Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Planeta Cultural

Acima de tudo, cultura geral

Pedófilo confirma abusos a rapazes

15.12.11, Planeta Cultural

Um vendedor de material informático confessou ao Tribunal de Vagos os sete crimes de abuso sexual de menores de que está acusado. As duas vítimas, à data dos factos (entre 2007 e 2008) com 10 e 13 anos, também confirmaram perante os juízes os abusos de que foram alvo pelo pedófilo.

 

Ontem, Carlos, de 30 anos, confessou que beijou na boca os rapazes, descrevendo ao tribunal os actos como toques labiais. Quando confrontado com o facto de ter obrigado uma das crianças a masturbá-lo, alegou que apenas lhe queria explicar como usar o preservativo.

O arguido trabalha numa loja de informática e foi aí que conheceu um dos meninos. Aproveitando-se dos parcos recursos económicos dos pais das vítimas, e depois de ganhar a confiança da família, levava-o a ele e a um vizinho de Estarreja para passeios à Serra da Estrela e Castanheira de Pêra. Apesar de também estar acompanhado da namorada e da irmã, era com os menores que o homem dormia.

Para o Ministério Público, a confissão e os testemunhos das vítimas não deixam dúvidas quanto aos crimes e, por isso, o procurador pediu ontem que fosse feita justiça.

"A perícia feita à personalidade diz que o arguido é inimputável, apresentando um perfil com perturbações sexuais, mas que não tem um perfil típico, estereotipado dos abusadores sexuais", afirmou o magistrado nas alegações finais. Carlos esteve sempre acompanhado da namorada nas sessões do julgamento, no Tribunal Judicial de Vagos. "Estamos perante um abusador que mostrou grande descaramento ao longo de todo o julgamento. Além de nunca ter percebido o mal que fez às crianças, nunca se redimiu", acusou a advogada dos pais do menino de 10 anos. A sentença está marcada para 13 de Janeiro de 2012.

 

 

(Se assim o desejar, visite a fonte da informação clicando aqui)