Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Pramerica lança fundo de 500 milhões de libras no Reino Unido

21.09.09, Planeta Cultural

A Pramerica Real Estate Investors vai lançar um fundo aberto que poderá alcançar 500 milhões de libras (553 milhões de euros) para investir em activos imobiliários de alto rendimento no Reino Unido, direccionado para imóveis cujos inquilinos de baixo risco e com rendas fixas ou indexadas à inflação.

Segundo informações divulgadas esta segunda-feira pela Pramerica, que gere vários activos em Portugal, o Pramerica UK Real Income Fund irá adquirir activos que possam gerar um retorno que supere em 4% a 5% o índice de preços retalhistas do Reino Unido.

O mercado britânico dá mostras de um dinamismo que ainda não se estendeu a toda a Europa. Também esta segunda-feira a londrina Land Securities Group vendeu a sua participação de 33% no centro comercial Bullring ao Future Fund, da Austrália, por 210 milhões de libras (232 milhões de libras).

Esta transacção surge poucos dias depois de a British Land ter chegado a acordo para vender 50% do empreendimento de escritórios Broadgate, em Londres, ao grupo Blackstone. Esta transacção, que avalia o complexo de Broadgate em 2,1 mil milhões de libras (2,3 mil milhões de euros), foi a maior registada em Londres desde a crise do mercado imobiliário iniciada há dois anos.

A Alemanha é outro mercado que já dá sinais de reanimação no negócio de investimento imobiliário. Na semana passada o CEO da alemã IVG Immobilien, Gerhard Niesslein, veio afirmar que poderá conseguir ultrapassar a meta que tinha traçado para este ano de alienar mil milhões de euros em activos imobiliários. Uma melhoria do cenário que se fica a dever a um aumento do interesse de investidores como fundos de pensões, institucionais e famílias abastadas, segundo o responsável da IVG.

Em Espanha a Reyal Urbis está igualmente interessada em realizar um encaixe significativo com a venda de activos. Segundo noticiou a agência Reuters, este promotor espanhol estará à procura de 300 milhões de euros mediante a venda de imóveis em Madrid. Em causa estão mandatos para a venda de três hotéis, do edifício sede da PricewaterhouseCoopers, do centro comercial ABC e do edifício Urbis-Ombu.

Além das oportunidades de investimento com promotores e proprietários à procura de soluções para as suas dívidas, o mercado europeu está a criar também algumas oportunidades para o sector de construção. Na Irlanda a Real Estate Opportunities acaba de anunciar que obteve a licença para um projecto de reabilitação urbana de 800 milhões de euros em Ballymun, Dublin. Trata-se de uma intervenção numa área de 255 mil metros quadrados, cujos trabalhos deverão arrancar em 2010.
 

 

Fonte: Jornal de Negócios