Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Tags

Mais tags



Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Indiana forçada a se casar aos 12 anos supera abusos e vira milionária

Segunda-feira, 28.05.12

Uma mulher indiana de uma classe marginalizada, que chegou a tentar o suicídio para escapar da discriminação, da pobreza e dos abusos físicos, é hoje a presidente-executiva de uma empresa multimilionária da Índia.

 

A vida de Kalpana Saroj, uma executiva bem-sucedida e premiada, tem elementos que parecem saídos de um filme de Bollywood, com a superação de obstáculos até chegar a um final feliz.

 

Nascida em uma baixa casta do grupo Dalit (uma população sul-asiática de várias castas considerada intocável), Saroj foi vítima de bullying na escola, forçada a se casar aos 12 anos, enfrentou pressões sociais para conseguir abandonar seu marido e tentou tirar sua própria vida.

 

"A primeira vez que cheguei em Mumbai (sul da Índia), sequer sabia para onde ir. Eu vinha de uma aldeia tão pequena. Hoje minha companhia dá nome a duas estradas na cidade", relata Saroj, resumindo as transformações que enfrentou em sua vida.

 

Leia mais aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Publicado por Planeta Cultural às 22:46

Bolsas europeias podem afundar 50% se a Grécia deixar o euro

Segunda-feira, 28.05.12

Se a Grécia sair de forma desordenada da união monetária, as acções europeias podem cair para metade, prevê o Societe Generale.

Os lucros das empresas da zona euro podem cair entre 20 a 30% e os juros das obrigações podem sofrer um agravamento de até 200 pontos base. As previsões são de Claudia Panseri, responsável pelas acções do Societe Generale, que recomenda os títulos das farmacêuticas num cenário de maior stress, e desaconselha, sem surpresa, as acções das financeiras.

Numa nota de análise citada pela CNBC, a especialista prevê que o Euro Stoxx 50, índice que reúne as 50 principais empresas da zona euro, poderá cair para metade do seu valor actual num cenário de saída desordenada da Grécia que provoque uma quebra nos resultados empresariais da região durante dois anos, um agravamento dos juros dos títulos de dívida soberana e um aumento do prémio de risco das acções. Só este ano, o Euro Stoxx 50 perde mais de 7%, estando perto de mínimos de seis meses. Se recuarmos até ao início da crise de dívida europeia, em meados de 2008, as perdas agravam-se para 36%.

Panseri refere que com o abandono da Grécia da união monetária, o risco de contágio iria pairar sobre França e Alemanha, já para não falar dos países periféricos, como Portugal e Espanha. "Se por um lado é provável que o banco central tome medidas de estabilização num cenário de contágio, com a elevada correlação entre os índices da zona euro, acreditamos que haveria um aumento do risco de contaminação depois de a Grécia sair da zona euro", indica a especialista do banco francês.

As estimativas para os lucros das empresas da zona euro também não são nada animadoras. De acordo com o Societe Generale, os resultados empresariais podem cair entre 20 a 30% num cenário de abandono de Atenas do euro, devido à quebra no consumo e aos apertos da política orçamental nos outros países do grupo. Já os juros das obrigações poderão subir entre 100 a 200 pontos base. Actualmente, o juro das obrigações espanholas a 10 anos já está perto dos 6,5%, um nível considerado insustentável, enquanto a 'yield' portuguesa com a mesma maturidade, por exemplo, está em 12,17%.

Na bolsa, as farmacêuticas e as empresas relacionadas com produtos alimentares e tabaco seriam os títulos que melhor iriam reagir num cenário de contágio. Panseri nota que são títulos que têm tido comportamentos defensivos em momentos recentes de maior tensão no âmbito da crise de divida europeia, como entre Junho e Setembro de 2011, depois de a Moody's ter colocado o ‘rating' de Itália em revisão para um possível ‘downgrade'. Igualmente atractivas seriam as empresas com uma capitalização bolsista superior a 5 mil milhões de euros, balanços fortes e elevada exposição a mercados emergentes.

Do lado contrário estão as acções dos bancos. "Os títulos financeiros são os mais afectados pelo agravamento do risco da dívida", argumentou. De facto, o índice da Bloomberg para a banca já acumula perdas de perto de 8% em 2012.

 


Para visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 20:54

Canadiana de 12 anos foi aos EUA explicar como a banca defrauda os clientes

Segunda-feira, 28.05.12
Numa conferência sobre o sistema bancário, que decorreu na cidade norte-americana de Filadélfia, uma jovem adolescente canadiana explicou por que é que a banca privada enriquece e os seus clientes não. Veja o vídeo.

 

Chama-se Victoria Grant, é canadiana e tem 12 anos. No passado dia 27 de Abril, proferiu um discurso numa conferência sobre o sistema bancário na América, que decorreu em Filadélfia, onde explicou à audiência a razão pela qual os bancos não estão a funcionar bem.

Grant pronunciou-se contra as fraudes cometidas pela banca e explicou por que é que o seu país e grande parte do resto do mundo se confronta com um elevado nível de endividamento. O vídeo, que está no Youtube, já teve perto de 300.000 visualizações.

Os bancos prejudicam simultaneamente os governos e os seus clientes, na opinião de Victoria Grant. E uma vez que os clientes também pagam impostos para o serviço da dívida nacional, os bancos prejudicam-nos duplamente, opinou.

“Já se interrogaram sobre o porquê de o Canadá estar tão endividado? Já se interrogaram sobre o porquê de os banqueiros dos maiores bancos privados estarem cada vez mais ricos e nós não?”, perguntou Grant à audiência.

Na sua opinião, o sistema bancário canadiano está a "roubar" as pessoas. E como? “Eu explico-vos por que é que os bancos privados não estão a funcionar”, asseverou Victoria Grant. Em primeiro lugar, o governo financia-se junto dos bancos privados e depois continua a aumentar os impostos, ano após ano, para pagar os juros e o serviço da dívida, afirmou.

Os bancos emprestam dinheiro falso, dinheiro que não existe, pois emprestam muito mais do que aquilo que têm realmente nos seus cofres, disse Grant. “Cada vez que os bancos concedem um empréstimo, é criado um novo cartão de crédito, há novos depósitos e dinheiro novo. Generalizando, todo o novo dinheiro que vem do banco assume a forma de empréstimo. Como os empréstimos são dívida, então no actual sistema todo o dinheiro é dívida”.

“Os bancos privados estão a defraudar e a roubar o povo canadiano e têm de ser travados. (…) Parecem os vendilhões do templo, pois manipulam a moeda para roubarem dinheiro ao povo”, atirou.

No seu entender, se o governo canadiano precisar de dinheiro, deve pedi-lo emprestado directamente ao banco central. Esse cenário mudaria as coisas para melhor, explicou. “As pessoas pagariam então impostos justos para reembolsar o Banco do Canadá. Esse dinheiro dos impostos seria por sua vez reinjectado na nossa infra-estrutura económica. Os canadianos poderiam prosperar de novo, com dinheiro real como fundação da estrutura económica e não com dinheiro de dívida”.

“O que é evidente para mim, e só tenho 12 anos, é que estamos a ser defraudados e roubados pelo sistema bancário e um governo cúmplice”. E isso é doloroso, acrescentou.

“O que faremos para travar este crime?”, perguntou. A resposta veio com a conclusão do discurso de quase sete minutos: “Nunca duvidei que um pequeno grupo de pessoas pode mudar o mundo. Na verdade, foi sempre assim que ele mudou”.

Os aplausos foram muitos e o vídeo continua a ser partilhado e divulgado em todo o mundo.

 

Se assim o desejar, visite a fonte da informação e veja o vídeo, clicando aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 20:42

Angela Merkel procura Berlim no mapa, no entanto, aponta para a Rússia

Segunda-feira, 28.05.12

Angela Merkel ficou bem atrapalhada depois de uma visita a uma escola na Alemanha ter falhado a localização de  Berlim no mapa, pois em vez de localizar Berlim, a chanceler alemã acabou por apontar para a Rússia como sendo a cidade alemã que devia indicar!

 

Depois, anda este tipo de gente a dominar a .......Europa!

 

Confira, vendo o vídeo!

 


Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 15:31

Juros da dívida portuguesa caem mais de 30 pontos a dois anos

Segunda-feira, 28.05.12
A taxa de juro da dívida portuguesa está a cair na generalidade dos prazos mas as quedas são mais acentuadas nos prazos mais curtos. Juros de Espanha, Itália e França estão em alta.

 

A yield implícita na dívida pública a dois anos está a cair 33,9 pontos base para 12,306%, segundo as taxas genéricas da Bloomberg para o mercado secundário. As obrigações com prazo de cinco anos registam uma quebra da taxa de juro implícita de 5,2 pontos base para 14,325% e a de 10 anos recuam 1,3 pontos base para 12,231%.

No resto da Europa a tendência predominante é de subida dos juros, com o prémio de risco da dívida espanhola face à alemã a aumentar para um recorde de 509 pontos base na dívida a 10 anos.

A taxa de juro de Espanha a 10 anos está a subir 14,7 pontos base para 6,459% e os juros de França sobem dois pontos base para 2,538%. Em Itália, os juros implícitos na dívida a 10 anos sobem 3,6 pontos base para 5,702%. As bunds alemãs a 10 anos também registam uma subida de 1,4 pontos base para 1,383%.

