Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Fed divulga nomes das entidades que receberam ajuda financeira

01.12.10, Planeta Cultural

O Congresso ordenou e a Fed cumpriu. O banco central norte-americano revelou hoje os nomes dos beneficiários de ajuda financeira entre 1 de Dezembro de 2007 e 21 de Julho de 2010.

 

A Reserva Federal norte-americana, a mando do Congresso, divulgou hoje os nomes das entidades que receberam 3,3 biliões [trillion na métrica anglo-saxónica] de dólares em ajudas destinadas a travar o pior movimento de pânico dos mercados financeiros desde a Grande Depressão.

A Fed divulga hoje os dados no seu “website”, de forma a harmonizar-se com a decisão da lei Dodd-Frank, de Julho passado, que reformou a regulação financeira.

A informação - que inclui também os montantes das cerca de 21.000 transacções decorridas neste âmbito, bem como as taxas de juro que foram impostas - abrange seis programas de concessão de empréstimos, “swaps” cambiais com outros bancos centrais, compras de activos endossados a hipotecas e os resgates do Bear Stearns e da seguradora American International Group (AIG), refere a Bloomberg.

“A Reserva Federal adoptou práticas sólidas de gestão de risco na gestão de todos estes programas, não incorreu em quaisquer perdas no âmbito dos programas que já foram concluídos e não espera ter perdas com os restantes”, salientou o banco central norte-americano em comunicado.

Ainda assim, sublinha a Bloomberg, a divulgação destes dados poderá aumentar as críticas à Fed, que tem enfrentado alguma contestação desde que a 3 de Novembro passado decidiu adicionar 600 mil milhões de dólares de estímulos monetários à economia. A 17 de Novembro, os principais representantes republicanos no Congresso disseram, numa carta enviada ao presidente da Fed (Ben Bernanke), que esta medida poderá alimentar a inflação e bolhas nos preços dos activos.

“Esta divulgação surge num momento politicamente inoportuno para a Fed”, comentou à Bloomberg uma responsável da Brookings Institution, Sarah Binder, cuja investigação se focaliza no relacionamento do Congresso com a Reserva Federal. “Precisamente numa altura em que Bernanke está a tentar defender a Fed das críticas dos republicanos relativamente às suas compras de activos, reabrem-se as feridas com que a Reserva Federal ficou devido à crise financeira.

Os dados hoje revelados pormenorizam a dimensão do apoio do banco central, que foi concedido não só a entidades bancárias mas também a empresas como a General Electric.

Dois anos e meio de ajudas e resgates

Esta informação diz respeito às ajudas concedidas entre 1 de Dezembro de 2007 e 21 de Julho de 2010, quando o presidente Barack Obama promulgou a lei Dodd-Frank – que visa a divulgação dos nomes das empresas que receberam ajudas da Fed.

Os congressistas há muito que exigiam a divulgação destes dados, tendo assim levado a melhor sobre as objecções da Fed. A Reserva Federal comprou obrigações de curto prazo às empresas, activos de risco ao Bearn Stearns e mais de um bilião de dólares em dívida imobiliária norte-americana.

Entre os programas de emergência que foram accionados contam-se, entre outros, o famoso programa governamental de resgate de activos tóxicos (TARP – Troubled Asset Relief Program), um programa que concedeu milhares de milhões de dólares em crédito a pequenas empresas, estudantes e detentores de cartões de crédito (TALF - Term Asset-Backed Securities Loan Facility), bem como o Term Auction Facility (TAF) – que ajudou a banca a conseguir financiamento mais barato.

Bernanke estendeu as fronteiras dos poderes da Fed, ao recorrer à secção 13(3) da Federal Reserve Act, que lhe permitiu ajudar entidades não-bancárias, “em circunstâncias invulgares e exigentes”.

"Discount window" ainda em tribunal

O Congresso não incluiu na obrigação de divulgação, pela Fed, a chamada “discount window” (janela de desconto), uma vez que o banco central norte-americano é alvo de um processo em tribunal, desde 2008, intentado pela Bloomberg, que visa que a Reserva Federal identifique os beneficiários deste programa, que em Outubro de 2008 atingiu um pico de 110,7 mil milhões de dólares.

