Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

PSD questiona Sócrates sobre "cerca de 150 mil euros" gastos pela Anacom num jantar

08.10.10, Planeta Cultural

O PSD perguntou hoje ao primeiro-ministro, José Sócrates, se sabia que a Anacom gastou "cerca de 150 mil euros" num jantar e o que pretende fazer quanto a isso.

 

Num requerimento dirigido ao primeiro-ministro, entregue hoje no Parlamento, o PSD refere que, de acordo com o portal do Governo com informação sobre os contratos públicos, www.base.gov.pt, "foram gastos cerca de 150 mil euros, divididos em despesas diversas, para a organização de um jantar de comemoração dos 20 anos" da ANACOM.

Os sociais-democratas querem saber se José Sócrates "tinha conhecimento destas despesas" e "que tipo de acção, se alguma, pretende o senhor primeiro-ministro tomar" quanto à actuação da Anacom.

O PSD questiona ainda "que tipo de medidas pretende o senhor primeiro-ministro tomar para acabar com este tipo de gastos em empresas ou institutos públicos directamente tutelados pelo Governo".

Em declarações aos jornalistas, no Parlamento, o deputado e vice-presidente do grupo parlamentar do PSD Luís Menezes considerou que "150 mil euros num jantar é um gasto completamente obsceno".

Esta é uma questão "de moralidade" e não "de legalidade", acrescentou Luís Menezes.

 

 



Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

PSI-20 fecha a subir com EDP e Zon a impulsionar e PT em máximos

08.10.10, Planeta Cultural

A praça portuguesa fechou em alta num dia de quedas nas praças europeias. A Zon recebeu uma nota de “research" que a valorizou na bolsa e a EDP subiu mais de 1%. O Banif disparou mais de 6%.

 

O PSI-20 inverteu no fim da sessão e fechou com uma valorização de quase 0,2%, impulsionado principalmente pela EDP, PT e Zon Multimedia. O BPI foi a cotada que impediu maiores ganhos.

O PSI-20 subiu 0,17% para os 7.782,24 pontos, só acompanhado pelo índice alemão nos ganhos na Europa, num dia em que dados contraditórios do emprego norte-americano acabaram por penalizar as cotadas do velho continente. No entanto, os três principais índices dos EUA estão agora a subir à volta de 0,5%, mesmo com a diminuição dos postos de trabalho no país, embora com a taxa de desemprego inalterada.

A EDP fechou o dia a valorizar 1,4% para os 2,60 euros, enquanto a Zon subiu 3,33% para os 3,166 euros. A HSBC lançou hoje uma nota de “research” sobre esta última que a colocou com um preço-alvo de 4,6 euros, com um potencial de valorização de 50%.


A Portugal Telecom avança 0,44% para os 10,195 euros depois de hoje ter tocado num máximo de Julho de 2001, ao chegar aos 10,20 euros.

Estas subidas acontecem no dia em que os destaques são de acções que não estão no PSI-20, a Cofina e o Banif. A primeira aumentou 0,435% para os 0,72 euros em consequência da apreciação da Zon. Já o banco valorizou 6,42% para os 1,16 euros.

Do lado contrário, o destaque é o BPI, que caiu 0,82% para os 1,567 euros. No entanto, a maior queda pertenceu à Portucel, cuja quebrou foi de 1,73% para os 2,21 euros .

A Cimpor também está no grupo das que impediu ganhos mais significativos do índice bolsista português, tendo desvalorizado 0,67% para os 5,022 euros.

 

 



Para visitar a fonte da informação, click aqui

Alonso confessa que ainda não fez a "volta perfeita"

08.10.10, Planeta Cultural
Para Alonso, piloto da Ferrari, os carros da Red Bull “parecem imbatíveis”, mas no entanto o espanhol prefere esperar até ao final dos treinos de qualificação para o Grande Prémio do Japão para poder fazer um “juízo definitivo da situação”.

“Ainda é sexta-feira, por isso os tempos não têm grande significado. O que sempre temos em mente é que a ordem hierárquica entre os carros pode mudar significativamente em cada circuito”, disse Alonso, lembrando, por exemplo, que a McLaren “esteve muito forte em Spa e em Monza”, mas “nem tanto em Budapeste e Singapura”.

Quando questionado sobre o seu desempenho pessoal, o piloto espanhol afirma que ainda não conseguiu fazer “uma volta perfeita” mas garante que ainda há “margem de manobra para melhorar”.

“O objectivo na qualificação é estar entre os cinco primeiros e depois logo vemos como correm as coisas na corrida”, concluiu.


Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Motociclismo: Hélder Rodrigues foi 4º na penúltima etapa do Rali dos Faraós

08.10.10, Planeta Cultural
O piloto português Hélder Rodrigues assegurou esta sexta-feira a quarta posição na penúltima etapa do Rali dos Faraós, mantendo desta forma a terceira posição na classificação geral.

O vencedor da etapa de hoje foi o espanhol Marc Coma que conseguiu assim ultrapassar o chileno Francisco Lopez na liderança da prova.

Para a etapa de sábado, Hélder Rodrigues garante que o objectivo é “fazer uma etapa segura, evitando surpresas” embora admita que a última etapa do percurso “não dará muito espaço para que haja oportunidade para recuperar muito tempo”, mas sublinha que “este tipo de provas só acaba mesmo no final”.

In' O Jogo