Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

LOV e Sinc formam a OoN networking

14.10.09, Planeta Cultural

Com o objetivo de tornar-se um dos maiores players de comunicação digital, chega ao mercado a OON networking www.oonn.com.br, projeto inédito no País.

Comandado por Roberta Raduan, João Muniz, Alon Sochaczewski, Sergio Caruso e André Piva, o board com longa experiência no mercado interativo pretende ocupar um novo espaço no cenário online. Segundo o board, a OON foi planejada para preencher a consolidação e o crescimento forte do digital no Brasil, com empresas e ferramentas que possibilitem aos clientes uma atuação estratégica em diversas frentes, a partir de um único grupo, o que permitirá mais flexibilidade, agilidade de execução e maior inteligência de negócio.

Para isso, além de atuar com a LOV e a Sinc, o grupo OON anuncia a criação de três novas empresas: a MobileMen (uma agência de estratégia e serviços mobile), a U  (especializada em criar soluções de mídia digital, envolvendo social media, links patrocinados - SEM, busca orgânica - SEO, Bussiness Inteligence,  display media e mídia de performance) e a Wikitoria (produtora de tecnologia com foco em comunicação).

A perspectiva de receita do novo grupo para 2009 é bastante positiva, cerca de R$ 20 milhões. Já para 2010, a previsão de incremento é de 25%. De acordo com o board, “a oferta de várias ferramentas e tecnologias reunidas num mesmo grupo pode alavancar outros negócios, acelerando ainda mais a evolução da OON”.

Prova disso, é que o crescimento vem ocorrendo mesmo antes do lançamento do grupo. Nos últimos meses, como o aumento da demanda dos clientes, a Sinc e a LOV já contrataram 20 profissionais. E novos serão anunciados em breve, totalizando 150 pessoas até o final do ano.

Além disso, o grupo investiu na reforma de um prédio que receberá todas as empresas da OON e terá espaços voltados ao desenvolvimento do setor digital no País, com palestras, workshops e treinamentos tanto para as equipes internas quanto para a dos clientes.
 

 

Fonte: AdNews

Adesão à TV digital ainda é baixa no Brasil

14.10.09, Planeta Cultural

Implementada em dezembro de 2007, a TV digital está demorando para emplacar no Brasil. Pouco mais de 3% dos lares brasileiros recebem o sinal digital, embora a cobertura das emissoras, no caso da Rede Globo, já supere 50% dos domicílios do país.

A porcentagem é baixa se comparada aos números globais. Segundo um estudo sobre mídia digital divulgado na Irlanda, 28% dos domicílios já estão conectados à nova tecnologia. Em 2006, eram 16 %. Até 2012, espera-se que mais de 40% dos lares no mundo tenham TV digital.

Para o ministro Franklin Martins, da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, é normal que adesão ao sistema de TV digital seja lenta. O comentário foi feito durante a cerimônia de lançamento da transmissão digital pela TV Brasil, no mês passado, no Rio de Janeiro. "Essa migração é mesmo demorada, até porque tem um custo para as pessoas, que têm que comprar um conversor ou um novo aparelho de TV. Nos Estados Unidos, a migração aconteceu em dez anos". Afirmou Martins.

Os conversores estão custando em média R$ 700,00 a R$ 800,00.

Além desse empecilho, o atraso no cronograma de implantação, a não padronização da transmissão e as dificuldades de instalação também atrapalham a difusão do sistema.

O estudo também divulgou informações sobre a TV paga na América Latina. De acordo com o levantamento, o mercado ainda é pequeno, mas a perspectiva de longo prazo é positiva, por causa da convergência de mídias e tecnologias, digitalização da rede e combate à pirataria.

Sobre a internet, a pesquisa indica que os internautas gastam 10 % de seu tempo navegando em redes sociais como Orkut, Facebook e Twitter. Os encontros on-line são a atividade mais popeular da internet e uma das mais lucrativas.

Fonte: Adnews

 

Smartphone gera menos tráfego de dados que computadores portáteis

14.10.09, Planeta Cultural

Um smartphone gera muito menos tráfego de dados do que um computador portátil com acesso à internet por meio de um smartcard.

