Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Padres têm a Net e redes sociais para evangelizar

28.11.09, Planeta Cultural

Jornada Diocesana de Comunicação  Social, promovida pelo Secretariado Diocesano das Comunicações Sociais da Diocese de Portalegre e Castelo Branco discutiu a Comunicação Social em Igreja - Pastoral de Fronteira.

 

O presidente do conselho de gerência da Rádio Renascença defendeu ontem, em Nisa, que os padres têm de ser mediáticos, no sentido de usufruir do dever de evangelizar através da Internet e das redes socais.

 

"A igreja é comunicação e a comunhão é fruto da comunicação", reiterou, alegando que os media ligados à Igreja têm de ir ao encontro de todos, no terreno, com profissionalismo, coerência e optimismo. Para João Aguiar Campos "como diz o povo, quem não tem competência, não se estabelece".

 

Esta foi uma das ideias defendidas na Jornada Diocesana de Comunicação Social, promovida pelo Secretariado Diocesano das Comunicações Sociais da Diocese de Portalegre e Castelo Branco, sob o tema geral "Comunicação Social em Igreja - Pastoral de Fronteira".

 

"A Internet está a mudar tudo. É uma cultura deslocalizada e portátil, atemporária, conectiva e interactiva, omnipresente e invasora, mas estar hoje ligado à Internet e às redes sociais não é um luxo, mas sim uma necessidade", refere.

 

Aos media da Igreja, acrescenta, é exigido "que tenham consciência da própria identidade; que tornem claro o pensamento da igreja sobre assuntos actuais de interesse para a sociedade; que não sejam compêndios de teologia; que tenham profissionalismo e que escrevam claro, de modo a que a pessoa mais simples entenda, mas sem que o Nobel vomite".

 

O que distingue estes órgãos dos ditos "neutros" será "a forma de olhar para o que acontece, porque uma faca é um objecto neutro, que serve para descascar batatas ou para matar a cozinheira, a moralidade está na forma como se usa", diz João Aguiar Campos.

 

Fonte: Diário de Notícias

Dez distritos em alerta amarelo devido ao mau tempo

28.11.09, Planeta Cultural

A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) emitiu um aviso de alerta amarelo para dez distritos do Norte e do Centro de Portugal continental devido ao mau tempo esperado para a próxima noite e o dia de amanhã, com chuva por vezes forte, de neve em terras altas, acompanhada de rajadas de vento até 100 km/h.

 

Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra e Castelo Branco serão as zonas mais atingidas por “um sistema frontal que irá provocar, especialmente a partir do dia de hoje, sábado, e durante o dia de amanhã, domingo, chuva por vezes forte, vento com rajadas que podem atingir os 100 km/hora nas terras altas, agitação marítima na costa ocidental a norte do Cabo Carvoeiro e pela diminuição da temperatura, circunstâncias que podem motivar nas regiões do interior a queda de neve em cotas médias (acima dos 700 metros)”, segundo prognóstico do Instituto de Meteorologia.

 

“Neste nível de Alerta os fenómenos previstos não sendo invulgares, podem representar danos potenciais para pessoas e bens. Deve-se adoptar medidas de prevenção e auto protecção e adequar os comportamentos à situação”, avisa a ANPC, recomendando precaução em relação a um possível “aumento do número de acidentes de viação, devido à existência de piso escorregadio e eventual formação de lençóis de água ou ao arrastamento de materiais sólidos para a via; inundações por transbordo, em linhas de água de regime torrencial ou não dominadas por albufeiras; possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem; possibilidade de persistência de neve e gelo nas estradas, podendo conduzir a retenção temporária de veículos e pessoas nas vias, aumento de acidentes rodoviários, isolamento temporário de núcleos habitacionais e danos em estruturas montadas ou suspensas.”

 

Visite a fonte da informação aqui

Catadores encontram fetos em sacos plásticos em Salvador

28.11.09, Planeta Cultural

Peritos vasculham lixão nesta sexta-feira.
Eles acreditam que fetos tinham de dois a oito meses de gestação.

 

Peritos vasculham, nesta sexta-feira (27), o lixão onde catadores encontraram oito fetos, perto da BR-324, em Salvador.

 

Os fetos estavam dentro de sacos plásticos com formol e, segundo os peritos, tinha de dois a oito meses de gestação. Eles foram localizados na quinta-feira (26).

 

A polícia suspeita que os fetos tenham sido jogados no aterro por uma clínica clandestina de aborto.

 

Fonte: G1