Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Paris Hilton detida pela polícia sul-africana

05.07.10, Planeta Cultural

Paris Hilton foi detida pela polícia sul-africana juntamente com alguns amigos por alegadamente ter fumado marijuana durante uma festa após o Brasil-Holanda do Mundial 2010.


A socialite de 29 anos, contudo, não foi acusada, uma vez que uma fotógrafa amiga de Paris admitiu a posse de cannabis.

 

«O caso foi levado a tribunal e as acusações contra Miss Hilton foram abandonadas», revelou uma porta-voz da polícia sul-africana.

 

Um representante da socialite classificou o incidente de «engano».

 

«Paris Hilton foi interrogada pela polícia da África do Sul por alegações de fumar marijuana. O incidente foi um engano, uma vez que foi outra pessoa que cometeu o crime», explicou.

 

 

Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

PJ detém homem em flagrante por violação

05.07.10, Planeta Cultural

A Polícia Judiciária deteve, também no domingo, um outro homem, em flagrante, a passar notas falsas de 50 euros num restaurante.

 

A Polícia Judiciária deteve domingo no Algarve e em flagrante um homem suspeito de ter violado uma mulher de 47 anos, operação que também envolveu a GNR de Loulé, anunciou hoje, segunda-feira, a PJ em comunicado.

 

Segundo a Judiciária, a vítima foi levada à força para um lugar ermo onde foi obrigada a manter relações sexuais com o detido, de 22 anos, que ainda vai ser presente a interrogatório.

 

Na sexta feira, a PJ deteve também no Algarve um homem suspeito do crime de passagem de moeda falsa, na zona de Vilamoura e Quarteira, depois de a textura das notas ter levantado suspeitas.

 

A táctica consistia em pagar com notas falsas de 50 euros bens de menor valor, entre os 5 e os 10 euros, de modo a obter um troco significativo, diz a polícia.

 

O homem, de 35 anos, acabou por ser detido em flagrante delito num restaurante.

 

A polícia apreendeu depois mais notas falsas de 50 euros na sequência de uma busca domiciliária.

 

O detido ficou sujeito a Termo de Identidade e Residência (TIR).

 

 

 

Visite a fonte da informação aqui

Cinco primeiros meses do ano foram os mais quentes desde 1880

05.07.10, Planeta Cultural

Os cinco primeiros meses deste ano foram os mais quentes desde 1880, quando começaram a ser registadas sistematicamente as temperaturas.


A informação é de um relatório do norte-americano Centro Nacional de Dados do Clima.


Entre Janeiro e Maio, as temperaturas combinadas da terra e dos oceanos estiveram 0,68 graus Celsius acima da média do século XX, indicou, por seu lado, o Instituto de Meteorologia, citado pela agência de notícias France Presse.

 

Em particular os meses de Março, Abril e Maio registaram temperaturas nunca antes atingidas e uma média de 0,73 graus Celsius acima do século passado.

 

Só o ano de 1998 teve igual número de meses (três: Fevereiro, Julho e Agosto) com temperaturas recorde. Foi também em 1998 que se registaram, nos cinco primeiros meses do ano, as temperaturas mais elevadas antes do recorde do presente ano.

 

Desde o início do ano, o planeta aqueceu sobretudo no Canadá, no Norte dos Estados Unidos, no Sul da Gronelândia, no Norte de África, no Sudoeste Asiático, na Sibéria e no Sul da Austrália.

 

Em contraste, as temperaturas atingiram valores mais baixos do que o normal no Sudeste dos Estados Unidos, na Ásia Central e na Europa Ocidental, tendo a Alemanha tido, este ano, o mês de maio mais frio desde 1991.

 

Também em Maio o gelo do Árctico derreteu 50% mais rápido do que o normal para aquele período do ano, assinalou o Instituto norte-americano.

As informações sobre o aquecimento global nos primeiros cinco meses do ano surgem no dia em que, por Portugal, os termómetros registam temperaturas na ordem dos 40 graus Celsius.

 

As previsões do Instituto de Meteorologia português apontavam para os 42 graus em Santarém, 40 em Setúbal, Évora e Beja e 39 em Lisboa.

 

 

 

Visite a fonte da informação aqui

Amber Capital adquire interesse a descoberto de 0,279% no BCP

05.07.10, Planeta Cultural

A gestora de investimentos Amber Capital adquiriu um interesse a descoberto de 0,279% do capital social do Banco Comercial Português, anunciou o banco em comunicado à CMVM.

Num documento enviado ao BCP, a Amber Capital informa que “em resultado de transacções relativas a 0,279% do capital social do Banco Comercial Português, pela Amber Capital”, actuando como sociedade gestora de dois fundos, os referidos fundos passaram a deter uma posição a descoberto relevante de 0,279% no capital social do BCP.

Os fundos em questão são o Amber Global Opportunities master Fund (0,211%) e o PIM manager Fund SPC (0,068%), este último em representação do Segregated Portfolio 22.

 

 

Visite a fonte da informação aqui