Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Ano lectivo 2010 : Educação vai contratar mais 11500 professores

13.10.09, Planeta Cultural

 

ONZE mil e quinhentos novos professores serão contratados pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC) para satisfazer as necessidades deste sector para o próximo ano lectivo no país. De acordo com o Director de Recursos Humanos naquela instituição, Ivaldo Quincardete, este número não vai resolver a questão da insuficiência de docentes que continua a ser preocupação para o melhoramento da qualidade de ensino e aprendizagem.
Para minimizar o problema, segundo disse, o MEC precisaria de contratar mais de vinte mil professores, um número que poderia ser ideal para resolver o problema do rácio entre o professor e aluno, que é de um para mais de 65.
 
Falando ontem em Maputo, depois da cerimónia de deposição de uma coroa de flores na Praça dos Heróis Moçambicanos, pela passagem de mais um dia dos professores, Ivaldo Quincardete explicou que o anúncio para a contratação de novos docentes deverá ser lançado ainda este ano para permitir que no princípio do próximo ano lectivo todos os contratados tenham colocação.
 
Acrescentou ser ainda prematuro falar da forma de divisão e colocação dos professores a ser contratados, o que poderá ser feito com base nas necessidades de cada província.
Pela passagem da data, o Ministro da Educação e Cultura, Aires Ali, enviou uma mensagem através da qual reconhece a importância do papel prestado pelos professores na construção do país e ainda no reforço da moçambicanidade, da auto-estima e do exercício de cidadania.
 
Acrescenta ainda que este ano a data se celebra num momento importante para a história do país, com a realização das eleições presidenciais, legislativas e para as assembleias provinciais, onde, uma vez mais, os professores são chamados a demonstrar o seu papel de educadores, inculcando nos estudantes o respeito pelas diferenças, o sentido de tolerância e de convivência democrática entre os moçambicanos.
 
Para além da deposição da coroa de flores, a Organização Nacional dos Professores (ONP) juntou os seus associados no salão da Escola Secundária Josina Machel, em Maputo, para uma reflexão sobre as necessidades e desafios da classe nos próximos tempos.
Na ocasião, a Secretária Permanente do MEC, Albertina Bila, apelou aos professores para continuarem a contribuir para o melhoramento do ensino e aprendizagem, o que terá como resultado o aumento do rendimento anual.
 
Para incentivar esta prática, Albertina Bila falou da necessidade de se acelerar a questão das promoções e progressões nas carreiras, como forma de impulsionar a actividade dos professores no cumprimento da sua missão.
 
"Ė preciso reconhecer e valorizar o esforço do professor e de todos aqueles que se têm envolvido no melhoramento da qualidade”, disse Albertina Bila, para quem esta evolução ganhou uma nova dinâmica, com a implementação do novo modelo de formação de professores, em curso há sensivelmente três anos.
 
Durante a cerimónia foram lidas várias mensagens que, na sua maioria, destacaram a importância do papel dos docentes na formação do Homem, bem como na sua contribuição para o desenvolvimento do país, através da transmissão do conhecimento.
 
Fonte: Jornal Notícias

 

FAO enaltece papel da mulher rural na garantia da segurança alimentar

13.10.09, Planeta Cultural

A assistente do programa da organização das nações unidas para alimentação e a agricultura (FAO) em Angola, Stella Monteiro, enalteceu hoje, em Ondjiva, o papel que a mulher rural desempenha na garantia da segurança alimentar e nutricional no país.

 
A responsável reconheceu tal facto no acto de abertura do VI fórum nacional da mulher rural, que decorre na sala de conferência do palácio do governo.  
 
 “Consideremos que a habilitação e a automatização das mulheres é essencial não só para o desenvolvimento humano como também para a realização dos objectivos de desenvolvimento do milénio”, disse.
 
 Stella Monteiro sublinhou que nos campos e nas cidades as mulheres são responsáveis em primeiro plano por alimentar as crianças e os outros membros da família, consagrando uma maior proporção dos seus rendimentos do que os seus parceiros masculinos para alimentar as famílias.
 
 A responsável da Fundo das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura referiu que, apesar da sua contribuição para a segurança
alimentar, sobretudo nas regiões mais desfavorecidas dos países mais pobres do planeta, as mulheres permanecem ainda “invisíveis” sobre o plano económico, estatístico, na imagem popular e da veiculada pela mídia.
 
Stella Monteiro afirmou que a FAO está a promover eventos com os governos dos países membros e os potenciais doadores, com o objectivo de discutir as causas estruturais da fome e encontrar soluções concertadas para reduzir os efeitos deste flagelo que assola cerca de 1 bilhão de pessoas no mundo.
 
Com a duração de três dias, o fórum prevê a recolha de subsídios para a elaboração do Plano de Acção da Mulher Rural, está analisar questões como conhecimento sobre a Estratégia Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional em vias de institucionalização em Angola.
 
O mesmo visa também reflectir sobre a transversalidade e importância da segurança alimentar no contexto de combate à pobreza e proporcionar o desenvolvimento sustentável das comunidades rurais.
 
Fonte: Angop

Saint-Gobain Glass corta 50 postos de trabalho na fábrica de Santa Iria de Azóia

13.10.09, Planeta Cultural

A Saint-Gobain Glass vai cortar 50 postos de trabalho na unidade de Santa Iria de Azóia. Em comunicado, a empresa explica que serão negociados acordos individuais com os trabalhadores abrangidos, sendo estudadas as possibilidades do seu reemprego em outras actividades do Grupo.

Segundo a mesma fonte, trata-se de um plano de reestruturação “perante a contínua e longa queda nos mercados de vidro de construção e automóvel em Espanha e Portugal”, que vai mesmo levar o Grupo a prolongar a paragem do forno float da sua fábrica de Santa Iria de Azoia.Este cenário será acompanhado de um plano de reestruturação da sociedade de forma a garantir a continuidade do negócio.

A reconstrução do forno, antecedendo o arranque da produção, será considerado quando a actividade dos mercados o justifique, continuando até la os serviços de manutenção, explica a empresa.

“Tudo será feito no sentido de atenuar, o mais possível, o impacto social da referida reestruturação”, sublinha a mesma fonte.

 
A empresa conclui que o motivo de esta redução de produção “é o de ajustar a capacidade da Saint–Gobain Glass às necessidades dos seus clientes na Península Ibérica” e que, “tendo em vista a garantia de um elevado nível de Qualidade de Serviço, as actividades comerciais e logísticas da Saint-Gobain Glass Portugal serão mantidas”.

 

 

Fonte: Jornal de Negócios

 

Termina hoje peregrinação a Fátima

13.10.09, Planeta Cultural

Termina hoje a peregrinação referente a Outubro ao Santuário de Fátima. Milhares de pessoas participaram ontem na procissão de velas, presida pelo Cardial Patriarca, D. José Policarpo, que destacou a importância dos templos como lugar de oração.

 

TDT espanhola: números

13.10.09, Planeta Cultural

Se por enquanto ainda não se conhece o número de pessoas que vêem a TDT em Portugal, a vizinha Espanha vai actualizando esses números: segundo o organismo com a responsabilidade da promoção e divulgação desta tecnologia, foram vendidos em Espanha um total de 679.220 equipamentos para a oferta digital terrestre nacional no passado mês de Agosto (411 mil equipamentos integrados e 268 mil “set-top-boxes”), elevando assim para 21,8 milhões o número de receptores adquiridos desde 2005 – 30% dos quais correspondem a vendas realizadas nos primeiros oito meses deste ano.

 

Fonte: telesatelite.net