Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Mutação Onix

16.11.09, Planeta Cultural

GENERALIDADES


A mutação ONIX caracteriza-se pela ausência de faeomelanina e um aumento da eumelanina. Esta mutação evidenciar-se-á melhor nas aves que têm estrias muito boas sobre o dorso e nos flancos com um máximo de eumelanina.
Sendo a faeomelanina substituída pela eumelanina, uma cor muito compacta forma-se entre as estrias, a qual devido à estrutura da plumagem, será o mais escura sobre a cabeça, na nuca e sobre o dorso.
Devido à ausência da faeomelanina, é difícil aproximar a tonalidade negra à da série negra clássica.
A eumelanina da série negra, ágata e castanha possuindo o factor ONIX deve ser sempre pura.
A cor de fundo não estando mais influenciada pela faeomelanina, aparece mais clara e mais luminosa.

 

 

NEGRO ONIX:
Na série negra, as rémiges e as rectrizes devem ser o mais escuras e uniformes possível, com uma cor compacta.
Há ausência de faeomelanina.
As estrias dorsais e os flancos devem ser marcados.
Devido à ausência de faeomelanina, as patas, as unhas e o bico não serão tão negros como na série clássica, mas devem ser unicolores e tão escuras quanto o possível.

 

 

Estão homologadas pela COM:
Negro Onix Amarelo Intenso
Negro Onix Amarelo Nevado
Negro Onix Amarelo Mosaico
Negro Onix Amarelo Marfim Intenso
Negro Onix Amarelo Marfim Nevado
Negro Onix Amarelo Marfim Mosaico

 

Negro Onix Vermelho Intenso
Negro Onix Vermelho Nevado
Negro Onix Vermelho Mosaico
Negro Onix Vermelho Marfim Intenso
Negro Onix Vermelho Marfim Nevado
Negro Onix Vermelho Marfim Mosaico

Negro Onix Branco Recessivo
Negro Onix Branco Dominante


 

CASTANHO ONIX:
Na série Castanha, as rémiges e as rectrizes devem ser castanho-bege e tão uniformes quanto possível.
Há ausência de faeomelanina.
As estrias dorsais e os flancos devem ser bem marcados sobre uma cor de fundo luminosa.
As patas, as unhas e o bico devem ser de cor clara.
Estão homologadas pela COM;

 

Castanho Onix Amarelo Intenso
Castanho Onix Amarelo Nevado
Castanho Onix Amarelo Mosaico
Castanho Onix Amarelo Marfim Intenso
Castanho Onix Amarelo Marfim Nevado
Castanho Onix Amarelo Marfim Mosaico

 

Castanho Onix Vermelho Intenso
Castanho Onix Vermelho Nevado
Castanho Onix Vermelho Mosaico
Castanho Onix Vermelho Marfim Intenso
Castanho Onix Vermelho Marfim Nevado
Castanho Onix Vermelho Marfim Mosaico

 

Castanho Onix Branco Recessivo
Castanho Onix Branco Dominante

 

ÁGATA ONIX:
Na série Ágata, as estrias devem ser cinzento-escuro e bem pronunciadas com uma cor compacta.
A cor das rémiges e das rectrizes devem ser o mais uniforme possível.
Há ausência de faeomelanina.
As estrias dorsais e os flancos devem ser bem marcadas sobre uma cor de fundo luminosa.
As patas, as unhas e o bico devem ser unicolores.
 

 


Estão homologadas pela COM:
Ágata Onix Amarelo Intenso
Ágata Onix Amarelo Nevado
Ágata Onix Amarelo Mosaico
Ágata Onix Amarelo Marfim Intenso
Ágata Onix Amarelo Marfim Nevado
Ágata Onix Amarelo Marfim Mosaico

 

Ágata Onix Vermelho Intenso
Ágata Onix Vermelho Nevado
Ágata Onix Vermelho Mosaico
Ágata Onix Vermelho Marfim Intenso
Ágata Onix Vermelho Marfim Nevado
Ágata Onix Vermelho Marfim Mosaico

 

Ágata Onix Branco Recessivo
Á gata Onix Branco Dominante

 

 

 

ISABEL ONIX
Para esta série a falta de experiência não permite estabelecer o standard e não está homologada pela COM.
 

