Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Mais de mil pássaros mortos caem sobre cidade dos EUA

02.01.11, Planeta Cultural

Autoridades do Estado de Arkansas, nos EUA, estão tentando descobrir o que fez mais de mil pássaros morrerem em pleno voo, caindo sobre uma das cidades da região.

 

Segundo Karen Rowe, ornitóloga do Comitê de Jogos e Pesca do Arkansas, as aves tinham sinais de trauma físico e "podem ter sido atingidas por um raio ou por granizo".

 

Outra possibilidade é de que os pássaros, assustados pelos fogos de artifício, tenham saído dos ninhos e morrido de estresse.

 

Robby King, outra autoridade do Comitê, recolheu 65 aves mortas e disse que elas serão enviadas para análise em laboratório. As informações são da Associated Press.

 

 

Para visitar a fonte da informação, click aqui

Natação: Recordes mundiais não podem ser banais

02.01.11, Planeta Cultural
Ainda que nos Mundiais de Piscina Curta, no Dubai, se tenham estabelecido novas marcas e tenham finalmente caído alguns recordes, algo que não acontecia desde o início de 2010, altura em que a FINA aplicou novas regras no uso dos fatos dos atletas, para os especialistas, estes campeonatos não são equiparáveis aos campeonatos de piscina longa.

Professor de Biologia Mecânica da Faculdade de Desporto de Universidade do Porto (FADEUP), João Paulo Vilas Boas diz mesmo: "Não foram assim tantos. Quatro recordes nuns campeonatos do mundo não é nada de extraordinário e, fatalmente, a expectativa é que, apesar de não se estar a nadar com fatos de borracha, se continuem a bater recordes".

"Os campeonatos de piscina curta são sempre campeonatos onde há relativamente menos investimento da parte dos treinadores e dos nadadores. São provas importantes, mas são provas intermédias relativamente às provas de piscina grande, nomeadamente Jogos Olímpicos e mundiais de piscina de 50 metros", acrescentou.

Para João Paulo Vilas Boas, no caso feminino, os fatos de banho continuam a neutralizar as zonas de oscilação, não tanto como os antigos, mas têm ainda um papel importante. A diferença é que em vez de se baterem 40 recordes, batem-se quatro, o que tendo em conta a importância da marca, afinal "um recorde do mundo é um recorde do mundo" é perfeitamente aceitável.

Para visitar a fonte da informação, click aqui