Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Veegam

    Como obter Stellar Lumens gratis!https://steemit.c...

  • Firmino

    deus vê a quem a gente faz bem e depois no fim lev...

  • Planeta Cultural

    O ser humano consegue bem de longe ser pior que os...

  • Maribel Maia

    É com muita pena que leio notícias dessas!

  • Planeta Cultural

    .......deve ganhar pouco no Real de Madrid e preci...







Veja este sábado a maior chuva de estrelas da primavera

Terça-feira, 02.05.17

Espaço.jpg

A maior chuva de estrelas desta primavera vai atingir o ponto alto na madrugada de sábado, dia 6 de maio, mas o brilho da Lua vai ofuscar o fenómeno, conhecido como Eta Aquáridas.

 

Os meteoritos que se vão ver a atravessar o firmamento são partículas metálicas deixadas no rasto do cometa Halley, que gira em torno do Sol numa órbita que dura 76 anos.

 

Duas vezes por ano, atravessam a órbita terrestre e desintegram-se, o que é visível em todo o hemisfério sul da Terra, embora o cometa esteja a 44 anos de aparecer novamente.

 

Já são visíveis desde 19 de abril mas o ponto mais intenso decorrerá na madrugada de 5 para 6 de maio, podendo atingir 70 objetos por hora.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 20:02

Mau tempo: Sete distritos do país vão estar sob ‘Aviso Vermelho’.

Domingo, 14.02.16

O mau tempo vai continuar hoje a afetar grande parte de Portugal, depois de no sábado ter provocado cheias, inundações, deslizamento de terras e cortes em estradas e linhas ferroviárias, bem como o desaparecimento de um ciclista.

 

As previsões para hoje apontam para um agravamento das condições meteorológicas, em especial nas regiões a norte do rio Tejo e, em particular, no Minho e Douro Litoral, com chuva persistente, por vezes forte, que pode ser acompanhada de trovoada e de granizo.

 

A agitação marítima na costa ocidental irá aumentar, com as ondas a poderem atingir cinco a sete metros a partir da madrugada de hoje, sendo que a norte do Cabo Raso poderão chegar a sete ou a oito metros.

 

Segundo as previsões, a norte do Cabo Raso, as ondas poderão atingir o máximo de 14 metros.

 

Devido ao estado do mar, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou sob 'Aviso Vermelho' os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria e Lisboa.

 

O 'Aviso Vermelho' é o mais grave da escala de avisos do IPMA e refere-se a uma "situação meteorológica de risco extremo".

 

O IPMA também prevê vento forte com rajadas até 100 quilómetros por hora no litoral e até 120 quilómetros por hora nas terras altas, com possibilidade de situações mais extremas de vento, e queda de neve nas regiões do Norte e Centro até à cota de 600 metros, bem como uma descida de temperatura.

 

No sábado, a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) registou centenas de ocorrências, a maioria inundações e deslizamentos de terras, e um ciclista foi arrastado pelas águas do rio Vouga em Albergaria-a-Velha, no distrito de Aveiro, um dos mais afetados pelo mau tempo, tal como Porto e Coimbra.

 

Além de inundações e deslizamentos de terras, o mau tempo também obrigou ao corte de estradas, ao encerramento de barras marítimas e à suspensão da circulação de comboios, tendo a CP interrompido a venda de bilhetes nas linhas ferroviárias do Norte e da Beira Alta.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 12:06

A nuvem de Sydney

Sábado, 07.11.15

a_nuvem_de_sydney.jpg

Um céu escuro, relâmpagos e prognósticos de chuva violenta e ventos fortes. É assim que estará a cidade australiana de Sydney este fim-de-semana, o que não é propriamente uma surpresa, uma vez que o clima da capital de Nova Gales do Sul tem esta previsibilidade.

 

O que não evitou, porém, que as redes sociais fossem hoje invadidas com fotografias da cidade, completamente escura com as nuvens carregadas e assustadoramente a pairar sobre Sydney.

 

Este efeito nubloso, na verdade, quase se confunde com uma onda gigante – parecida com esta, na Nazaré – mas é pura ilusão de óptica. Assim, Sydney pode esperar inundações e tempestade nos próximos dois dias, avança o Mail Online.

 

 

Se desejar visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 10:38

Aviso laranja para quatro distritos

Sábado, 17.10.15

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), devido a vento forte, colocou hoje sob aviso laranja os distritos de Lisboa, Setúbal, Santarém e Leiria.