 

Autor: Nuno Monteiro ( Juiz de canários de Cor – CJO )

Cabo Verde: São Vicente - Demolidos 14 pardieiros dos 50 casebres abandonados já identificados

16.11.09, Planeta Cultural

O programa contínuo de intervenção para combater a dengue na ilha de São Vicente, identificou e mandou demolir, em quatro dias, 14 pardieiros de um total de 50 registados e espalhados pela malha urbana do Mindelo.

A operacionalização do programa tem à frente altos responsáveis da Câmara Municipal de São Vicente e da Delegacia de Saúde, e a demolição dos restantes edifícios identificados, deve ocorrer nos próximos dias, de acordo com as prioridades.

O delegado de Saúde, José Manuel d´Aguiar, confirma que o programa de intervenção engloba campanhas de limpeza e de sensibilização, para além da demolição de pardieiros, e estará de pé até a eliminação de todos os focos de reprodução do mosquito causador da doença.

No entanto, devido a fraca afluência de pessoas, a campanha de limpeza agendada para domingo, 15, não se realizou.

Dados avançados pela estrutura de saúde pública de São Vicente indicam que já se registaram alguns casos suspeitos de dengue, todos importados, mas a ilha continua sem casos autóctone.

 

 

AA

Fonte: Inforpress/Fim.

Infrasat lança TV Satélite em Angola

16.11.09, Planeta Cultural

O primeiro serviço de televisão por assinatura via satélite operado por uma empresa angolana foi lançado no fim-de-semana em Luanda pela empresa de telecomunicações Infrasat.

 
O serviço, denominado UAU TV, é composto por 12 canais, todos eles em língua portuguesa e criteriosamente seleccionados para atender as exigências de um público heterogéneo.
 
Na grelha de canais destacam-se a TPA 1 e 2, TV Zimbo, Tv Record, RTP internacional, BAND News, RTP-África, Kidsco, Woohoo, Afro Music, UAU TV PROMO (CANAL DO ASSINANTE) e MGM.
 
 A UAU TV é um serviço de televisão por satélite, que pressupõe a sua disponibilidade para cobrir todo país privilegiando para o efeito as regiões mais longínquas onde não se faz sentir serviços de género.
 
Para o director executivo da Infrasat, em entrevista hoje à Angop, na capital angolana, Eduardo Continentino, a UAU é uma marca forte, jovem e dinâmica e convida os telespectadores a um mundo de surpresas onde a informação, entretenimento, lazer, educação e cultura fazem parte da sua grelha de atracções.
 
O responsável assegurou igualmente que, para além da UAU TV ser um serviço diferente e inovador no mercado angolano, é também uma iniciativa que se propõe oferecer um produto de elevada qualidade tecnológica ao alcance do cidadão angolano, que a partir de 1.700,00 kwanzas pode habilitar-se a um pacote básico mensal.
 
“Uma vez adquirido o kit completo (19.500,00kz.), que inclui instalação grátis e mais três meses, a grande novidade tem a ver com a possibilidade do assinante poder realizar um recarregamento opcional mediante as suas disponibilidades financeiras”, recordou.
 
Para Eduardo Continentino, o objectivo da Infrasat é fazer da TV UAU uma opção para milhares de angolanos enquanto veículo de difusão de informação.
 
“O lançamento da UAU TV coincide com a realização do CAN 2010 e desta forma a Infrasat associa-se aos esforços das entidades desportivas do país, no sentido de contribuir para uma maior divulgação do evento e permitir que os angolanos de zonas recônditas possam assistir as partidas de futebol que serão realizadas nas quatros províncias do país”, frisou.
 
Para além de uma equipa técnica móvel, a gerência do novo canal contam também com um serviço de chamada (call center) que funcionará de plantão a fim de atender eventuais situações do interesse do usuário.
 
Surgida há cerca de um ano, a Infrasat conta com dois produtos no mercado, o serviço de telefonia universal Liga-Liga e os serviços corporativos de transmissão e acesso a redes de voz e dados denominados TrankSat e NetSat.
 
 
Veja a fonte de informação aqui

Petróleo sobe mais de 3% com valorização das bolsas e queda do dólar

16.11.09, Planeta Cultural
As cotações do petróleo seguiam a reforçar o movimento de subida, a registarem os ganhos mais acentuados das últimas seis semanas, sustentadas pela debilidade do dólar e pela escalada do Standard & Poor’s 500 para máximos de 13 meses, o que está a intensificar a confiança na recuperação da economia global e da procura de energia.