De acordo com um estudo feito pela empresa de tecnologia Airvana Inc, com a mesma quantidade de dados, um dispositivo móvel, como o celular, gera oito vezes menos carga do que um netbook, por exemplo, acessando a rede pela banda larga móvel.

A venda de smartphones deve aumentar significativamente, passando de 200 milhões em 2009 para uma projeção de 450 milhões em 2013, segundo pesquisa da iSuppli.

 

Fonte: GigaBlog

Falta rede de transmissão no Brasil

14.10.09, Planeta Cultural

O presidente da Claro, João Cox, afirmou hoje que as operadoras de celular estão levando as suas redes de 3G conforme os compromissos assumidos com a Anatel, mas há carência de infraestrutura de transmissão. "A Claro está com mais de 300 cidades prontas para serem ligadas, mas não temos rede de transmissão", afirmou o executivo. Segundo ele, para resolver esse problema, as operadoras estão construindo as suas próprias redes, ao invés de contratarem das incumbents.
 

O executivo afirmou também que as empresas estão dispostas a antecipar os compromissos de cobertura assumidos com a Anatel, de levar a 3G para mais de 40% dos municípios brasileiros em oito anos, mas para isso, voltou a insistir, é preciso firmar um pacto nacional entre governo, empresas privadas e sociedade.   
 

Fonte: TeleSintese

Cabo Verde: São Nicolau sem ligação marítima com a ilha do Sal

14.10.09, Planeta Cultural

A ilha de S. Nicolau está há cerca de dois meses sem ligação marítima com a ilha do Sal, o seu principal mercado que acolhe os produtos agro-pecuários e pesqueiro. Na terra de Chiquinho os agricultores falam em prejuízos, pois os produtos agrícolas acabam por se estragar, uma vez que a produção se destina ao mercado da ilha do Sal: "o único mercado onde, tradicionalmente, costumamos colocar o excedente da produção local" adianta um agricultor

Ontem, durante o programa Conexão Cabo Verde da RCV, a correspondente da estação pública de rádio lembrou que a ligação marítima São Nicolau/Sal/São Nicolau esteve interrompida desde 2008 e somente foi retomada em Maio deste ano, quando entrou na rota os navios "Conceição Maria" e "Porto Grande".

A profissional afirmou que em Julho do ano passado o ministro das Infra-estruturas, Transportes e Telecomunicações afiançou que o Governo estava a aguardar a chegada de um navio que seria subsidiado pelo estado para garantir a frequência na referida rota. "Mas até agora ela não chegou" concluiu.

Recorda-se que o transporte tanto marítimo e aéreo é o principal entrave no desenvolvimento das ilhas de São Nicolau, Maio e Brava.
 

Fonte: Expresso das Ilhas

Três portugueses escapam a linchamento em Sofala

14.10.09, Planeta Cultural

Três cidadãos de nacionalidade portuguesa escaparam a um linchamento no domingo, na localidade de Xiluvo, distrito de Nhamatanda, província de Sofala.

 

Os referidos estrangeiros foram supostamente confundidos com traficantes de crianças, na sequência de um boato espalhado naquela região.
 
A acção, que felizmente não chegou a causar perda de vidas humanas, resultou na danificação da viatura em que se faziam transportar as três vítimas e no desaparecimento de vários bens.
 
Em conexão com o assunto, pelo menos seis jovens estão a contas com a Polícia.
 
Segundo apurámos, o caso começa quando dois portugueses, Cláudio Mac Donald e Joseph Mac Donald, por sinal pai e filho, respectivamente, estacionaram a sua viatura naquela localidade para visitar antigas terras e começaram a fazer perguntas na tentativa de encontrar uma pessoa conhecida. Cláudio Mac Donald contou que minutos depois, um grupo de pessoas aproximou-se deles, algumas de forma pacífica e outras de forma agressiva, perguntando o que pretendiam no local em causa. As vítimas explicaram as suas intenções, mas os ânimos por parte de alguns curiosos aumentaram e acusaram-nos de raptores de menores. “Mandaram-nos abrir as pastas e vasculharam sem, no entanto, apanhar nada suspeito. Afinal tinham outras intenções”, exclareceu Cláudio Donald, uma das vítimas que de seguida esclareceu que as mesmas pessoas começaram a saquear os seus bens agredindo, por outro lado, com socos, paus e pedras.
 
