Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Comentários recentes

  • Triptofano!

    Realmente no Porão qualquer excitação ficaria auto...

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!





Cartão do Idoso beneficia 3200 pessoas em S. Miguel

Sábado, 05.05.12

Descontos em medicamentos, reparações de portas, trocas de lâmpadas ou transporte gratuito são algumas das vantagens disponibilizadas pelo Cartão do Idoso a mais de 3.000 beneficiários na ilha de S. Miguel, nos Açores.

Este cartão, que serve principalmente idosos com baixos rendimentos e grandes gastos mensais com a saúde, permite descontos em farmácias, apoia a aquisição de medicamentos e assegura transporte gratuito para as unidades de saúde, estando em vigor nos concelhos de Ponta Delgada, Povoação, Nordeste, Lagoa e Ribeira Grande.

No total, nestes quatro concelhos de S. Miguel o Cartão do Idoso beneficia 3.261 pessoas, devendo chegar em junho ao concelho de Vila Franca do Campo, o único desta ilha onde ainda não existe.

Na Povoação, o cartão disponibiliza uma senha de saúde por mês no valor de cinco euros para descontar nas farmácias do concelho, enquanto na Lagoa comparticipa com 12,50 euros mensais na aquisição de medicamentos comparticipados pelo Serviço Regional de Saúde.

Para a Câmara da Lagoa, o Cartão do Idoso constitui "um importante instrumento social para o dia a dia dos idosos", que podem também ter transporte gratuito da autarquia para os serviços de saúde, caso tenham dificuldade de mobilidade.

Neste município da costa sul de S. Miguel, segundo fonte da autarquia, podem beneficiar do cartão pessoas com 65 anos ou mais, que residam no concelho e possuam um rendimento 'per capita' inferior a 331,01 euros mensais.

No Nordeste, onde tem a designação Cartão 60+, os beneficiários têm um desconto de cinco euros mensais nos medicamentos com receita médica, exigindo que os idosos tenham rendimentos mensais iguais ou inferiores ao ordenado mínimo que se pratica na região.

Nestes concelhos, o cartão confere descontos nas tarifas de água e de recolha de resíduos sólidos, mas também isenção no pagamento de taxas municipais para pequenas obras, além de reparações de portas ou janelas, pinturas ou troca de lâmpadas.

Na Ribeira Grande, segundo fonte da autarquia, 55 por cento dos beneficiários tem redução no pagamento das tarifas de água e de recolha e tratamento de resíduos sólidos urbanos domésticos.

Os benefícios destes cartões abrangem também a cultura e o desporto, isentando de pagamento ou concedendo descontos no acesso a complexos desportivos, piscinas municipais e em eventos culturais promovidos pelas autarquias.

Os descontos e outras vantagens em lojas comerciais são outros dos benefícios disponibilizados aos idosos, que podem aderir gratuitamente a este cartão.

Os primeiros municípios a criar o Cartão do Idoso em S. Miguel foram Ponta Delgada e Povoação, em 2003, existindo atualmente 253 beneficiários na Povoação e 2.063 em Ponta Delgada.

Neste concelho, o cartão, destinado a pessoas a partir dos 60 anos, atribui descontos entre 5 e 40 por cento em bens, serviços, saúde, alimentação, pronto-a-vestir e materiais de construção.

Na Lagoa, onde há atualmente 223 beneficiários, o cartão foi criado em 2006, tendo surgido no ano seguinte na Ribeira Grande, onde beneficia 400 idosos, e em 2010 ao Nordeste, que regista 322 beneficiários.

O concelho de Vila Franca do Campo terá o seu Cartão do Idoso "em junho", segundo garantiu uma fonte da autarquia, acrescentando que se destina a pessoas a partir dos 65 anos.

 

 

Se assim o desejar, visite a fonte da informação clicando aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:48


Pesquisar

 



Contacto

planetacultural@sapo.pt

Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural