Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Presidente da África do Sul envolvido em novo escândalo sexual

05.06.10, Planeta Cultural

Os holofotes se voltam para África do Sul não só para as gigantescas festividades da Copa do Mundo, prestes a começar. O presidente Jacob Zuma enfrenta mais um escândalo pessoal disparado na mídia. Segundo informações da imprensa local, sua segunda esposa estaria grávida após ter tido um caso com seu guarda-costas.

Nompumelelo Ntuli Zuma teria tido relações com Phinda Thomo, um membro de seu corpo de segurança e a agência sul-africana de inteligência investiga o caso, de acordo com o jornal Star. O segurança, Thomo, cometeu suícidio quando a gravidez veio à tona.

'Os relatos parecem ser parte de uma maliciosa campanha em curso para arruinar o direito do presidente e de sua família a privacidade e dignidade', afirmou a Presidência em comunicado. 'O presidente Zuma permanece envolvido em matérias de Estado e não será desviado de suas obrigações', afirmou.

Em fevereiro, Zuma confirmou ter tido um filho ilegítimo com a filha de Irvin Khoza, amigo próximo e chefe do comitê local de organização do Mundial. Casamentos múltiplos são permitidos na África do Sul. Zuma, tradicionalista Zulu, fora casado cinco vezes, mas atualmente tem apenas três mulheres. Ele tem 20 filhos.

 

 

 

Caso pretenda, visite a fonte da informação aqui

Saída do ministro dos Negócios Estrangeiros do Governo "não tem o mínimo de sentido" -- Sócrates

05.06.10, Planeta Cultural

O primeiro ministro, José Sócrates, assegurou hoje que a notícia da eventual saída do ministro dos Negócios Estrangeiros do Governo, avançada pelo jornal i, "não tem o mínimo de sentido".

"Isso não tem o mínimo de sentido e considero essa notícia apenas especulativa", afirmou José Sócrates aos jornalistas em Trancoso, à margem da cerimónia onde recebeu a medalha de honra do município, presidido pelo social democrata Júlio Sarmento.

 

José Sócrates apontou: o ministro Luís Amado "é o segundo ministro do Governo, é ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, é um particular amigo meu e é dirigente do PS".

 

 


Faça uma visita à fonte da informação clicando aqui

Cada vez mais crianças retiradas às famílias

05.06.10, Planeta Cultural

Mais de 2500 menores institucionalizados em 2009. Pais pedem mais ajuda

No ano passado, 2510 crianças e jovens foram retirados às famílias e acolhidos em instituições, por decisão das comissões de protecção. O número quadruplicou face a 2008, mas também triplicaram as medidas de intervenção junto das famílias.

 

O aumento de 626 casos de institucionalização em 2008, para 2510 em 2009 significa que, por dia, foram em média retiradas seis crianças e jovens às famílias. Mas o presidente da Comissão Nacional de Crianças e Jovens, Armando Leandro, desvaloriza este crescimento e justifica-o com o facto de ter aumentado muito a actividade das 291 comissões de protecção de crianças e jovens (CPCJ) existentes em Portugal.

 

"Temos um número muito maior de medidas aplicadas em 2009", explicou, ontem, na apresentação aos jornalistas do relatório de avaliação da actividade das CPCJ em 2009, que vai ser divulgado segunda-feira no encontro anual que terá lugar em Ponta Delgada. Com efeito, os dados do relatório mostram que, apesar do ligeiro decréscimo no número de processos instaurados (os novos processos baixaram de 29279 em 2008 para 28401 no ano passado) as medidas aplicadas pelas CPCJ praticamente triplicaram: passaram de 9846 em 2008 para 29 009 em 2009.