O contrato de Dezembro do West Texas Intermediate (WTI), “benchmark” para os EUA, seguia a valorizar 3,35% em Nova Iorque, para 78,91 dólares por barril.

Em Londres, o contrato de Janeiro Brent do Mar do Norte, crude de referência para a Europa, avançava 3,16%, para 78,72 dólares por barril.

Em Nova Iorque, o WTI esteve já a subir 3,8%, animado pela queda da nota verde face ao euro, uma vez que as matérias-primas negociadas em dólares ficam mais atractivas como investimento alternativo quando a moeda norte-americana desvaloriza.

Os mercados petrolíferos estão também a ser animados pela tendência positiva nas bolsas, que estã a reagir em alta ao anúncio de que as vendas norte-americanas no retalho aumentaram mais do que o previsto.

Além disso, os governos da Ásia comprometeram-se a manter os gastos dos estímulos à economia, o que também tem contribuído para impulsionar as bolsas. O petróleo tem tido, nos últimos tempos, uma correlação muito mais estreita com os mercados accionista e cambial.

“O dólare está mais fraco e as acções estão em alta, o que está a ajudar a valorizar os preços do petróleo”, comentou à Bloomberg um corretor do BNP Parivas, Ric Navy. “Os fundos de investimento continuam a entrar neste mercado e isso poderá impulsioná-lo ainda mais”, acrescentou.

Presidente da OPEP “contente” com intervalo entre 75 e 78 dólares

Entretanto, o presidente da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), José Maria Botelho de Vasconcelos, afirmou hoje que a organização está “contente” com o intervalo para o crude entre os 75 e os 78 dólares por barril.

Vasconcelos, que é também ministro angolano do Petróleo, disse hoje numa conferência em Abu Dhabi, citado pela Bloomberg, que os actuais preços do petróleo estão num “bom nível”.

Além disso, adiantou que a procura mundial de petróleo poderá aumentar em 20 milhões de barris por dia, para 106 milhões de barris diários, entre 2008 e 2010.

Fonte: Jornal de Negócios

Carvalhal: "Não deixem adormecer o Sporting"

16.11.09, Planeta Cultural

O novo treinador do Sporting, Carlos Carvalhal, deu uma entrevista ao site oficial do clube, onde apelou à união dos adeptos, pedindo que vão ao Estádio apoiar a equipa e que “não deixem adormecer o Sporting”.

 

“Os clubes têm momentos em que a sua equipa de futebol passa por algumas dificuldades e por um período menos bom, o que pode levar a que fiquem adormecidos. Isso já aconteceu com o Sporting recentemente, bem como com outros clubes em Portugal e no estrangeiro”, afirmou em entrevista publicada em vídeo no site oficial do Sporting.

O técnico considera que “é muito importante que cada associado possa ir ao estádio com grande prazer, que assuma os momentos de apoio ao clube como momentos de exaltação, de forma a que o clube não entre numa fase de adormecimento”, reforçando ainda a importância dos adeptos para o clube: “O Sporting não é uma conjuntura momentânea, é uma estrutura muito forte, é um clube com muitos anos e uma história riquíssima. Devem apoiar o clube e a sua equipa de forma orgulhosa para que, no final da época, todos nós, adeptos, jogadores e treinadores tenhamos consciência de que fizemos o melhor para o Sporting”.

 

Carvalhal deixa então o repto: “Não deixem adormecer o Sporting! A força do Sporting são os adeptos e os adeptos vão dar uma resposta forte. Terão de ganhar o jogo do apoio à equipa aos rivais. Estejam presentes!”

 

Questionado sobre o “derby” frente ao Benfica, jogo que será o segundo com Carvalhal no comando técnico leonino, o treinador afirma que as atenções estão focadas no jogo da Taça de Portugal, frente ao Pescadores da Caparica, já no próximo sábado.

 

“Não adianta estarmos a projectar o que vai acontecer daqui a 15 dias, se não trabalharmos para estarmos melhor. O nosso pensamento tem de estar no jogo da Taça de Portugal, com os Pescadores da Costa de Caparica. A nossa concentração tem de ser absoluta em tentar melhorar algumas coisas, aumentar a confiança e tentar imprimir uma dinâmica boa, para tentar alcançar uma vitória”, destacou.