 

 

Para visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 12:44

Puyol rejeita milhões para deixar o Barcelona

Segunda-feira, 28.05.12

Carles Puyol recebeu, nos últimos dias, propostas milionárias oriundas de clubes da Rússia e do Médio Oriente, que pretendiam persuadi-lo a deixar o Barcelona.

De acordo com o jornal catalão Mundo Deportivo, o defesa-central, de 34 anos, rejeitou as ofertas por pretender terminar a carreira no clube culé.

Puyol está vinculado ao Barcelona até junho de 2013, sendo que a Direção presidida por Sandro Rosell poderá propor um contrato vitalício ao jogador.

 

Para visitar a fonte da informação, clique aqui

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 12:41

Próstata sem receios…

Domingo, 27.05.12

Em torno das doenças da próstata gravita ainda muito desconhecimento e receio. Mas o rastreio e o diagnóstico precoce são essenciais para diminuir a mortalidade associada a estas doenças, de que o cancro é a face mais visível.

Há estudos que indicam que nove em cada dez homens já ouviram falar de cancro da próstata, mas apenas cerca de 20 por cento consultou o médico para falar sobre a doença e submeter-se a rastreio e diagnóstico precoce.

Estes dados são elucidativos do modo como os homens portugueses encaram uma doença que, entre eles, é a segunda causa de morte oncológica, com cerca de 1.800 óbitos anuais e quatro mil novos casos diagnosticados.

Este é um dos factores que pode ajudar a explicar a elevada proporção que o número de mortes assume no número de diagnósticos anuais. É que, com frequência, o cancro da próstata é diagnosticado tardiamente. Por um lado, porque pode desenvolver-se sem sintomas e, por outro, porque muitos homens ainda são relutantes no que respeita ao rastreio.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 15:04

Naruto vai ganhar game social

Sábado, 26.05.12

 

Mais um game social está para chegar no mercado mundial. Trata-se do Naruto X Gree, um título baseado no anime Naruto e produzido pela desenvolvedora Gree. Pelo menos nos primeiros momentos, ele será exclusivo para iOS e Android – sem previsão para a importação ao Facebook. O jogo é baseado em cards e a versão mais básica deve ser gratuita, mas certamente vai haver alguns itens especiais que devem ser comprados com dinheiro real.

 


Para visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 16:15

Câmara aprova lei de crimes na internet

Sábado, 26.05.12

A primeira lei brasileira voltada especificamente para punir cibercrimes começa a sair do papel. Até hoje, o país não tem mecanismos legais para lidar com crimes cometidos nos meios digitais, e a justiça tem agido baseada em leis de caráter geral. O projeto aprovado pela Câmara dos Deputados na  última quarta-feira (23/05) pode se transformar na primeira lei criada para combater delitos virtuais. Mas, o caminho para o texto final foi mais que tortuoso. As discussões em torno da nova lei seguiram uma velocidade nada digital: nada menos que 13 anos se passaram desde que a primeira proposta foi apresentada. Essa primeira proposta ficou conhecida como Lei Azeredo, em referência ao deputado Eduardo Azeredo, do PSDB de Minas Gerais, que a encabeçou. O projeto original tinha 23 artigos mas, para conseguir a aprovação da Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara, acabaram restando apenas 4, reunidos sob o texto do deputado do PT de São Paulo, Paulo Teixeira. Para a base governista, que trabalhou para a aprovação do novo projeto de lei, a proposta original continha excessos e ameaçava a liberdade da internet.

Os quatro tópicos que restaram são: falsificação de dados e cartões, colaboração ao inimigo, racismo e a criação de delegacias especializadas no combate a crimes digitais. Ficaram de fora os pontos mais polêmicos, como a guarda de logs por três anos por parte dos provedores de internet, e a possível criminalização do compartilhamento de arquivos. Em entrevista ao Olhar Digital, o deputado Paulo Teixeira defendeu a redução: "todos os artigos retirados já estão cobertos pela legislação atual e não devem voltar a fazer parte do projeto. A questão mais polêmica, que é a guarda de logs, não terá lugar nessa lei criminal, pois já é tratada no Marco Civil".

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 16:09

Mourinho: «Özil é o melhor 10 do Mundo»

Sábado, 26.05.12

As notícias sobre reforços para o Real Madrid dão conta do interesse de José Mourinho em contratar um médio centro com grande capacidade de organização de jogo, mas o técnico português deixou indicações de que pode estar satisfeito com os futebolistas que tem no plantel, sobretudo Mesut Özil.

 

"É melhor número 10 do Mundo. Possui um enorme talento. Todos vêem coisas de Figo e de Zidane nele e ajuda todos os sectores. Todavia, ainda tem muito potencial e fará história no Real Madrid", afirmou Mourinho.

 

 

Para visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:58


Pesquisar

 


subscrever feeds


Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural

Pág. 2/22