Para felicidade dos dois, por perto estavam dois membros de policiamento comunitário que com apoio de alguns populares conseguiram arrastar os suspeitos para um esconderijo improvisado, e pouco tempo depois chegou à Polícia.
 
Fonte: O País online

Docente universitário Boubakar N. Keita lança obra sobre 'História da África Negra'

14.10.09, Planeta Cultural

O investigador e docente universitário, Boubakar N. Keita, lançou nesta quarta-feira no Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED), em Luanda, a obra “História da África Negra”.

 

Na cerimónia de apresentação da obra, que contou com a presença de docentes e estudantes universitários, editores literários e jornalistas, o também docente da cadeira de História de África do ISCED Júlio Mendes disse que a obra está na esteia dos mais destacados investigadores de África.
 

Acrescentou que o autor da obra, nas suas mais de 300 páginas, deteve-se nos aspectos que explicam a singularidade da realidade do continente e enfatiza diversos aspectos como os que permitiram o surgimento da primeira universidade do Mundo.

 
De acordo com Júlio Mendes, a obra remete os estudiosos para uma reflexão sobre a necessidade de reformulação da história de África, bem como a introdução de cadeiras sobre a temática ao nível do ensino secundário o que permitirá que os estudantes saibam mais sobre o processo de evolução do continente ao longo dos tempos.

 
Realçou ainda o facto de este ser o produto de mais de duas décadas de trabalho e investigações do autor.

 
Para o autor da obra, Boubakar N. Keita o resultado deste trabalho vai no sentido de os próprios africanos começarem a se distanciar dos preconceitos, uma vez que existem inúmeros exemplos do valor intelectual africano.
 

Por outro lado, chamou a atenção para um maior apoio no sentido da divulgação das produções dos investigadores africanos sobre a história do continente no sentido de se colmatar uma lacuna existente.

 
De acordo com Júlio Fonseca, director geral do grupo Leya, da qual faz parte a Texto Editora, responsável pela edição de “História da África Negra” de autoria de Boubakar N. Keita, o lançamento desta obra é um orgulho para a empresa pelo seu conteúdo científico e por ter sido produzido por um académico bem conhecido dos angolanos.

 
Por este razão espera que a obra seja bem recebida pelo público e pelos Críticos.
 

O livro repartido em duas grandes áreas, nomeadamente abrange os períodos dos séculos III a XV e está a ser comercializado a 2.600  kwanzas.

 

Fonte: Angop

Última época: Pinto da Costa recebeu 2 mil euros por dia em salários e prémios

14.10.09, Planeta Cultural

A presidência do Conselho de Administração da SAD do FC Porto rendeu a Jorge Nuno Pinto da Costa 700.000 euros brutos na última época futebolística, segundo o relatório enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Um valor que representa perto de 2 mil euros por dia. Ao todo, os quatro elementos remunerados da administração da SAD portista auferiram quase dois milhões de euros (1,9) entre 01 de Julho de 2008 e 30 de Junho de 2009, por esta ordem: Pinto da Costa (700 000), Adelino Caldeira, Fernando Gomes (cada um 420 000) e Reinaldo Teles (375 00). A SAD gastou mais de 5 mil euros por dia no pagamento de salários e prémios aos administradores.

Como exerce as funções de administrador não executivo, Jaime Lopes não aufere qualquer vencimento.

As contas do exercício da última época clarificam que destes 1,9 milhões de euros, 1,075 correspondem à remuneração fixa, enquanto 840 000 referem-se à parte variável (prémios).

Os salários dos administradores excecutivos da FC Porto SAD são definidos por uma Comissão de Vencimentos, que estipulou que o título nacional é premiado com mais 75% do valor bruto dos ganhos dos administradores, enquanto o segundo ou terceiro lugares merecem mais 50 por cento, embora na última assembleia-geral da SAD a Administração tenha rejeitado os prémios caso a equipa de futebol termine em segundo ou terceiro lugares.

