Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Dennis Rodman dá entrevista durante sessão de sexo oral [com vídeo]

25.11.10, Planeta Cultural

 

Dennis Rodman, ex-jogador da NBA, está a protagonizar um escândalo nos Estados Unidos, quando deu uma entrevista a uma rádio norte-americano enquanto uma mulher lhe fazia sexo oral, escreve o El Mundo.

 

O apresentador do programa desportivo da Florida, Jorge Sedano, tentou sem sucesso que Dennis lhe comentasse o jogo dos Miami Haet com os Chicago Bulls.

 

Mas o jogador não estava concentrado na análise do jogo e ao fundo podia ouvir-se uma mulher a gemer e a rir-se. A dada altura, a mulher apresenta-se como Theresa e assegura entre risos que não está a fazer nada. «Tomando café. com leite», diz.

 

No final, o jogador acaba por confessar que estava a meio de uma cena de sexo oral. «Desculpe. Ela está a chupar algo», disse ao apresentador.

 

«Mas, Dennis, por que é que me chamaste? Vejo que tens coisas muito mais divertidas para fazer», disse o apresentador.

 

 

 

 

Visite a fonte da informação clicando aqui

 

Diaspora está online

25.11.10, Planeta Cultural

 

A rede social Diaspora já está online, tendo os seus criadores anunciado a disponibilização da versão alfa da mesma e enviado os primeiros convites

 

Para já a rede, que foi desenvolvida com software open source, apenas está aberta a quem convida, mas já recebe solicitações de interessados em integrar a mesma, embora vá responder às mesmas de forma gradual.

 

Sobre esta abertura os criadores da Diaspora referiram no blog da mesma que «ao começar com pequenos passos vamos poder identificar rapidamente dos problemas de performance que possam surgir e responder aos mesmos atempadamente».

 

Recorde-se que quando em Setembro foi disponibilizada a versão beta deste projecto a mesma foi muito criticada devido ás falhas de segurança que apresentava.

 

 

Visite a fonte da informação clicando aqui

Novo disco de Mariza lançado esta sexta-feira

25.11.10, Planeta Cultural

O quinto álbum de estúdio de Mariza, "Fado Tradicional", é lançado dia 26 de Novembro. Esta noite, a fadista apresenta o novo disco no Coliseu do Porto. Nos dias 29 e 30 é a vez do Coliseu de Lisboa ouvir Mariza.

Mariza é a entrevistada desta semana no programa da TSF - "Gente que Conta". A entrevista passa no próximo domingo, dia 28 de Novembro, depois das 11:00.

Antes, a fadista apresenta o novo álbum nos coliseus, num cenário idealizado pelo arquitecto Frank Gehry, estreado em Los Angeles.

A história da "taberna do Frank Gehry" surgiu em Outubro 2007, numa das vezes em que a fadista cantou no Walt Disney Hall, em Los Angeles, edifício projectado pelo arquitecto canadiano.

Nos coliseus, Mariza apresenta pela primeira vez "Fado Tradicional", álbum que estará disponível no mercado a partir de amanhã, dia 26 de Novembro.

No palco, além dos músicos Ângelo Freire (guitarra portuguesa), Diogo Clemente (viola) e Marino de Freitas (viola baixo), Mariza conta com a participação do fadista Artur Batalha.

Alinhamento do álbum "Fado Tradicional":

1. Fado Vianinha - Fado Vianinha - (Francisco Viana)
2. Promete, Jura - Fado Sérgio - (Maria João Dâmaso / Sérgio Dâmaso)
3. As Meninas dos Meus Olhos - Fado Alfacinha - (Fernando Pinto Ribeiro / Jaime Santos)
4. Mais Uma Lua - Fado Varela - (Diogo Clemente / Reinaldo Varela)
5. Dona Rosa - Fado Bailarico - (Fernando Pessoa / Alfredo Marceneiro)
6. Ai, Esta Pena de Mim - Fado Zé António - (Amália Rodrigues / José António Guimarães Serôdio)
7. Na Rua do Silêncio - Fado Alexandrino - (António Sousa Freitas / Joaquim Campos)
8. Rosa da Madragoa - Fado Seixal - (Frederico de Brito / José Duarte)
9. Boa Noite Solidão - Fado Carlos Da Maia - (Jorge Fernando)
10. Desalma - Fado Alberto - (Diogo Clemente / Miguel Ramos)
11. Meus Olhos Que Por Alguém - Fado Menor do Porto - (António Botto / José Joaquim Cavalheiro Jr.)
12. Promete, Jura [com Artur Batalha] - Fado Sérgio - (Maria João Dâmaso / Sérgio Dâmaso)

