Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Casa onde Schwarzenegger nasceu está à venda na Áustria

20.05.09, Planeta Cultural

A casa onde nasceu o actor e actual governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, na localidade de Thal, no sul da Áustria, foi colocada à venda, informou hoje a agência de notícias APA. «A casa natal de Arnie está à venda», diz um anúncio no site da agência imobiliária do banco Raiffeisen de Estíria.

 

Os actuais proprietários, um casal austríaco, pedem pelo menos 450 mil euros pela casa, construída no século XIX, confirmou um representante da agência imobiliária.

 

«Oferecemos a casa a nível internacional e regional», assinalou Nikolaus Lallitsch, que, no entanto, destacou que na casa não há nenhum tipo de lembrança do actor, que emigrou para os Estados Unidos no final dos anos 1960.

 

Mas o comprador poderá desfrutar de uma esplêndida vista dos Alpes austríacos do quarto onde Schwarzenegger nasceu, a 30 de Julho de 1947.

 

Fonte: Diário Digital

Lázio pretende Pedro Mendes

20.05.09, Planeta Cultural

A Lazio pretende o médio português Pedro Mendes, do Glasgow Rangers, segundo revela, esta quarta-feira, a imprensa italiana.

 

De acordo com a Gazzetta dello Sport, Pedro Mendes é um jogador que tem as características pretendidas pelo técnico Delio Rossi.

 

O Jogador português tem vindo a ser seguido pelo clube italiano.

 

Negociações na Autoeuropa terminam sem acordo

20.05.09, Planeta Cultural

As negociações entre a administração e a comissão de trabalhadores para o aumento da flexibilidade da organização dos tempos de trabalho, para fazer face à flutuações do mercado, chegaram hoje ao fim sem que tivesse sido possível chegar a consensos.

 

“Infelizmente não chegamos a acordo com a comissão de trabalhadores”, confirmou a porta-voz da empresa, adiantando que as conversações foram dadas como terminadas.

 

“Agora vamos analisar o comportamento do mercado no segundo semestre e tomar decisões que melhor se ajustem à situação actual”, acrescentou, sem revelar quais. Essas decisões serão tomadas o mais brevemente possível, adiantou.

 

Neste momento a empresa não tem nenhum indicador de melhoria da actual situação, que tem sido de quebra dos volumes de produção.

 

Numa carta enviada hoje aos colaboradores, a que o Negócios teve acesso, o director-geral da Autoeuropa, Andreas Hinrichs, afirma que “o que claramente separa a administração da empresa da posição da comissão de trabalhadores são as soluções a adoptar perante perante o contexto actual de quebra de volume de produção”.

 

“A administração da empresa não tem condições para prosseguir com as discussões, na perspectiva proposta pela comissão de trabalhadores”, acrescenta.

 

“A proposta apresentada pela empresa garante todos os postos de trabalho, garante o futuro e garante o pagamento do trabalho extraordinário aos sábados sempre

que o colaborador no final do ano tenha saldo positivo na sua conta de tempo. Isto é, se no final do ano tiver trabalhado 208 dias e não tiver saldo negativo de ‘downdays’ (dias de não produção que são compensados mais tarde), os sábados que tiver trabalhado nesse ano são pagos como trabalho suplementar. Os sábados não são pagos como trabalho suplementar quando, num ano, o colaborador tiver trabalhado menos do que 208 dias”, refere a mesma carta.

 

A comissão de trabalhadores pretendia que a remuneração dos oito sábados de trabalho em 2010 fosse uma combinação entre o abate de 10 horas ao banco de horas e o pagamento de oito horas de trabalho suplementar.

 

 

Fonte: Jornal de Negócios

Subida de mais de 3% da EDP Renováveis leva bolsa a encerrar em alta

20.05.09, Planeta Cultural

A bolsa nacional encerrou em terreno positivo impulsionada pelo ganho de mais de 3% da EDP Renováveis e pelas subidas no sector bancário. O PSI-20 subiu 0,52%, acompanhando a tendência dos congéneres europeus.

O PSI-20, na quinta sessão consecutiva de ganhos, encerrou a cotar nos 7.290,95 pontos com 16 acções em alta e quatro em queda. Na Europa, as bolsas também sobem animadas pelo sector das matérias primas num dia em que os preços do petróleo sobem mais de 2%.

A EDP Renováveis foi o título que mais impulsionou a bolsa nacional, com uma valorização de 3,10% para os 6,99 euros. Uma tendência que não foi acompanhada pela casa mãe, a EDP, que caiu 0,21% para os 2,889 euros. Já a REN subiu 0,54% para 3,19 euros.

O sector da banca também contribuiu para a tendência de ganhos da bolsa, com o BPI a subir 2,49% para 2,097 euros. O presidente do La Caixa, accionista de referência do banco, disse hoje que está “muito contente” com a posição de 30% no “bem gerido BPI”.

O BES avançou 0,25% para 4,07 euros e o BCP ganhou 1,14% para 0,797 euros. O BCP foi alvo de um corte na avaliação pelo Caixa BI dos anteriores 1,40 euros para 1,10 euros mas o banco de investimento manteve a recomendação de “comprar”.

O sector esteve hoje em alta, depois do Bank of America ter completado com sucesso um aumento de capital de 13,5 mil milhões de dólares.

A travar maiores ganhos esteve a Portugal Telecom, que caiu 0,79% para 6,539 euros. No sector das telecomunicações, a Zon Multimedia subiu 0,37% para 4,095 euros e o Sonaecom avançou 0,53% para 1,898 euros.

Fora do PSI-20, a Glintt destacou-se com uma subida de 10,53% para 0,84 euros.

A Galp Energia desvalorizou 0,09% para 10,73 euros, no dia em que as suas acções começaram a negociar sem direito ao dividendo de 0,1703 euros por acção que vai pagar na próxima segunda-feira.

No sector da construção, a Mota-Engil avançou 4,30% para 3,395 euros e a Teixeira Duarte subiu 0,93% para 0,98 euros.

Fonte: Jornal de Negócios

Italiano compra virgindade de jovem romena

20.05.09, Planeta Cultural

A romena Alina Percea, de 18 anos, que estava leiloando sua virgindade na internet, aceitou a oferta de 8,8 mil libras (cerca de R$ 28 mil), segundo reportagem do jornal inglês "Daily Mail".

 

 

O vencedor do leilão foi um empresário 45 anos de Bolonha -  Itália, que  pagou as despesas para a jovem viajar até Veneza, onde eles passaram uma noite em um hotel de luxo.

 

Alina, que fez dois exames para comprovar que era virgem, disse que gostou do homem. "Ele não parecia ter 45, parecia ser muito mais jovem", afirmou ela, segundo o "Daily Mail".