A conquista da Taça UEFA, agora Liga Europa, merece ser premiada com o dobro do vencimento bruto, enquanto a Liga dos Campeões vale mais 120%.

É também explicado no mesmo documento que o presidente do Conselho de Administração da SAD tem ainda direito a dois por cento dos lucros apresentados no final da última temporada (5,1 milhões de euros), enquanto os restantes administradores executivos recebem um por cento.

 

Fonte: Jornal de Negócios

Paulo Portas: "O CDS será oposição" e não fará "coligações, nem acordos" com o Governo

14.10.09, Planeta Cultural
Paulo Portas garantiu esta tarde que o CDS não fará uma coligação, nem acordos entre o seu partido e o Governo, adiantando que “será oposição responsável e com sentido de compromisso”.

Após o encontro com José Sócrates, Paulo Portas, convocou uma conferência de imprensa para divulgar as propostas que apresentou perante o primeiro-ministro e garantiu que “o CDS será oposição responsável e com sentido de compromisso”, pelo que não farão “nem coligações, nem acordos. Verificaremos lei a lei, proposta a proposta. E tomaremos a iniciativa de apresentar propostas” para pôr em curso medidas que consideram determinantes.

Paulo Portas afirmou que “será oposição à política do Governo”, acrescentando que “tencionamos trabalhar, e muito, para ser a melhor oposição ao próximo Governo de Portugal”.

“Sempre disse que não estava obcecado por cargos”, o que “ hoje podem confirmar”.

O líder do CDS esclareceu que esta postura “torna o CDS independente do Governo” e a “nossa independência estende-se a outros partidos”, sublinhou.

“A única lealdade ao interesse de Portugal” é a fidelidade a um conjunto de políticas que defendo”.

Mas garantiu também “não ser oposição só por ser oposição” e “ser tão competente a criticar como a apresentar propostas”.

“Não esperem de nós uma oposição meramente reactiva” e deixou dois conselhos: um para que o Governo não peça uma moção de confiança, já que isso “significaria esticar a corda e começar mal” e desaconselha “iniciativas de rejeição que atirariam o país para um caminho sem saída”, quando se referia ao primeiro debate que vai ter lugar na Assembleia da República e que servirá para o Governo apresentar o seu programa.

Portas apresenta nove propostas

Paulo Portas apresentou ainda aos jornalistas as propostas que levou ao primeiro-ministro. Pontos que o líder do CDS considera “determinantes”. Foram nove as propostas que passam desde apoios às PME aos apoios sociais, passando pela saúde e pelas leis penais.

“Para gerar riqueza e contrariar o aumento do desemprego é fundamental uma política de apoio às pequenas e médias empresas (PME)”, reduzindo “a respectiva carga fiscal. Porque impostos altos sobre PME significam muitas vezes fechar as portas e despedir pessoas”, afirmou. O CDS pede também que o Estado “faça o que está ao seu alcance para reembolsar o IVA em não mais de 30 dias” e para que aceite que quando o próprio Estado tem dívidas anule dívidas de empresas. O partido defende também que o “Estado passe a pagar juros quando se atrasa a pagar às famílias e às empresas”.

“É muitíssimo importante que seja possível, progressivamente e durante a legislatura, introduzir em Portugal o desconto familiar por filho no IRS de modo a ajudar as famílias que podem e querem ter filhos”.

“É preciso rever a forma como são apoiados no desemprego essencialmente jovens e” casais em que os dois membros estão sem emprego.

“Não prescindimos de um aumento das pensão mais baixas” e, “em contrapartida, defendemos uma fiscalização generalizada do rendimento mínimo que separe o trigo do joio”.

“É urgente uma revisão cirúrgica das leis penais que favorecem o aumento da delinquência em Portugal”, defendeu, criticando o Governo que não “deu ouvidos” às propostas do CDS a tempo de não “cometer erros”.

“Na falta da maioria absoluta já não é preciso esperar dois anos para darem razão ao CDS”, afirmou o responsável referindo-se ao relatório publicado sobre o IRS [e que defende que os casados podem apresentar a declaração de IRS em separado] e sobre o relatório das leis penais.

