Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Os novos Ministros de Portugal

18.06.11, Planeta Cultural

Foto: DN

 

  • São estes os nossos novos ministros;
  • São estes que vão estar constantemente a serem desdenhados;
  • São estes que se calhar um dia vão se arrepender de terem aceitado o cargo que aceitaram;
  • São estes que um dia vão dizer: Tenho noção que dei o meu melhor;
  • São estes que com a nossa ajuda, poderão salvar Portugal;

 

Força Portugal{#emotions_dlg.ok}

O escritor que não foi à Rússia depois da queda do comunismo

18.06.11, Planeta Cultural

José Saramago é um dos escritores estrangeiros contemporâneos mais conhecido na Rússia mas nunca aceitou convites para se encontrar com os seus leitores russos após a queda da URSS, em 1991.

Um dos últimos convites partiu da Universidade de Moscovo, mas ficou sem resposta. Não obstante, em qualquer grande livraria de Moscovo pode encontrar-se vários livros de Saramago traduzidos para russo.

A obra do Prémio Nobel da Literatura José Saramago está praticamente toda traduzida em russo. O romance "Evangelho Segundo Jesus Cristo" foi traduzido também para ucraniano e estónio.

Na era soviética, às prateleiras das livrarias chegou apenas o seu romance "Levantado do Chão", tendo as suas restantes obras sido impressas na Rússia pós-comunista.

A obra mais polémica foi, sem dúvida, o "Evangelho Segundo Jesus Cristo", pois a publicação foi condenada pela Igreja Ortodoxa Russa.

Grande parte da fama do escritor deve-se ao facto de a sua obra ter sido traduzia para russo por um conhecido tradutor de São Petersburgo: Alexandre Bogdanovski.

 

Canoagem: Fernando Pimenta alcança bronze em K1 1.000

18.06.11, Planeta Cultural

Nos Europeus de canoagem, que se estão a disputar em Belgrado, o português Fernando Pimenta conseguiu alcançar uma brilhante medalha de bronze, em K1 1.000, uma das disciplinas olímpicas da modalidade, terminando a prova com o tempo de 3.25,02 e batendo em cima da linha o rival sérvio, que competia em casa, por 46 milésimos.

O atleta do CN Ponte de Lima ficou ficou a 3,396 segundos do medalha de ouro, o alemão Max Hoff, atleta com títulos olímpicos, mundiais (desde 2008) e europeus, e a menos de um segundo do bielorrusso Aleh Yurenia, deixando para trás outros rivais com importantes títulos internacionais.

O K2 1.000 Joana Sousa/Inês Esteves também vai disputar a final, embora sem as mesmas possibilidades de subir ao pódio. As várias tripulações que esta manhã disputaram as eliminatórias de 200 metros apuraram-se para as meias-finais da tarde.

 

 

Visite a fonte da informação clicando aqui

"Seria um orgulho jogar no FC Porto"

18.06.11, Planeta Cultural
Sebastián Coates vê com bons olhos a possibilidade de jogar no FC Porto. O defesa-central do Nacional de Montevideu está com a selecção do Uruguai a preparar a participação na Copa América e deixa para o empresário todas as questões relativas ao futuro. Ora, foi precisamente o agente do central, Matias Pittini, que disse a O JOGO qual o estado de espírito de Coates. "Seria um orgulho para ele jogar no FC Porto, um clube importante e com prestígio", revelou.

O central uruguaio faz parte de uma lista de possíveis reforços do campeão nacional, que só deve avançar para as compras se Rolando sair do Dragão. Ou melhor: quando Rolando sair. "Não recebemos nenhum contacto oficial do FC Porto", precisou o empresário de Coates. O São Paulo, do Brasil, como se tem escrito, está na corrida pelo jogador. "Não temos pressa. O Coates foi campeão, valorizou-se e ainda tem a Copa América pela frente. Vamos aguardar", disse ainda o empresário.

Como as entradas estão dependentes das saídas, o foco portista está nesta altura pousado em Rolando, pretendido sobretudo por alguns clubes italianos. O JOGO sabe que este dossiê deve ser despachado no final do mês, data então para se avançar para o reforço da defesa. E é aqui que pode haver mais do que uma novidade: o FC Porto pode reforçar-se não com um, mas com dois centrais, sendo a polivalência dos candidatos um detalhe a considerar para aumentar as opções em termos qualitativos e quantitativos, para atacar uma época completa e salvaguardar um sector que tem sido sujeito a especulações de mercado. Para já, o nome dos alvos para a defesa está identificado: Coates, Savic, Mário Fernandes e Rafael Tolói. Curiosamente, ontem surgiu mais um: Felipe Lopes, do Nacional da Madeira, clube que tem abastecido o FC Porto com frequência. Trata-se de um jogador referenciado (e com agrado) desde os tempos em que o clube acompanhava Maicon, ainda que, a O JOGO, tenham garantido que não será opção. Seja como for, só depois de resolvida a situação de Rolando, na tal data apontada para o fim do mês, é que haverá reforços.


Visite aqui a fonte da informação