Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Açores quer mais Médicos no Arquipélago

05.03.10, Planeta Cultural

Governo Regional dos Açores vai conceder 66 subsídios para a fixação de médicos de medicina geral e familiar em oito das nove ilhas do arquipélago.

 

De acordo com declarações à imprensa do Secretário Regional da Saúde, Miguel Correia, vão ser abrangidos 11 centros de saúde considerados “particularmente carenciados”.

Os centros de saúde de Ponta Delgada vão receber 20 incentivos e estão previstos 12 para os de Angra do Heroísmo. Os restantes subsídios serão distribuídos pelos centros de saúde da Horta (3), da Ribeira Grande (5), Santa Cruz das Flores (3), Santa Cruz da Graciosa (3), Vila do Porto (3), Praia da Vitória (2), Vila Franca do Campo (2), Nordeste (2), Povoação (2) e das ilhas do Pico (5) e de S. Jorge (3).

 

 

Fonte: Portal do Cidadão

 

Belmiro de Azevedo: País não se pode "armar em rico"

05.03.10, Planeta Cultural

O empresário Belmiro de Azevedo afirmou hoje, em Ponta Delgada, que o Programa de Estabilidade e Crescimento é uma "coisa muito séria", defendendo que o país "não se pode armar em rico".

 

"Quem não tem dinheiro, não tem vícios. Nós não nos podemos armar em país rico sendo pobres e, neste momento, somos um país pobre", afirmou o empresário nortenho em declarações aos jornalistas.

 

Belmiro de Azevedo, que hoje recebeu o doutoramento honoris causa pela Universidade dos Açores, salientou que "o problema é que os recursos são limitados e os políticos têm tendência para esbanjar dinheiro, gastar o dinheiro que não têm e fazer promessas que sabem que não podem cumprir".

 

"Eu não acredito nessa maneira de gerir um país", afirmou. O empresário considerou ainda que o Orçamento do Estado para 2010 "vai ser aprovado um bocado aos encontrões", mas frisou que "o mais importante é que seja cumprido o que for aprovado".

 

"As pessoas e as empresas é que têm que se governar, porque o Governo desgoverna", considerou Belmiro de Azevedo.

 

O empresário apresentou ainda a sua posição sobre a melhor forma de atrair investimento para os Açores, defendendo a necessidade de transporte aéreo "rápido e barato".

 

"Tem que se chegar aos Açores depressa e de forma barata. Não se traz turistas sem transporte regular a preço baixo e isso representa um investimento pequeno, não é preciso comprar aviões", afirmou.

 

Nesse sentido, salientou que a existência de voos de baixo custo (low cost) permitiria que as pessoas viajassem de "um lado para outro por pouco dinheiro".

 

"Para proteger um sistema monopolista, atrofia-se a economia açoriana", afirmou Belmiro de Azevedo.

 

 

Visite a fonte da informação aqui

Crimes à Hitchcock na RTP1

05.03.10, Planeta Cultural

"Tempo final" é o nome da nova minissérie. Um thriller de suspense adaptado de formato argentino.

 

"Venenosos" é o nome do primeiro de seis episódios da minissérie "Tempo final", produzida por Leonel Vieira para a RTP1.

 

Crimes passionais, que fazem lembrar a mítica série "Hitchcock apresenta", adaptados à realidade latina para "enriquecer o horário nobre".

 

"Heitor (Fernando Luís), casado com Ana (Rita Lello) há 25 anos, decide fugir com Violeta (Marta Melro), a sua jovem amante, e levar consigo as economias de uma vida inteira. Para evitar o desgosto amoroso de tamanha traição, a melhor ideia que lhe ocorre é envenenar uma caixa de chocolates que oferece à mulher que tanto o ama. Mas as coisas acabam por complicar-se e nada acaba como planeado".

 

A sinopse do primeiro episódio "Venenosos" não é estranha à realidade portuguesa e o factor de identificação pode ser uma das chaves para o sucesso de "Tempo final". O formato que lhe deu origem "Tiempo final", da Argentina, conseguiu liderar o horário nobre e também já foi adaptada pela Fox Latina.