Recorde-se que a “discount window” é um instrumento de política monetária através do qual as entidades financeiras em situação de aperto podem pedir dinheiro emprestado ao banco central, a curto prazo.

A “discount window” foi um dos primeiros instrumentos a que o presidente da Fed, Ben Bernanke, recorreu para facilitar as condições de financiamento ao mercado bancário quando a crise do crédito começou a intensificar-se.

Em Agosto de 2007, a Fed estendeu a maturidade dos empréstimos “discount window” para 30 dias e em Março de 2008 alargou-a para 90 dias, de forma a impulsionar a liquidez nos mercados de financiamento interbancário, depois do quase colapso do Bear Stearns naquele mês. O Bear Stearns acabou por ser fundido com o JPMorgan Chase, com o apoio da Fed.

 

 

Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Menina à espera de transplante

01.12.10, Planeta Cultural

 

Brinca, ri, diverte-se o dia inteiro no quarto do hospital, que foi transformado em casa para a pequena Joana. A menina, de quatro anos, natural de Parada de Bouro, Vieira do Minho, luta contra uma leucemia desde Abril, e, ao contrário do que é habitual, já encontrou um dador compatível. Só que o transplante não pode ser feito, porque Joana foi "apanhada" por uma infecção que a deixou debilitada.

 

A notícia caiu como uma bomba na família e na pequena comunidade de Parada de Bouro, em Vieira do Minho.

"Não queremos baixar os braços, vamos lutar até que a nossa Joaninha possa ser transplantada e volte a ter uma vida normal", disse ao CM Sandrina Matos, amiga da família da criança e principal impulsionadora das campanhas.

Joana está internada desde Abril no Instituto Português de Oncologia (IPO) no Porto. Nos últimos meses foi submetida a tratamentos severos de quimioterapia. Agora que foi encontrado um dador de medula óssea com o mesmo tipo da menina, o seu estado de saúde piorou e Joana está em risco de não poder ser submetida ao transplante.

"A Joana está a atravessar uma fase menos boa, mas acreditamos que ainda seja possível salvá-la", acrescentou a mulher, confiante.

Quando a doença lhe foi diagnosticada, em Abril, os pais e os quatro irmãos de Joana foram os primeiros a fazer os testes de compatibilidade, mas não puderam ser dadores. Em Vieira do Minho, um grupo de amigos juntou-se e promoveu diversas campanhas para encontrar um dador.

As iniciativas não têm parado. Campanhas para a recolha de medula, vigílias de oração, caminhadas, tudo tem sido usado para demonstrar o apoio à menina e à família.

O grupo criou também no Facebook, na internet, o movimento ‘Unidos pela Joana’, que já reuniu mais de 23 mil pessoas, que estão a "torcer" pela melhoria do estado de saúde da menina.

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

Rui Costa desembolsará 50 milhões no divórcio

01.12.10, Planeta Cultural

 

Pois è, o se ter muito dinheiro também tem destas coisas, por isso, Rui Costa, arrisca-se a desembolsar, nada mais nada menos do que 50 milhões no seu divórcio com Rute, mãe dos seus dois filhos, com quem está casado à 17 anos.

 

Assim, ao confirmar-se estes gastos, o antigo jogador internacional e actual dirigente do SL Benfica, ficará sem cerca de metade da sua actual fortuna!

Bióloga portuguesa descobre duas espécies únicas no Mundo

01.12.10, Planeta Cultural

Duas novas espécies únicas no Mundo, um pseudoescorpião e um escaravelho cavernícolas, foram descobertas pela bióloga portuguesa Sofia Reboleira em grutas do Algarve e do Montejunto.

Sem antecessores vivos à superfície, o pseudoescorpião de cerca de dois centímetros, que só existe nas grutas do Algarve, é apontado como «um gigante» já que o tamanho destes animais oscila, normalmente, entre um e cinco milímetros, explicou a bióloga.