“O CDS considera determinante que o Estado reconheça com humildade aquilo que não é capaz de fazer, na área de saúde, e estabeleça um acordo com o sector social da saúde”, o que permite tratar de mais doentes.

Paulo Portas defende uma “revisão do modelo de avaliação dos professores”, adiantando que já apresentou uma propostas, inspirada nos regulamentos vigentes no sector particular e cooperativo “que permite que haja uma avaliação dos professores que é séria”.

“É necessário um plano de emergência para pôr o PRODER a funcionar”, considerando que é preciso “encontrar em Bruxelas e no Governo uma solução rápida” para que os projectos “não fiquem mais uma vez na gaveta”.

A última proposta apresentada ao primeiro ministro está relacionada com a protecção e apoio aos deficientes das forças armadas.

Fonte: Jornal de Negócios

Publicidade e direitos de TV passam para a SAD: Acções do Sporting dispararam mais de 6% após assembleia geral

14.10.09, Planeta Cultural

Os títulos do Sporting reagiram em alta aos resultados alcançados ontem na Assembleia-Geral do clube.

Os sócios aprovaram o Relatório e Contas do exercício de 2008/09 e a transferência da participação do clube na Sporting Comércio e Serviços, o que cria as condições necessárias para o Sporting "se tornar mais forte e ambicioso", segundo José Eduardo Bettencourt.

As acções do Sporting avançam 5,74% para 1,29 euros, tendo já estado a valorizar 6,56% para 1,30 euros.

Os sócios do Sporting aprovaram ontem em Assembleia-Geral o Relatório e Contas do exercício de 2008/09 e a transferência da participação do clube na Sporting Comércio e Serviços com cerca de 74% dos votos favoráveis

"Com esta decisão dos sócios vamos poder ajustar os meios à nossa realidade, quantificá-los e canalizá-los para onde são necessários, por forma a trabalharmos de forma mais planeada e menos à vista", disse Bettencourt a seguir à divulgação dos resultados da votação, em conferência de imprensa, no auditório do Estádio de Alvalade.
 

 

Fonte: Jornal de Negócios

Manuela Ferreira Leite não quer qualquer tipo de acordo com o Governo

14.10.09, Planeta Cultural

Manuela Ferreira Leite terminou a reunião com José Sócrates, em São Bento.

 

A líder do PSD esteve reunida com o Primeiro Ministro durante cerca de uma hora e meia e à saída da reunião lá foi dizendo "Não estamos disponíveis nem para coligações, nem para acordos parlamentares"

 

Com isto, o PSD recusou uma coligação com o Partido Socialista e considera-se como "alternativa".

 

Euribor seis meses recua após quatro dias em alta

14.10.09, Planeta Cultural

As taxas interbancárias caíram hoje nos vários prazos temporais, com a taxa a seis meses a interromper quatro dias seguidos de subidas. Excepção, hoje, para a Euribor a três meses, que permaneceu inalterada.

A taxa a seis meses, que é a mais utilizada como indexante do crédito à habitação, desceu, pela primeira vez nas últimas cinco sessões, para 1,022%, enquanto a taxa a três meses se manteve nos 0,742%.

Nos prazos mais longos também se registaram quedas, com a taxa a 12 meses a descer 0,4 pontos base para 1,243% e a taxa a nove meses a cair para 1,143%. A tendência de subida mantinha-se desde quinta-feira, aquando da reunião em que o Banco Central Europeu manteve a taxa de juro de referência inalterada em 1%.

Jean-Claude Trichet, presidente da autoridade monetária da Zona Euro, adiantou que “temos sinais de estabilização” que sugerem que, a partir do segundo trimestre, as economias do euro puseram travão à “queda livre” que se assistia desde o final de 2008.

Esta declaração teve impacto no mercado, já que o BCE indiciou que poderá vir a rever a política monetária durante 2010, antecipando-se aumentos no preço do dinheiro. As Euribor tendem a antecipar os movimentos da taxa de juro directora, daí as recentes subidas destas taxas interbancárias.
 

Fonte: Jornal de Negócios