 

O treinador reconhece que “a situação no campeonato não é fácil”, mas que “ a hora é de trabalho”, garantindo: “Estou aqui para servir o Sporting. Vou viver 24 horas por dia para o Sporting, tentar imprimir qualidade ao meu trabalho, passar toda a ambição que tenho aos meus jogadores, para que a cada domingo tenham uma manifestação de grande competência e os adeptos do Sporting gostem de ver a equipa jogar”.

 

Fonte: O Jogo

Parabéns José Saramago

16.11.09, Planeta Cultural

 

 

José de Sousa Saramago é um escritor, roteirista, jornalista, dramaturgo e poeta português.

Saramago nasceu na província do Ribatejo, no dia 16 de Novembro, embora o registo oficial indique ser o dia 18 como o dia do seu nascimento. Saramago, conhecido pelo seu ateísmo e iberismo, è (ou foi) membro do Partido Comunista Português e pertenceu à direcção do Diário de Notícias. Juntamente com Luiz Francisco Rebello, Armindo Magalhães, Manuel da Fonseca e Urbano Tavares Rodrigues foi, em 1992, um dos fundadores da Frente Nacional para a Defesa da Cultura (FNDC).

 

Saramago è casado com a Espanhola Pilar del Río e vive actualmente em Lanzarote, nas Ilhas Canárias.

Foi galardoado com o Nobel de Literatura de 1998. Também ganhou o Prémio Camões, o mais importante prémio literário da língua portuguesa. Saramago é considerado o responsável pelo efectivo reconhecimento internacional da prosa em língua portuguesa.[1]

O seu livro Ensaio Sobre a Cegueira (Blindness, em inglês) foi adaptado para o cinema e lançado em 2008, produzido no Japão, Brasil e Canadá, dirigido por Fernando Meirelles (realizador de O Fiel Jardineiro e Cidade de Deus).

Parabéns Sr. Saramago pelo seu aniversário.

 

Que esta data se repita por muitos e muitos anos na companhia daqueles que mais ama e que dentro das suas possibilidades, nos continue a brindar com os seus trabalhos que são do melhor que há por todo o mundo!

A social mobile application que auxilia o motorista a entender melhor o tráfego.

16.11.09, Planeta Cultural

Pois è, pelos vistos, as aplicações mobile serão as estrelas para 2010.


Waze é um programa que gira no symbian (nokia), Iphone, android.


O programa monitora o gps do telefone e ainda cria uma base de dados sobre o que está acontecendo.
 

Quanto mais for usado pelos usuários, melhor è a informação gerada/incorporada sobre as condições da estrada.

 

Bom mesmo!

 

Veja o vídeo:

 

 

Microsoft admite que ferramenta do Windows 7 usa código aberto

16.11.09, Planeta Cultural

Uma aplicação desenvolvida por um parceiro da Microsoft para facilitar o upgrade de netbooks para o Windows 7 afinal usa código open source, reconheceu o responsável da empresa pela gestão da comunidade open source do grupo de plataformas, Peter Galli, no blog oficial.

A questão tinha sido inicialmente levantada por um blogger que adiantava na semana passada que a ferramenta parecia utilizar código do projecto ImageMaster, publicado sob licença GPL. Logo depois do alerta a Microsoft suspendeu o acesso à ferramenta.
A aplicação em causa é o WUDT, uma ferramenta gratuita distribuída pela empresa de Redmond para criar drives de arranque a partir de dispositivos USB ou backups DVD da edição do Windows 7 distribuída em formato ISO.

Segundo Peter Galli, depois da análise do código a empresa confirmou a existência de código aberto, embora não de forma intencional. Apesar da aplicação ter sido desenvolvida por uma parceiro, este responsável garante que a Microsoft partilha responsabilidade na sua publicação já que não conseguiu identificar esta utilização no processo de revisão do código.

Depois da revisão de mais código presente na Microsoft Store, a empresa garante agora que este foi o "único incidente do género que conseguimos encontrar". Pretendendo respeitar os termos das licenças GPL a Microsoft vai disponibilizar esta semana o código fonte completo da aplicação segundo as regras do General Public License v2.

