cultural



O compositor Jean-Michel Jarre estará a preparar o lançamento de um negócio de música eletrónica em Londres, mais precisamente uma academia de música, noticia a imprensa francesa.

O músico, que foi recebido em audiência pelo chefe do governo britânico David Cameron, desmentiu notícias de que a escolha tenha ver com a eventual procura de um «exílio fiscal».

O projeto, que está ligado ao lançamento da Tech City (um projeto ligado ao empreendimento e à inovação tecnológica na zona de East London), deverá ser concretizado através de uma academia de música eletrónica dirigida pelo próprio compositor, através da sociedade Jarre Technologies.

 

 

Se assim o desejar, visite a fonte da informação clicando aqui



Ter excesso de peso pode aumentar esperança de vida

02.01.13, Planeta Cultural

Pessoas com excesso de peso têm menores probabilidades de morrer prematuramente do que aquelas com o peso ideal, segundo um novo estudo.

Os investigadores sustentam que umas das causas para isso se verificar é que as pessoas com peso a mais frequentam mais regularmente o médico.

Todavia, o estudo, realizado com mais de três milhões de adultos, permitiu constatar que o mesmo não se verifica com pessoas obesas.
Katherine Flegal, do Centro Nacional de Estatísticas de Saúde dos EUA, descobriu que aquelas que apresentam peso a mais têm menos 6% de risco de morrer prematuramente do que aquelas com peso normal.

Os voluntários envolvidos no estudo são provenientes dos EUA, Canadá, Europa, Austrália, China, Japão, Brasil, Israel, Índia e México.

Os cientistas, no estudo publicado no jornal American Medical Association, argumentam que «uma possível explicação para esta sobrevida está relacionada com idas mais frequentes ao médico, o que permite o diagnóstico de outras doenças, o acompanhamento de problemas cardíacos, entre outros factores».

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Flamengo divulga nesta quarta-feira quais jogadores devem se reapresentar à pré-temporada

01.01.13, Planeta Cultural

O Flamengo anuncia nesta quarta-feira quais jogadores irão se apresentar na quinta-feira de manhã, no CT do Ninho do Urubu, para a realização da pré-temporada. O técnico Dorival Júnior já fez a lista dos atletas com os quais ele conta para o início do período de treinamentos.

 

Em meio à expectativa do anúncio, seis atletas já têm a certeza de que não integram essa lista feita pelo treinador rubro-negro: o goleiro Marcelo Carné, o zagueiro Arthur Sanches, o lateral-esquerdo Magal e os volantes Maldonado e Rômulo, além do meia Bottinelli.

 

Outra ausência confirmada é a de Wellington Silva. O lateral-direito preferiu jogar a temporada de 2013 pelo Fluminense ao continuar no clube da Gávea.

 

As incertezas na lista ficam por conta de Leonardo Moura e Amaral. Com os contratos encerrados no último dia de 2012, o camisa 2 e o volante ainda negociam a permanência no Rubro-Negro.

 

Um dos principais jogadores da equipe, porém, está garantido na reapresentação: Vagner Love se reapresentará com o restante do elenco. Embora os treinamentos sejam realizados no próprio CT, os jogadores e a comissão técnica ficarão hospedados em um hotel na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

 

 


Se assim o desejar, visite aqui a fonte da informação

Estado assume dívida de 10 milhões de Vítor Baía

01.01.13, Planeta Cultural

O Estado assumiu, através da empresa pública Parvalorem, a dívida de quase 10 milhões de euros de duas empresas de Vítor Baía ao BPN. A dívida resulta da concessão de créditos pelo banco, quando era liderado por José Oliveira e Costa, às sociedades Sunderel - Gestão Imobiliária, e Cleal - Investimentos Imobiliários, que foi gerida por António Manuel Esteves, o ex-sócio a quem Vítor Baía acusou de burla.

 

As dívidas da Sunderel e da Cleal ao BPN foram transferidas para a Parvalorem, sociedade criada para acolher os activos tóxicos do BPN no âmbito da privatização do banco, que foi nacionalizado no início de Novembro de 2008. Como a Parvalorem comprou esses créditos ao BPN, cabe agora a essa empresa pública recuperar o dinheiro.

 

Para já, segundo apurou o CM, a dívida da Sunderel rondará, incluindo juros de mora, quatro milhões de euros. Já a dívida da Cleal, incluindo também juros de mora, ascenderá a cerca de seis milhões de euros. Os empréstimos do BPN a estas empresas tiveram como objectivo financiar projectos ligados ao sector imobiliário.

 

Mesmo com a dívida total da Sunderel e da Cleal a rondar os 10 milhões de euros, "os créditos das empresas de Vítor Baía não são os piores, porque têm garantias reais", garante fonte conhecedora do processo. E tanto assim é que, segundo assegura a mesma fonte, "as garantias reais dão quase para pagar as dívidas [da Sunderel e da Cleal]".

 

A transferência da dívida destas firmas para a Parvalorem não é um caso único: desde o final de 2011, essa sociedade pública já comprou ao BIC créditos malparados no valor total de quase 4,2 mil milhões de euros.

 

O CM tentou falar, por telemóvel, com Vítor Baía, mas sem sucesso. Foram enviados SMS com o assunto em causa, mas o ex-guarda-redes não respondeu. Vítor Baía realizou, nos últimos anos, investimentos imobiliários: um deles foi o Hotel Évora Machede, no Alentejo.

 

 

In' Vidas

Pág. 11/11