Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Rui Costa: "O Benfica não esbanja dinheiro, procura sim criar um projecto”

21.06.11, Planeta Cultural

O director desportivo do Benfica, Rui Costa, negou hoje a ideia de que o clube tem esbanjado dinheiro em contratações de futebolistas e disse que a saída de André Villas-Boas do FC Porto "não é motivo de preocupação".

"O Benfica não esbanja dinheiro, procura sim criar um projecto, mais-valias e, sobretudo, um plantel que permita lutar por todas as competições em que o clube participa", alegou Rui Costa em jeito de justificação para o elevado número de contratações que o Benfica tem feito neste defeso.

O director desportivo 'encarnado' que abordou esta questão durante uma conferência de imprensa que serviu para dar a conhecer os quatro jovens oriundos da formação que vão realizar a pré-época com o plantel sénior, sustentou que o investimento que está a ser feito na equipa principal visa "não só precaver a próxima época, mas também o futuro".

Sobre os benefícios eventuais que o Benfica poderá colher da saída do treinador André Villas-Boas do principal rival, Rui Costa procurou desvalorizá-la: "A nossa preocupação passa por formar um plantel que nos dê garantias, independentemente das condições dos nossos adversários directos, com os quais não estamos, neste momento, preocupados".

Perante a insistência sobre se ficou surpreendido com a saída do treinador portista para o Chelsea, Rui Costa deu uma resposta diplomática: "Não fico surpreendido quando algum jogador ou treinador português sai para o estrangeiro, por causa da qualidade do nosso futebol".

Voltando ao plantel encarnado para a próxima época, o director desportivo informou que aquele "ainda não está fechado" e que "está a ser feito tudo" para que o Benfica inicie os jogos oficiais da próxima temporada com um plantel que "dê todas as garantias de sucesso."

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

Vítor Pereira: “Há um mês a esta parte fui confrontado com a possibilidade de isto acontecer”

21.06.11, Planeta Cultural

 

Vítor Pereira, o novo treinador do FC Porto, afirmou conhecer toda estrutura bem como a competência da mesma. O novo técnico azul e branco rejeita qualquer tipo de decisão “apressada”, pois reitera que este cenário vinha sendo equacionado há algum tempo.

 

 

“Fui opção no sentido de dar continuidade ao trabalho que foi feito durante este ano. O Porto não toma decisões apressadas ou é apanhado desprevenido, como eu já ouvi. Não acreditem nisso porque este clube não decide nada de forma apressada. A decisão foi-me sendo colocada ao longo da época. Colaram-me a hipótese de assumir a equipa se um dia acontecesse este tipo de situação. É uma opção pensada pela direcção e por mim. Há um mês a esta parte fui confrontado com a possibilidade de isto acontecer. O clube está tranquilo. Neste clube as coisas são feitas com maturidade, bem pensadas. Estou tranquilo, confiante, acreditando na competência, na segurança do processo, nas ideias e na estrutura do clube”, sublinhou.

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

 

Vítor Pereira é o novo treinador do Porto

21.06.11, Planeta Cultural

Futebol Clube do Porto anunciou à CMVM que o adjunto de Villas Boas vai passar a ser o treinador principal da equipa.

 

O Futebol Clube do Porto (FCP) anunciou que Vítor Pereira, adjunto da equipa na época passada, é o novo treinador principal da equipa. O número dois sobe, assim, a número um, com a saída de André Villas Boas, comunicada igualmente no dia de hoje.

O contrato, válido por duas épocas, leva o novo técnico ao cargo deixado vago por Villas Boas, depois de este ter pago a cláusula de rescisão prevista no seu contrato, informou a SAD azul e branca à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). A entrada de Vítor Pereira em funções é imediata.

Pereira era um dos nomes apontados para substituir Villas Boas, que está agora sem contrato e deverá vir a integrar a equipa técnica do inglês Chelsea.

O novo treinador azul e branco foi já técnico do Santa Clara, quando a equipa estava na Segunda Liga, tendo o ano passado integrado a equipa técnica liderada por André Villas Boas, que levou o FCP a ganhar o título de campeão nacional, a vencer a Taça de Portugal, a Supertaça e ainda a conquistar a Liga Europa.

No comunicado à CMVM, a SAD do Porto informa ainda que já recebeu o montante previsto na cláusula de rescisão do contrato que tinha com o antigo treinador, Villas Boas, e que a consumação apenas “depende da formalização do respectivo instrumento de rescisão contratual”. Essa cláusula estava fixada, segundo vários meios de comunicação social, em 15 milhões de euros.

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

JVP: “Se eu fosse presidente do Chelsea gostava de ter o Falcão”

21.06.11, Planeta Cultural
Sobre as possíveis saídas de Falcão e João Moutinho, João Vieira Pinto não tem grandes dúvidas sobre a perspectiva do Chelsea.

O antigo internacional português João Vieira Pinto, hoje comentador, acha que Villas-Boas está preparado para o Chelsea, apesar de chegar ao clube inglês com apenas 33 anos.

Quanto ao sucessor de Villas-Boas, Pinto acha que o FC Porto não vai mudar a sua forma de jogar.

Sobre as possíveis saídas de Falcão e João Moutinho, João Vieira Pinto não tem grandes dúvidas sobre a perspectiva do Chelsea.

“Se eu fosse o presidente do Chelsea, naturalmente gostava de ter o Falcão. E se o dinheiro não for problema, apenas tem de fazer como com o André Villas-Boas: bater a cláusula e leva-lo”. Sobre Moutinho, Pinto diz “Fico com pena, mas é um passo em frente na carreira deles”.


Para visitar a fonte da informação, click aqui