Esta não será a primeira vez que a Microsoft publica código em formato open source, mas normalmente a empresa não recorre ao GPL.

 

Visite a fonte da informação aqui

Mau tempo: Portugal em alerta amarelo

16.11.09, Planeta Cultural

O Instituto de Meteorologia colocou quase todos os distritos do país em alerta amarelo, devido ao mau tempo.

 

O Instituto de Meteorologia (IM) colocou hoje em aviso amarelo quase todos os distritos do país devido à previsão de chuva e vento forte, exceptuando Portalegre, Évora, Beja, Faro e o arquipélago dos Açores.

O IM prevê céu muito nublado, com abertas no Baixo Alentejo e Algarve. Os períodos de chuva poderão tornar-se fortes nas regiões Norte e Centro, sendo esperada a ocorrência de trovoadas a partir da tarde.

O vento soprará fraco a moderado no quadrante sul, entre 10 e 30 quilómetros por hora, aumentando de intensidade ao longo da tarde, nas regiões Centro e Sul, entre os 35 e os 45 Km/h. As rajadas poderão atingir os 70 km/h.

 

Visite a fonte da informação aqui

Obama confessa: "eu nunca usei o Twitter"

16.11.09, Planeta Cultural

O presidente dos EUA tem uma conta com 2,6 milhões de seguidores, mas nunca escreveu no Twitter. Pelo menos, foi a garantia que deu durante uma visita à China.

 

Numa sessão de perguntas no município de Xangai, Barack Obama não fugiu à polémica sobre as limitações de que o Twitter tem sido alvo na China, e admitiu o que muita gente já desconfiava: "nunca usei o Twitter, mas sou um defensor das tecnologias e do livre acesso à Net".

O presidente admitiu ainda que a conta que tem no Twitter é redigida diariamente por membros staff da casa branca, noticia o TechCrunch.

 

Visite a fonte da informação aqui

PSP ganha metade dos inspectores da PJ e do SEF

16.11.09, Planeta Cultural

«Se fôssemos menos ganharíamos o mesmo». ASPP insurge-se contra argumento «injusto» do MAI. Há menos candidatos o que «pode aligeirar o rigor na admissão», adverte.

 

Um agente da PSP que tenha ingressado na polícia há dez anos, ganha agora metade do que os colegas da PJ ou do SEF que entraram na mesma altura e com as mesmas habilitações, 12º ano.

 

Estes três casos «são reais e correspondem a pessoas que se mantiveram na base da hierarquia», tendo sido analisados pela Associação Sócio-Profissional da PSP para ilustrar as «injustiças» de que têm falado e que, garantem, o novo estatuto remuneratório, aprovado, e com entrada em vigor prevista para Janeiro de 2010, «irá agravar».

Ao fim de dez anos, o agente da PSP está a ganhar 1016 euros, o da PJ 2516, e o do SEF 2208, salários brutos.

 

Paulo Rodrigues, presidente da ASPP, até admite, em declarações ao tvi24.pt, que os casos investigados pela PJ «são mais complicados», mas lembra que esta polícia «tem o apoio constante do Ministério Público», enquanto na PSP «o comandante da esquadra não se responsabiliza pela actuação do agente de rua»

 

«Além disso, temos uma função de prevenção do crime e tem aumentado muito a violência contra polícias», refere, acrescentando que a PSP também auxilia as outras polícias em várias operações.

 

O facto de a PJ exigir, desde 2000, a licenciatura aos seus candidatos, bem como o SEF (apenas desde Setembro), mantendo a PSP a exigência do 12º ano poderia justificar «uma pequena diferença salarial, mas nunca de metade», adianta Paulo Rodrigues, lembrando que «apesar de tudo, na PSP há tantos licenciados como nas restantes forças policiais».

«Nós é que estamos mal e, por isso, tem que haver uma aproximação salarial», diz.

 

«Se fossem menos ganhavam o mesmo que os outros»

 

No dia em que a ASPP se reúne pela primeira vez com o reempossado ministro da Administração Interna para discutir alterações aos estatuto remuneratório, o presidente da ASPP recupera o argumento «economicista» da tutela para não equiparar os salários da PSP aos das restantes forças policiais.