A descoberta, que confere um maior grau de interesse à fauna cavernícola portuguesa, revela «informação evolutiva importante» já que o pseudoescorpião evoluiu para características como «não ter olhos, ter patas grandes, e um extremo alargamento das pinças», acrescenta Sofia Reboleira.

Publicada há duas semanas em revistas científicas especializadas em zoologia -  Zootaxa - a descoberta de Sofia Reboleira (descrita com Juan Zaragoza) sucede a outra publicada na sexta-feira, e que oficializa a descoberta de uma nova espécie de escaravelho cavernícola encontrado nas grutas do Montejunto (Cadaval).

Denominado "Trechus Tatai" o escaravelho descoberto por Sofia Reboleira e descrito por Vicente Ortuño (da Universidade de Alcalá, em Madrid) aumenta para quatro o número de espécies de escaravelhos cavernícolas (três dos quais descobertos pela bióloga).

«Vive exclusivamente ali, é despigmentado e tem os olhos muito reduzidos» descreve Sofia Reboleira, sublinhando a raridade do escaravelho cuja sobrevivência depende da matéria orgânica arrastada pelas águas para o subsolo e para o qual «a poluição e destruição de grutas significa perigo de extinção».

A descoberta das duas espécies ocorreu durante o trabalho de campo no âmbito do doutoramento de Sofia Reboleira, orientado por Fernando Gonçalves (do departamento de biologia da Universidade de Aveiro) e Pedro Oromí (faculdade de biologia da Universidade de La Laguna, em Tenerife, Espanha).

O trabalho foi financiado pela Fundação Para a Ciência e Tecnologia da qual Sofia Reboleira é bolseira há dois anos e meio.

 

 

[Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui]

Cristiano Ronaldo com lesão grave

01.12.10, Planeta Cultural

 

Findado o treino matinal dos ‘merengues’, o departamento médico do clube espanhol anunciou que o internacional português sofreu uma grave contusão no tornozelo direito, nos instantes finais do jogo da passada segunda-feira com o Barcelona.

Cristiano Ronaldo vai agora submeter-se a dois dias de fisioterapia, e só após esse tratamento inicial é que se poderá averiguar o tempo de paragem do melhor marcador da liga espanhola.

Duarte de Bragança pediu nacionalidade timorense

01.12.10, Planeta Cultural

 

O chefe da Casa Real, Duarte de Bragança, pediu a nacionalidade timorense, devido às «relações profundas com Timor-Leste», afirmou numa entrevista à agência Lusa.

«Gostaria de ter a nacionalidade timorense», declarou o herdeiro da Casa de Bragança numa entrevista à agência Lusa por ocasião da Restauração da Independência, que se assinala hoje.

Duarte de Bragança explicou que «a Casa Real já encetou os contactos para a obtenção da dupla nacionalidade, portuguesa e timorense, através de um pedido comunicado ao Presidente José Ramos-Horta».

O chefe da Casa Real salientou que sempre apoiou a causa da independência timorense e, por outro lado, destacou «as relações profundas, espirituais, do povo timorense com Portugal».

Duarte de Bragança sublinhou também que a Casa de Bragança e a bandeira monárquica são símbolos de «grande significado» para a nação timorense, que tem por isso uma relação especial com o herdeiro da última dinastia portuguesa.

«Eu sou o liurai de Portugal», acrescentou Duarte de Bragança, aludindo à figura dos chefes dos reinos da parte oriental da ilha na tradição timorense.

 

 

Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Ténis: Tommy Haas não vai disputar Open da Austrália

01.12.10, Planeta Cultural
O tenista alemão Tommy Haas não vai disputar o Open da Austrália, tal como não tem disputado qualquer torneio desde que a sua filha nasceu em Fevereiro.

Em declarações ao diário ‘Bild’, o tenista de 32 anos garante que a sua filha irá vê-lo jogar e que conta regressar à competição o mais tardar em Wimbledon 2011.