Temas extra da edição especial:


13. Olhos da Cor do Mar - Fado Amora - (João Ferreira-Rosa e Óscar Alves / Joaquim Campos)
14. Lavava no Rio, Lavava - Fado Lavava No Rio, Lavava - (Amália Rodrigues / Fontes Rocha)

 

 

Visite a fonte da informação clicando aqui

Fim-de-semana com chuva para o Sul e temperaturas negativas a Norte e Centro

25.11.10, Planeta Cultural

As temperaturas baixas vão afectar o Norte Centro de Portugal até segunda-feira. Amanhã, sexta-feira, Bragança poderá chegar aos seis graus negativos de mínima. Para Sul, menos frio mas previsões de chuva.

 

A acção de um anticiclone, que fará circular uma massa de ar frio até à Península Ibérica, vai trazer frio ao Norte e Centro do país, dizem as previsões do Instituto de Meteorologia (IM).

 

Bragança, com seis graus abaixo de zero, vai ser o ponto mais frio de Portugal amanhã, sexta-feira. Também em Trás-os-Montes, Vila Real vai ficar nos dois graus negativos, igual temperatura à prevista para Braga, no Minho.

 

 

Leia mais aqui

Há 200 agressores interessados em novo programa comportamental

25.11.10, Planeta Cultural

O plano nacional para combater a violência doméstica aposta na protecção das vítimas mas também no acompanhamento dos agressores, salientou hoje a secretária de Estado da Igualdade, lembrando que existem já 200 homens interessados em integrar um novo programa comportamental.

 

"Proteger as vítimas é um dos lados do programa, o outro é intervir junto dos agressores", disse Elza Pais


No Dia Internacional contra a Violência Exercida contra as Mulheres, a secretária de estado Elza Pais viu aprovado em conselho de ministros o IV Plano Nacional contra a Violência Doméstica. O dia terminou com a apresentação pública do documento no Museu do Fado, em Lisboa.

"Este plano tem uma área estratégica nova que não existia no anterior", disse aos jornalistas a secretária de estado da Igualdade depois da apresentação das 50 medidas do novo plano.

A responsável referia-se ao Programa para Agressores de Violência Doméstica que está a ser testado na região Norte, a título experimental, em 200 arguidos e tem já outros "200 agressores à espera para entrar no programa".

"Proteger as vítimas é um dos lados do programa, o outro é intervir junto dos agressores", resumiu Elza Pais, que acredita que é possível "prevenir a revitimação através de um trabalho estruturado" com os criminosos.

Entre as medidas do novo plano nacional, que se prevê que sejam aplicadas entre 2011 e 2013, a secretária de estado salientou a definição "de uma ficha única para evitar que a vítima esteja sempre a fornecer as mesmas informações durante o percurso muito complexo pelo qual tem de passar".

O rastreio nacional para mulheres grávidas e um sistema georeferenciado de perigo, definindo as zonas onde há maior possibilidade de situações de violência doméstica, são outras das "grandes novidades do IV plano", que vem "consolidar os anteriores planos", explicou.

Elza Pais apelou ainda aos organismos judiciais para que apliquem mais a medida de afastamento do agressor da vítima através da utilização das pulseiras electrónicas.

Neste momento, em Portugal estão a ser utilizadas apenas 20 das 50 pulseiras existentes. Em declarações aos jornalistas, Elza Pais preferiu salientar que Portugal e Espanha são os únicos países da União europeia que têm este sistema.

Na sexta-feira, os meios de comunicação social serão invadidos por uma nova campanha com "imagens fortes" contra a violência doméstica, anunciou por seu turno as presidente da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, Sara Falcão. Esta campanha inclui também cartazes de rua.

 

 

Visite a fonte da informação clicando aqui

Renováveis já asseguram metade do consumo eléctrico nacional

25.11.10, Planeta Cultural

O consumo anual de electricidade em Portugal já passa em 50,3% do total pelas fontes renováveis, de acordo com dados de Setembro da Direcção Geral de Energia e Geologia, segundo os quais já há licenciamento para mais 12% de potência renovável face à actualmente instalada.