 

"Os guiões argentinos - o melhor país latino a escrever dramaturgia para cinema e televisão - são mais próximos da nossa realidade. São crimes comuns nos jornais e não têm a sofisticação da dramaturgia inglesa", explicou ontem aos jornalistas Leonel Vieira, produtor da minissérie e que assina dois dos episódios.

 

Cada um, de 45 minutos, terá uma história fechada, contada em tempo real, com a particularidade se passar em apenas um cenário interior, com um número reduzido de actores, "todos eles protagonistas".

 

"O conflito é o desenlace. O crime pode ocorrer ou não", revelou, acrescentando que não se trata de histórias policiais. "Foi inspirada em 'Hitchcock apresenta'. Não é genial como as do mestre, mas capta a atenção do público desde o primeiro minuto", prosseguiu.

 

A qualidade dos guiões, das interpretações e dos recursos técnicos vão, no seu entender, "elevar o padrão do horário nobre". "Quando virem o resultado entre o talento e a diversidade técnica, vão perceber a qualidade desta aposta".

 

José Fragoso, director de Programas da estação, sublinhou que o investimento se insere na estratégia de produção de conteúdos diferenciados do padrão de ficção", que são as telenovelas. E que se trata de um "investimento significativo" em parte devido aos meios técnicos. A estreia só deve acontecer no segundo semestre.

 

 

Visite a fonte da informação aqui

TVI Internacional arranca este semestre em África

05.03.10, Planeta Cultural

Novo canal

 

O director de Programas da futura TVI Internacional adiantou, anteontem, quarta-feira, no Parlamento, que o novo canal será lançado ainda no primeiro semestre de 2010 e que os primeiros destinos de emissão serão Angola e Moçambique, e posteriormente Timor-Leste.

 

Ouvido pela Comissão parlamentar de Negócios Estrangeiros e Comunidades Portuguesas numa audição sobre língua e cultura portuguesas, Luís Cunha Velho disse que o lançamento do novo canal vai trazer "contributos significativos" para Angola, Moçambique e Timor-Leste.

 

Sobre as razões de Angola e Moçambique serem os primeiros locais de emissão, Cunha Velho foi peremptório: "Foram estes os países que nos permitiram, nesta fase, arrancar mais rapidamente".

 

"Além da forte aposta que haverá no grande entretenimento, através da colocação de grandes formatos nas grelhas de programação, vamos também dar grande importância ao serviço religioso, bem como não esquecer os mais jovens através de formatos específicos", precisou ainda o responsável Cunha Velho, segundo a agência Lusa.

 

 

Visite a fonte da informação aqui

Bolsa de Lisboa com maior subida semanal desde Maio de 2009

05.03.10, Planeta Cultural

A praça lisboeta completou hoje a sexta sessão consecutiva de ganhos, tendo atingido o valor mais elevado do último mês. Só esta semana, o índice PSI-20 somou 5,38%, uma subida em cinco sessões que não se observava desde 8 de Maio do ano passado.

Esta semana, em que boa parte das cotadas apresentou as contas relativas à actividade em 2009, as 20 empresas que compõem o cabaz de referência da praça portuguesa encerraram no verde. Doze subiram mais de 5% nas últimas cinco sessões.

Sonae Industria lidera com ganho de 10%

A Sonae Indústria liderou os ganhos semanais do índice PSI-20, ao somar 10,18% em cinco sessões, seguida da Altri que apreciou 9,57%.

As novas medidas de austeridade apresentadas esta semana pelo primeiro-ministro grego, George Papandreou, para garantir que consegue cumprir a promessa de reduzir este ano o défice orçamental em quatro pontos percentuais, para 8,7%, agradaram ao Banco Central Europeu e introduziram uma calma adicional nos mercados financeiros.

Hoje, no dia em que Papandreou se encontra com a chanceler alemã Angela Merkel para garantir o apoio alemão em caso de necessidade, o presidente do Eurogrupo, Jean-Claude Juncker, afirmou a uma rádio alemã, citada pela Reuters, que os esforços feitos até agora pela Grécia serão, provavelmente, ser suficientes para evitar que a Grécia venha a precisar da ajuda financeira dos parceiros europeus.