 

«Dizem-nos que somos muitos [22 mil homens, 5180 dos quais agentes] e que se fôssemos menos ganharíamos o mesmo que os outros», recorda Paulo Rodrigues, indignado com «a injustiça do argumento».

 

Recorde-se que, segundo o relatório do SEF, há 1478 elementos, sendo que 709 estão afectos à fiscalização e que na PJ, o relatório anual de segurança interna de 2007, refere 2492 elementos, 1333 dos quais na investigação criminal.

 

Parlamento ainda pode alterar o estatuto

 

Na reunião que esta segunda-feira vai ter com o ministro, a associação Sindical vai reivindicar alterações que evitem mais injustiças. Paulo Rodrigues exemplifica: «No novo estatuto, o subcomissário (comandante de esquadra) é atropelado pelo chefe principal (adjunto de esquadra) que, sendo inferior hierárquico passa a auferir muito mais do que o chefe».

 

Caso avance a apreciação parlamentar do estatuto remuneratório, «tal como a ASPP pediu e como parece que vários partidos já aceitaram», ainda é «possível fazer pequenos ajustes nalguns artigos».

 

A criação de um subsídio de risco é outra reivindicação antiga e que só a PSP não tem. «O candidato a primeiro-ministro Durão Barroso já dizia (aquando da morte do agente Felisberto Silva, na Damaia) que com ele a PSP teria um subsídio de risco ... até hoje», diz Paulo Rodrigues.

 

«Falta de candidatos pode aligeirar o rigor da formação»

 

Quando em 1998 concorrer a uma das 600 vagas para a PSP, o agora presidente da ASPP era um entre 14 mil candidatos.

 

Dez anos depois, para 1070 vagas concorreram 3020 candidatos e apenas 900 vagas puderam ser preenchidas, já que os restantes não estavam aptos para a função. Há poucos candidatos porque as condições oferecidas não compensam os enormes riscos sofridos, sugere Paulo Rodrigues.

 

«O meu receio é o de que a falta de candidatos possa aligeirar o rigor na admissão», avisa.

 

Fonte: TVI24

 

JPMorgan sobe "target" da Sonae para 1,05 euros após apresentação de resultados

16.11.09, Planeta Cultural
O JPMorgan actualizou as suas estimativas para a Sonae SGPS, subindo o preço-alvo para os títulos da empresa dos 0,95 euros para 1,05 euros, depois da empresa ter divulgado os resultados do trimestre, que saíram em linha com as estimativas do banco de investimento. O banco considera que as receitas foram impulsionadas pelas vendas de marca própria e pelo uso do cartão de cliente.

Numa nota de “research” hoje divulgada a que o Negócios teve acesso, a equipa de analistas liderada por Jaime Vazquez elevou o “target” para os títulos da holding de Belmiro de Azevedo em 10,5%, mantendo a recomendação de “overweight”. O novo preço-alvo confere um potencial de subida de 13,5% à empresa, face à cotação actual.

No final da semana passada, a Sonae SGPS revelou que nos primeiros nove meses do ano registou um resultado líquido directo de 96 milhões de euros. Este valor representa uma subida de 42,3% face ao período homólogo e é explicado pelo aumento do EBITDA recorrente e pela redução do custo da dívida.

Considerando os resultados líquidos atribuíveis aos accionistas, que incluem o impacto das perdas da Sonae Sierra, os lucros nos primeiros nove meses do ano ascenderam a 32 milhões de euros, o que representa uma queda de 40,1% face ao período homólogo.

No retalho alimentar, “a redução significativa da média de receitas por consumidor devido à deflação foi em parte compensada pelos maiores volumes”, adianta a nota de investimento hoje divulgada. O “research” acrescenta ainda que “em termos comparáveis, foi também positivamente influenciado pelas lojas ex-Carrefour, que verificaram uma subida de 10% nas vendas”.

A casa de investimento realçou que o desempenho das vendas da companhia foi impulsionado por “um uso efectivo do cartão de cliente, fortes crescimentos nos produtos perecíveis e pelos produtos de marca própria”.

O JPMorgan acrescenta ainda que a margem de EBITDA caiu 30 pontos base no terceiro trimestre, depois de ter subido 67 pontos base na segunda metade do ano, devido “à maior deflação da comida e à intensificação da competição”. Contudo, o banco prevê que a deflação vá começar a diminuir.