Haas tem tido uma carreira marcada por muitas lesões mas o facto de ter sido pai pela primeira vez em novembro trouxe um novo alento à sua vida.

Visite a fonte da informação clicando aqui

David luiz: "Fui eu que não quis sair"

01.12.10, Planeta Cultural
David Luiz garante não estar a prazo na Luz e sublinha que "se estivesse preocupado com dinheiro já não estava no Benfica". "Fui eu que não quis sair", disse ontem, afirmando ter sido "o único jogador no ano passado que, estando no auge e com tantas vitórias, disse que não ia sair do Benfica no final da temporada".

O campeão nacional atravessa um momento complicado e o central tem sido um dos mais criticados. Frisando que "é fácil tentar encontrar um motivo por que o David Luiz não está a render da mesma forma", o defesa sublinhou que está apenas "preocupado em subir de rendimento", desvalorizando as questões em torno do seu contrato. "Se rejeitei a proposta de renovação? Isso não importa. Estou muito feliz no Benfica, tenho contrato até 2015 e não estou preocupado com isso", referiu.

Cobiçado por alguns dos grandes emblemas europeus, o internacional canarinho não fechou a porta a uma saída em Janeiro, considerando que "o futuro a Deus pertence". "Não sei se vou sair em Dezembro, Janeiro ou em 2015. Não estou preocupado com isso, só em jogar à bola", disse, reforçando que para já só pensa em "dar a volta à situação" do Benfica.

Alvo das críticas dos adeptos após a derrota com o Hapoel de Telavive, David Luiz optou, em declarações à Comunicação Social antes do treino de ontem do Benfica, por sublinhar que continua a "treinar da mesma forma". "Magoado pelas críticas? Deito-me de consciência tranquila. Faço o meu trabalho, corro e empenho-me da mesma forma. Se pensasse que não me tinha empenhado, estaria triste, mas não tenho razões para isso", atirou, referindo que pretende ser "um exemplo de superação".


Fonte: O Jogo

Otamendi e Rúben também no onze

01.12.10, Planeta Cultural
A divulgação da lista de convocados mais não faz do que confirmar as mudanças que André Villas-Boas vai efectuar na equipa que amanhã subirá ao relvado do Ernst Happel, em Viena. Vai haver gestão do plantel, é certo, mas não em doses generosas, até porque uma vitória dá automaticamente o primeiro lugar ao FC Porto. O ataque pode ser o único sector sem mexidas, embora hoje ainda seja dia para o treinador acertar mesmo as agulhas do onze.

Começando pelo sector recuado, depois da anunciada entrada de Fucile para o lugar de Emídio Rafael (porque não está inscrito na Liga Europa e Álvaro Pereira continua a recuperar), também o argentino Otamendi vai ser titular, fazendo dupla com Rolando. Maicon nem sequer foi convocado. Ou seja, como o brasileiro vai cumprir castigo na próxima jornada do campeonato devido à expulsão em Alvalade, isso deverá permitir a Otamendi beneficiar de alguma continuidade competitiva nos próximos tempos, que poderá durar mesmo até à recepção ao CSKA de Sófia (dia 15), no último jogo da fase de grupos da Liga Europa. Pelo meio há jogos com o Setúbal e o Juventude de Évora, relativo à Taça de Portugal. Com Fucile de regresso ao onze, Sapunaru completa o sector recuado.

No meio-campo a gestão atinge um jogador e favorece, claro, Rúben Micael. O médio madeirense tem tido na Liga Europa a oportunidade de jogar com alguma regularidade e ao mais alto nível. Belluschi vai ser o sacrificado. Assim, Fernando e João Moutinho fecham o triângulo.

No ataque não há forçosamente Rodríguez, que vai cumprir castigo depois da expulsão no Dragão com o Besiktas. Ukra ou James alimentam a hipótese de uma titularidade no Ernst Happel, mas André Villas-Boas deve mesmo apostar no tridente habitual composto por Hulk, Varela e Falcao.

Fonte: O Jogo