A notícia foi bem recebida nas bolsas europeias e o sector financeiro esteve entre os que mais beneficiou, uma vez que é um sinal de que a acalmia no mercado de dívida permitirá que a banca volte a enfrentar custos de financiamento mais baixos.

Grécia anima banca e resultados elevam PT e EDP

Assim se justifica que o BES tenha somado hoje mais de 5%, acumulando na semana uma valorização de 8,94%. Também os restantes bancos cotados na praça lisboeta conseguiram acumular ganhos significativos na semana. O BCP apreciou 7,93% e o BPI acabou por registar ganhos um pouco mais ténues, de 1,91%.

Numa semana em que apresentaram resultados relativos a 2009, a Portugal Telecom subiu 4,75% e a rival Zon Multimédia 3,81%. A Sonaecom, que só divulga as contas na segunda-feira, foi à boleia das rivais do sector das telecomunicações e apreciou 7,55%.

Galp sobe com estratégia anunciada

A EDP, que apresentou lucros em 2009 superiores a mil milhões de euros, também registou um empurrão nas acções, que somaram 6,49%. Já a Galp beneficiou da estratégia apresentada para os próximos anos e valorizou 5,62%.

A Inapa, que ascendeu ao PSI-20 na terça-feira, conseguiu encerrar a sua primeira semana na principal montra da praça lisboeta com uma valorização de 3,17%. Isto apesar de ter caído mais de 2,5% no dia de estreia.

Fonte: Jornal de Negócios

 

Lesão afasta Michael Owen do Mundial2010

05.03.10, Planeta Cultural
O avançado do Manchester United vai ser operado na próxima segunda-feira a um tendão da coxa e estará ausente dos relvados até final da época.

"É um golpe muito duro para o jogador. A lesão é mais grave do que pensávamos", afirmou Alex Ferguson, referindo que o problema hipoteca todas as esperanças de o jogador poder ser convocado para o Mundial2010.

Michael Owen, de 30 anos, lesionou-se domingo durante a final da Taça da Liga inglesa, ganha pelo Manchester United, que se impôs, por 2-1, ao Aston Villa.

O avançado foi substituído, aos 42 minutos, por Wayne Rooney, autor do golo que deu a vitória ao Manchester.


Fonte: Jornal de Notícias

F. C. Porto: Fucile, Rolando e Raul Meireles poupados frente ao Olhanense

05.03.10, Planeta Cultural
As ausências de Fucile, Rolando e Raul Meireles constituem hoje, sexta-feira, as principais novidades da lista de convocados do FC Porto para o jogo de sábado com o Olhanense, da 22.ª jornada da Liga de futebol.

O treinador Jesualdo Ferreira, que chamou ainda o guarda-redes Beto por troca com Nuno, decidiu poupar o trio para o jogo de terça feira com o os ingleses do Arsenal, da segunda "mão" dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

Maicon, Addy, Sérgio Oliveira e Beto foram - em relação ao jogo da última ronda com o Sporting - os eleitos para substituir Fucile, Rolando, Raul Meireles e Nuno.

Jesualdo Ferreira convocou também Ruben Micael, apesar do madeirense ter treinado condicionado toda a semana, mas não poderá contar com Orlando Sá, Fernando e Ernesto Farias, jogadores que recuperam de mazelas físicas.

Orlando Sá e Fernando ainda se encontram a recuperar das respectivas lesões, realizando apenas tratamento, enquanto Ernesto Farias tem treinado de forma condicionada.

O FC Porto, terceiro classificado, a nove pontos do líder Benfica, recebe sábado o Olhanense (13.º), com 19, em jogo que irá revelar a capacidade do "dragão" em dar a volta à derrota em Alvalade (3-0).

A habitual conferência de imprensa de Jesualdo Ferreira de antevisão do jogo foi, uma vez mais, desmarcada, devido à presença de jornalistas de A Bola, jornal com o qual o FC Porto mantém divergências.

Fonte: Jornal de Notícias