Já no retalho especializado, o banco de investimento destaca que a empresa encerrou o trimestre com um EBITDA de nove milhões de euros, contra as estimativas de oito milhões do JPMorgan e os 13 milhões registados no período homólogo.

“A base foi influenciado pelo maior nível de promoções no terceiro trimestre do ano passado, enquanto este ano esperamos um maior nível de promoções no quarto trimestre”, refere o “research”.

Em relação à dívida líquida da “holding”, a casa de investimento saliente que a Sonae SGPS terminou o trimestre com uma dívida líquida de 3,4 mil milhões de euros, o que compara com os 3,5 mil milhões no final de Junho.

A empresa prevê que a dívida no final do ano “esteja estável face aos 3,1 mil milhões de euros em Dezembro de 2008”, uma meta que o JPMorgan considera que será difícil de alcançar.

Fonte: Jornal de Negócios

Moçambique: Homicídios praticados pela polícia sem investigação - Amnistia Internacional

16.11.09, Planeta Cultural

A Amnistia Internacional apelou hoje às autoridades moçambicanas para que os homicídios praticados pela polícia sejam investigados e os autores processados, porque "as famílias das vítimas são continuamente impedidas de obter justiça".

 

Num relatório divulgado hoje, a Amnistia Internacional afirma que desde Janeiro de 2006, pelo menos 46 pessoas foram assassinadas em Moçambique pela polícia.

 

No relatório, "Já não acredito na Justiça - Obstáculos à justiça em casos de homicídios praticados pela polícia de Moçambique", a organização apela também ao Governo para que deixe claro perante a polícia que o uso excessivo da força e os assassinatos não serão tolerados.

 

Fonte: Lusa

Euribor a 6 meses renova mínimo histórico

16.11.09, Planeta Cultural

À excepção dos prazos mais curtos (1 e 3 meses), que encerraram inalteradas, as taxas Euribor voltaram hoje a cair e a renovar novos mínimos.

A Euribor a três meses permaneceu nos 0,714%, enquanto a taxa a 1 mês ficou estável nos 0,432%. Já a Euribor a 6 meses, o indexante mais usado em Portugal no crédito à habitação, renovou o valor mais baixo de sempre ao cair para os 0,988%. A taxa a 9 meses deslizou para 1,118% e a 12 meses escorregou para 1,222%.

As taxas Euribor continuam a cair, reflectindo as descidas de juros já efectuadas, a estabilização do sistema financeiro e a perspectiva de que as taxas de juros de referência para a Zona Euro vão permanecer inalteradas, em 1%, o que corresponde ao nível mais baixo da história da região.

As estimativas apontam para que o Banco Central Europeu (BCE) mantenha o preço do dinheiro inalterado nos próximos meses.
 

Fonte: Jornal de Negócios

Brasil fica em 1º lugar em ranking internacional de combate à fome

16.11.09, Planeta Cultural

A organização não governamental (ONG) Action Aid Internacional vai conceder um prêmio ao Brasil pelos esforços no combate à fome. Segundo um ranking organizado pela entidade, o país teve o melhor desempenho na redução do problema, seguido pela China e Índia.

 

Segundo o diretor internacional da Action Aid, Adriano Campolina, o principal motivo para que o Brasil seja o líder do ranking foi o fato de 10 milhões de pessoas terem saído da pobreza extrema nos últimos anos. De acordo com ele, o Brasil conseguiu a redução combinando o crescimento econômico com políticas de combate à pobreza e agricultura familiar.

 

“A fome é um fenômeno muito complexo, você não consegue acabar com ela imediatamente. Mas a redução do Brasil foi extremamente substancial, não só rápida como sustentada. Foram políticas coordenadas que deram ênfase à transferência de renda e ao mesmo tempo à agricultura familiar e à produção sustentável”, destacou Campolina.

 

Amanhã (16), quando terá início em Roma a Cúpula Mundial de Segurança Alimentar, promovida pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), a ONG pretende entregar o prêmio ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele participa da abertura do evento e deverá apresentar as experiência brasileiras que conseguiram reduzir a subnutrição no país como o Bolsa Família, o Fome Zero e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae).

 

Fonte: Paraíba1