 

Armando Leandro insistiu que a principal intervenção das CPCJ continua a ser nas medidas em meio natural de vida - sendo a principal (76,6%) o apoio junto dos pais, incluindo apoio económico regular (8298 casos) - pelo que este aumento da institucionalização "não significa uma mudança" na forma de intervenção. Leandro insistiu que se trata de uma "percentagem pequena no cômputo geral das medidas" e Edmundo Martinho, presidente do Instituto da Segurança Social, garantiu que "mais de 25% das crianças e jovens que entraram em acolhimento institucional regressaram à família".

 

"A nossa aposta continua a ser o trabalho com as famílias, não só ao nível da prevenção como também da reparação", insistiu a secretária de Estado adjunta e da Reabilitação, Idália Moniz, admitindo que há também uma maior confiança dos pais nas comissões e que está "afastada a ideia de que só servem para tirar as crianças".

 

Mais processos reabertos

 

Na verdade, o relatório mostra que cada vez mais pais procuram a ajuda das comissões e sinalizam os casos dos seus próprios filhos: foram responsáveis por 2343 situações sinalizadas em 2009 (8,8% do total) e o número não tem parado de subir nos últimos quatro anos. "Os pais sentem-se muitas vezes impotentes para orientar os filhos" e "uma vez ou outra" são eles próprios a dirigir-se às comissões de protecção a pedir ajuda, admitiu Armando Leandro.

 

O número de processos reabertos devido à reincidência da situação de perigo também aumentou (mais 93, num total de 4079), o que os responsáveis atribuem a um acompanhamento mais próximo das famílias.

 

 

Visite a fonte da informação aqui


Porto: CdM recebe hoje Geoff Barrow e Blixa Bargeld

05.06.10, Planeta Cultural

O mentor dos Portishead, Geoff Barrow, e o vocalista dos Einstürzende Neubauten, Blixa Bargeld, vão atuar este sábado no «Clubbing» da Casa da Música (CdM), no Porto, anunciou a instituição.


Geoff Barrow vai apresentar na Sala 2 o seu mais recente projeto, BEAK, com Billy Fuller (Fuzz Against Junk) e Matt Williams (Team Brick). Na mesma sala, vão actuar os Moderat e o projeto anbb, criado em 2007 e que junta o compositor de música eletrónica Carsten Nicolai (Alva Noto) a Blixa Bargeld, conhecido como vocalista fundador da banda alemã Einstürzende Neubauten e guitarrista de Nick Cave and the Bad Seeds.

 

«Com um conceito baseado na improvisação e abstração, as performances impulsivas de Bargeld contrapõem-se às estruturas e paisagens sonoras elaboradas de Alva Noto com resultados inesperados e surpreendentes», refere a Casa da Música, no texto de apresentação do espectáculo.

 

Na Sala Suggia, o «Clubbing» de Junho vai receber a Orquestra Nacional do Porto (ONP) a tocar «fora de horas», «para se ajustar a um ambiente mais propício de ‘Kraft’», obra de juventude de Magnus Lindberg. “’Kraft’ coloca-nos perante ritmos violentos e sonoridades ásperas inspiradas na música punk e no rock industrial que levam a orquestra por um caminho inesperado e fora de horas”, realça a Casa da Música.

 

Após a atuação da ONP, sobem ao palco da Sala Suggia os Cluster, “uma das bandas experimentais mais influentes do krautrock”.

 

“Depois de quase quatro décadas de carreira intermitente, esta será a sua primeira atuação em Portugal, numa ocasião especial que conta com os convidados Chrome Hoof”, salienta a organização.

 

O programa-se estende-se igualmente aos Bares 1 e 2, com Todd Terje e os Mystery Jets DJs, enquanto os Pfadfinderei VJ asseguram a projeção de vídeos que decoram vários espaços.

 

O “Clubbing” de Junho inclui ainda os Mikado Lab e Fadi Dorninger no espaço Cybermusica e, na Sala Roxa, Álvaro Costa apresenta “Spinal Tap, a Lendária História da Ainda Mais Lendária Banda que Nunca Existiu”.

 


Visite a fonte da informação aqui