Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Quaresma substitui Cristiano Ronaldo na selecção

30.08.10, Planeta Cultural

O internacional português Ricardo Quaresma já foi informado pelos responsáveis da FPF que integra o lote de convocados para defrontar Chipre e Noruega, em substituição do lesionado Cristiano Ronaldo.

"Estamos a tentar arranjar um voo que permita ao Quaresma chegar a tempo da concentração da selecção, que é amanhã [terça-feira], à hora de almoço", disse à Agência Lusa uma fonte da FPF, o que significa que o jogador do Besiktas, da Turquia, juntar-se-á aos seus companheiros durante o dia de terça feira.

Quaresma, que está a realizar um excelente início de época ao serviço do clube turco, integrava um lote de três jogadores de prevenção, constituído também pelo guarda-redes do Sporting, Rui Patrício, e pelo médio do  Toulouse, Paulo Machado.

A lesão de Cristiano Ronaldo já foi confirmada pelos médicos da FPF, que têm em mãos os relatórios das ecografias e ressonâncias magnéticas feitas ao tornozelo do jogador, enviados hoje pelo corpo clínico do Real Madrid.

Perante a indisponibilidade de Cristiano Ronaldo, a equipa técnica liderada por Agostinho Oliveira, que substitui Carlos Queiroz a cumprir um mês de suspensão aplicado pelo Conselho de Disciplina da FPF, avançou de imediato para a alternativa Quaresma.

Outro dos convocados que deverá ser substituído é o portista Varela, que se apresentará terça feira na concentração com um relatório médico do FC Porto a ratificar a sua indisponibilidade, mas a equipa técnica só decidirá quem o vai substituir esta terça feira.

É possível que o substituto de Varela seja Paulo Machado, jogador do Toulouse, um dos três nomes que estavam de prevenção, mas não é líquido que o venha a ser, podendo a escolha recair noutro extremo.

 

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

Sarampo detectado no Boom Festival leva a accionar alerta europeu

30.08.10, Planeta Cultural

Um inglês adulto foi diagnosticado com sarampo na semana passada quando estava num festival em Idanha-a-Nova, levando as autoridades a accionar um alerta europeu, mas o caso «não representa risco para a população portuguesa», segundo a ARS/Centr.

 

O caso de sarampo detectado a um cidadão inglês na semana passada em Idanha-a-Nova «não apresenta risco para a população portuguesa», embora possam surgir novos casos nos próximos dias, disse hoje à Lusa fonte da ARS/Centro.

«Como na população portuguesa a taxa de cobertura vacinal contra o sarampo é muito elevada - cerca de 94 por cento - existe a chamada imunidade de grupo, não há condições epidemiológicas de transmissão», garantiu Eugénio Cordeiro, do Departamento de Saúde Pública e Planeamento da Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro.

O paciente, de 23 anos, participou no Boom Festival de Idanha-a-Nova, que terminou na quinta-feira, e chegou a estar hospedado num hotel da zona, levando a Direcção Geral da Saúde (DGS) a lançar, na sexta-feira, o Sistema europeu de Alerta e Resposta Precoce, sediado no Centro de Prevenção e Controlo de Doenças, em Estocolmo.

De acordo com o epidemiologista, que coordenou o sistema de vigilância epidemiológica montado no espaço onde decorreu o festival, o doente abandonou o hotel na sexta-feira, com destino ao seu país.

Embora não tenham sido detectados, até ao momento, novos casos, «é de esperar que possam surgir, durante esta semana, em Portugal ou países estrangeiros», tendo em conta o período médio de incubação do vírus, disse Eugénio Cordeiro.

«Para uma população tão grande como a que participou no festival, de 80 a cem nacionalidades, com contactos próximos, é favorecida a transmissão de doenças infecciosas, como o sarampo», frisou, acrescentando que alguns dos participantes no evento podem ser provenientes de países com uma taxa de cobertura da vacina muito inferior à registada em Portugal.

O sarampo é uma das doenças infecciosas mais contagiosas e pode ser grave em adultos.

Segundo Eugénio Cordeiro, o doente inglês foi «consultado no dia 23 com sinais de sarampo» e dois dias depois submetido a análises clínicas, cujos resultados laboratoriais confirmaram a doença, no dia 27, altura em que o período de contágio já tinha passado.

Ao hotel onde se encontrava hospedado foi recomendado que apurasse se havia outros clientes com doenças crónicas ou que não estivessem vacinados contra a doença e os serviços de saúde alertados para a possibilidade de surgirem mais casos nos próximos dias.

O paciente não estava vacinado contra a doença, «por opção familiar», tal como o irmão, adolescente, com quem tinha contactado directamente e a quem tinha sido diagnosticado sarampo, 15 dias antes, no Reino Unido, explicou.

O Boom Festival de Idanha-a-Nova, ligado à música electrónica e culturas alternativas, começou no dia 18 e, segundo a organização, terá tido a participação de cerca de 50 mil pessoas.

Uma semana antes de arrancar, a ARS/Centro montou no local um sistema de vigilância epidemiológica que está em funcionamento até quinta-feira. Foram consultadas 2287 pessoas, das quais cerca de metade com problemas traumáticos.

 

 

 


Visite a fonte da informação clicando aqui

Colocação de professores já foi publicada

30.08.10, Planeta Cultural

O site da Direcção-Geral dos Recursos Humanos do Ministério da Educação publicou, há momentos, a lista definitiva de colocação. Durante a maior parte do dia, tanto o site da Direcção-geral como o do Ministério estiveram indisponíveis.

A DGRHE havia agendado para hoje, segunda-feira, a divulgação da lista definitiva de colocação de professores no seu site. Contudo, porém, desde o início da manhã, que não era possível aceder à referida página electrónica, que se encontrava inactiva. A meio da tarde, a página mostrou-se disponível. Contudo, só pouco depois das 17 horas, a lista de colocação foi divulgada.

A página electrónica do Ministério da Educação estava também inacessível desde o início da manhã. Entretanto, voltou a funcionar mas sem indicações sobre a colocação de professores.

 

 

Visite a fonte da informação clicando aqui