Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Zé Pedro regressa aos palcos no Alive

07.07.11, Planeta Cultural

Os Xutos e Pontapés sobem ao palco do Optimus Alive esta noite, às 21.20 horas, já com Zé Pedro na guitarra. O guitarrista esteve afastado dos palcos depois de ter sido submetido a um transplante de fígado.

 

 

O concerto dos Xutos e Pontapés no Palco Optimus marca o regresso de Zé Pedro aos espectáculos, segundo foi confirmado ao JN por fontes próximas da banda.

Em Maio, o guitarrista deu entrada no Hospital Curry Cabral, em Lisboa, para fazer exames e no início de Junho foi submetido ao transplante de fígado.

Depois de cerca de um mês afastado dos palcos, para recuperar da cirurgia, o músico volta agora a subir ao palco com os Xutos, que vão actuar no Passeio Marítimo de Algés com a formação que fez história no panorama musical português.

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

Cão e dona perdem 44 kg e ganham título de 'campeões de dieta'

07.07.11, Planeta Cultural

Um cão labrador que estava acima do peso ideal e sua dona perderam, juntos, mais de 44 kg, uma façanha que lhes rendeu o título de "campeões da dieta" entregue pela PDSA, uma organização britânica de defesa dos animais.

O cão Lucky perdeu 25% do peso de seu corpo em seis meses e ajudou sua dona, a britânica Alyson King, de 49 anos, a emagrecer 32 kg em uma dieta. "Agora, ele (Lucky) corre e pula por aí, coisas que não conseguia fazer", disse King. Antes, segundo ela, o cachorro tinha dificuldades para andar.

Lucky, de 9 anos, se tornou um "campeão da dieta" após perder 13 cm de "cintura" e quase 13 kg. O método usado foi não dar "agrados" em forma de comida ao cão e fazê-lo se exercitar mais.

 

 

Veterinários da PDSA diziam que, sem essas medidas para emagrecer, Lucky teria sua saúde comprometida e provavelmente não conseguiria viver por muito tempo.

"À medida que seu peso diminuiu, ele ficou muito mais cheio de energia", diz King. "E ele certamente me mantém na linha. Quando chega a hora de sair para passear, ele começa a reclamar, então eu nunca esqueço", afirma a dona. "Tem sido uma verdadeira jornada de perda de peso para nós dois."

A PDSA alerta que a obesidade animal é um problema crescente no Reino Unido, e estima que mais de 33% dos cães e 25% dos gatos (em medições feitas pela organização nos últimos quatro anos) sofram de sobrepeso.

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

Portugal empata com Egipto

07.07.11, Planeta Cultural

A selecção portuguesa de sub-20 de futebol empatou hoje 2-2 com o Egipto, num encontro de preparação para o Mundial da Colômbia, depois de ter feito uma exibição descolorida.

Apesar de não ter feito uma exibição conseguida, Portugal esteve quase a vencer o conjunto africano, graças aos golos nos instantes finais de Luís Martins (87) e Rafael Lopes (88), mas um "penalty" no derradeiro instante deu o empate ao Egipto.

No segundo encontro com o Egipto em 48 horas, a "equipa das quinas" mostrou-se menos fresca do que os africanos, evidenciando muitas dificuldades no jogo ofensivo, daí que grande parte dos lances de perigo tenham surgido na sequência de bolas paradas.

Ao contrário do que tinha acontecido na terça-feira, Portugal sentiu também algumas dificuldades na defesa, sobretudo, perante a velocidade dos egípcios.

O treinador luso, Ilídio Vale, fez quatro alterações no "onze", com as entradas de Ricardo Alves, Ricardo Dias, Serginho e Balde para os lugares de Júlio Alves, Danilo, Caetano e Rafael Lopes.

O Egipto, que tinha sido pouco ambicioso no primeiro jogo, apresentou-se mais afoito e foi mais perigoso do que Portugal, apostando, sobretudo, na velocidade e nos passes para as costas da defesa lusa.

Mohamed Salah Ghaly foi sempre o jogador mais perigoso e acabou por marcar, em contra-ataque, o golo inaugural, aos 32 minutos, tendo tido mais duas soberanas oportunidades na primeira parte, aos dois, com Ricardo Alves a salvar em cima da linha, e aos 34, quando, isolado, atirou por cima.

Portugal, que teve uma contrariedade aos 40 minutos, com a lesão de Serginho, apenas ameaçou no período de descontos, com remates de longe de Pelé e de Alex, que obrigaram Ahmed Nasser a aplicar-se.

Na segunda parte, voltou a ser Alex, na marcação de dois livres, a criar perigo, primeiro fazendo a bola passar ligeiramente possível (55 minutos) e depois acertando na barra (70).

Aos 87, a "equipa das quinas" acabaria por conseguir o empate, num lance fortuito, com Luís Martins a cruzar a bola, que saiu na direcção da baliza, com Ahmed Nasser a deixar a bola entrar. 

No minuto seguinte, aproveitando espaços na defesa egípcia, Portugal chegou à vantagem por Rafael Lopes, no único remate dentro da área, na sequência de uma bola corrida.

A vitória parecia estar assegurada, mas Ricardo Alves cometeu uma grande penalidade no quinto minuto de compensação, convertida por Mohamed Ibrahim.

Portugal defronta a 13 de Julho a Nigéria, no Estádio Nacional, no último encontro de preparação em território luso antes de partir para o Panamá, onde vai participar num torneio com a equipa da casa, os nigerianos e o México. 

No Mundial da Colômbia, Portugal está integrado no Grupo B, juntamente com o Uruguai, a Nova Zelândia e os Camarões.

Jogo disputado no Estádio do Real Sport Clube, Massamá.

Portugal - Egipto, 2-2.
Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:
0-1, Mohamed Salah Ghaly, 32.
1-1, Luís Martins, 87.
2-1, Rafael Lopes, 88.
2-2, Mohamed Ibrahim, 90+5.

Equipas:
 
Portugal: Mika (Tiago Maia, 46), Cédric, Nuno Reis, Ricardo Alves, Mário Rui (Luís Martins, 46), Pele (Júlio Alves, 75), Ricardo Dias (Danilo, 75), Sana (Sérgio Oliveira, 80), Serginho (Alex, 40), Nelson Oliveira (Caetano, 79) e Balde (Rafael Lopes, 46).

Suplentes: Tiago Maia, Luís Ribeiro, Luís Martins, Júlio Alves, Sérgio Oliveira, Danilo, Alex, Caetano e Rafael Lopes.

Egipto: Ahmed Nasser, Ahmed Sobhi El Sayed (Mahmud Alaa El Din, 66), Mohamed Abdel Fattah, Ahmed Hegazi, Hussein El Said Hussein (Aly Fathy Aly, 61), Mohamed Nasser El Neney, Saleh Gomaa Saleh, Mohamed Ibrahim, Moahmed Hamdy Zaki, Mohamed Salah Ghaly (Mahmud Ezzet, 71) e Ahmed Hassan (Mohamed Sobhi El Sayed, 71).

Suplentes: Mohamed Hussein Awaad, Ahmed Mohamed Behirye, Mahmud Alaa El Din, Islam Ashraf, Aly Fathy Aly, Mahmud Ezzet e Mohamed Sobhi El Sayed.

Árbitro: David España (Guatemala).

Acção disciplinar: Cartão amarelo para Júlio Alves (82), Mahmud Ezzet (84), Ricardo Alves (90+3), Cédric (90+3) e Ahmed Hegazi (90+3).


 Visite aqui a fonte da informação