 

Eólicas devem atingir este ano 4 mil MW de potência em Portugal.

O consumo de energia eléctrica em Portugal já está a ser abastecido, em mais de metade do volume total, por fontes renováveis, tendo a quota das energias limpas assumido em Setembro um peso de 50,3%, segundo dados da Direcção Geral de Energia e Geologia (DGEG).

No final de Setembro o consumo anualizado (contando os 12 meses de Outubro de 2009 a Setembro de 2010) estava a ser abastecido em 50,3% a partir das renováveis, acima do anterior recorde de 50,2% de peso das renováveis, verificado em Julho, e também acima da quota de 35,1% que as renováveis assumiram no ano 2009.

A produção total de energia eléctrica a partir de fontes renováveis nos primeiros nove meses deste ano subiu 71% face a igual período do ano passado. Mas no terceiro trimestre o crescimento face ao ano passado foi menos acentuado: a produção hídrica, por exemplo, subiu 40%, e a eólica apenas aumentou 2%.

Dentro da produção eléctrica renovável, as hídricas (incluindo as grandes barragens) assumem um peso de 56,6%, as eólicas valem 33%, a biomassa 7,5% e a produção fotovoltaica, biogás e resíduos sólidos urbanos contribuem com o restante.

Dos 9.336 megawatts (MW) de potência instalada no final de Setembro, os distritos com maior capacidade de geração renovável eram Bragança (1.063 MW), Viana do Castelo (1.087 MW) e Viseu (1.040 MW).

Por tecnologias, a grande hídrica (centrais com mais de 30 MW) somava 4.234 MW instalados em Setembro e as eólicas 3.841 MW.

Segundo a DGEG, estão actualmente licenciados 10.461 MW de potência de origem renovável, o que confere a estes recursos a garantia de ser possível ligar à rede pelo menos mais 12% de potência do que a actualmente existente.

"Até Setembro de 2010, foram licenciados 4.433 MW de potência eólica. Atendendo à potência licenciada, prevê-se que até final de 2010 estejam instalados 4.000 MW de potência eólica no sistema eólico nacional", refere a DGEG.

No terceiro trimestre deste ano foram licenciados 60,6 MW de capacidade eólica e 17 MW de biogás, o que se traduz num total licenciado (77,6 MW) superior aos 62,3 MW do segundo trimestre do ano, mas inferior ao licenciamento do primeiro trimestre (141,1 MW).

 

 

Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Gestora de fundos norte-americana reforça para mais de 10% na PT

25.11.10, Planeta Cultural
A Capital Research and Management, uma gestora de fundos dos Estados Unidos, passou a ser a maior accionista da operadora de telecomunicações.
A Portugal Telecom anunciou hoje que a Capital Research and Management, uma gestora de fundos dos Estados Unidos, passou a controlar mais de 10% do capital da operadora de telecomunicações portuguesa, depois de ter adquirido 1,3 milhões de acções no dia 23 de Março.

Em comunicado, a PT diz que a Capital Research and Management detém agora 90.421.315 acções ordinárias da PT, representativas de 10,0859% do respectivo capital social.

Em Agosto deste ano, data da última comunicação, esta gestora detinha 5,07% da PT, pelo que quase duplicou a posição no espaço de três meses. É agora a maior accionista da PT, à frente do Grupo Espírito Santo, que controla 7,99% do capital da operadora.

De acordo com a informação disponibilizada no site da PT, a gestora de activos, sedeada em Los Angeles, na Califórnia, era a quarta maior accionista da operadora portuguesa, atrás de três accionistas portugueses.

O GES é agora o segundo maior accionista, com 7,99%, a Caixa Geral de Depósitos é o terceiro, com 7,3% e em quarto lugar está agora a RS Holding (Ongoing) com uma posição de 6,77%.

As gestoras de activos internacionais ganham assim protagonismo entre os accionistas de referência da PT, onde se encontram ainda a TPG – Axon Capital Management, o Norges Bank (Banco central da Noruega), Barclays, Blackrock e outras instituições finaceiras.

Ao preço de fecho de hoje das acções (10,04 euros), a posição da CRM na PT está avaliada em 908 milhões de euros. Os títulos fecharam o dia a descer 0,15%.
 
 
Visite a fonte da informação clicando aqui