O aviso vai estar em vigor entre as 09:00 e as 15:00 deste sábado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 12:10

Temporal: alerta vermelho, de risco elevado, distritos do norte

Segunda-feira, 14.09.15

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou hoje sob aviso vermelho, de situação meteorológica de risco elevado, os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto e Vila Real.

 

Os distritos do litoral norte já estavam na manhã de hoje sob aviso laranja, o segundo mais grave numa escala de quatro, mas na última revisão o IPMA colocou-os sob aviso vermelho, o mais grave, devido a previsões de chuva e vento fortes para os próximos dias.

 

Os distritos de Bragança, Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra e Castelo Branco estão sob aviso laranja (estavam sob aviso amarelo). O aviso amarelo é o terceiro mais grave e implica risco para determinadas atividades. Leiria aparece na página da internet do IPMA sob aviso amarelo.

 

A escala de avisos do IPMA oscila entre o verde, sem nenhuma situação meteorológica de risco, e o vermelho, de muito risco.

 

De acordo com um comunicado do IPMA o agravamento das condições para os próximos dias, especialmente para terça-feira, deve-se à passagem de uma depressão com origem no ex-ciclone tropical Henri, centrada hoje a norte dos Açores.

 

A depressão irá aproximar-se da Corunha, Espanha, na próxima madrugada, em direção do Golfo da Biscaia.

 

Os efeitos da depressão irão prolongar-se até ao fim de quarta-feira e traduzem-se por precipitação forte e vento intenso nas regiões a norte do Mondego, diz-se no comunicado do IPMA.

 

As regiões do Minho, Douro e Beira Litoral, na tarde e na noite de terça-feira, vão ser as mais atingidas, com precipitação que pode ultrapassar os 100 mililitros em 24 horas.

 

O vento forte chegará ao litoral logo na manhã de terça-feira e deve prolongar-se até ao fim da manhã de quarta-feira. A região sul será menos afetada mas no norte as rajadas serão na ordem dos 90 quilómetros a norte do rio Mondego, com rajadas superiores a 110 quilómetros nas terras altas.

 

O IPMA chama a atenção ainda para forte agitação marítima.

 

Com base nestas previsões a Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) alertou também hoje para "um agravamento excecional" das condições meteorológicas no norte e centro nos próximos três dias, com chuva forte, ondas até quatro metros e vento com rajadas até 130 quilómetros.

 

Num aviso à população emitido ao início da tarde a ANPC lembra que "não são de excluir eventuais fenómenos extremos de vento", e chama a atenção para efeitos como formação de lençóis de água nas estradas, cheias rápidas em meio urbano, inundações, danos em estruturas montadas ou suspensas e "galgamento costeiro".

 

A ANPC recomenda a desobstrução de sistemas de escoamento de águas, cuidados na condução, nomeadamente evitando zonas inundadas e arborizadas e a orla costeira, e a fixação de estruturas soltas, como andaimes.

 

 

Para visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 20:49

Previsão do Tempo em Angola

Quarta-feira, 17.12.14

O Instituto Nacional de Meteorologia e Geofísica (INAMET) prevê, das 12h00 de hoje às 12h00 de quinta-feira, para região norte do país a ocorrência de aguaceiros ou chuva fraca a moderada, acompanhada por vezes de trovoada em Cabinda, Zaire, Uíge, Malanje, Lunda Norte e Lunda Sul.

 

Ainda para região norte, o céu estará parcialmente nublado, apresentando-se muito nublado pela madrugada e manhã, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros ou chuva fraca em Luanda, Bengo, Cuanza Norte e Cuanza Sul, com neblina matinal e nocturna no Zaire, Uíge e Malanje.   

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:07

Pelo menos nove mortos e três desaparecidos em cheias no Brasil

Segunda-feira, 09.06.14

As tempestades e chuvas fortes que se abateram no fim de semana sobre o Estado brasileiro do Paraná fizeram nove mortos e três desaparecidos, levando a instauração do estado de emergência em 77 cidades.

 

Curitiba, a capital do Paraná, no sul do Brasil, é uma das 12 cidades anfitriãs do Mundial de Futebol, que começa na próxima quinta-feira, e aquela em que a seleção espanhola - chegada no domingo à noite e atual campeã - está a treinar.

 

A cidade situa-se, contudo, a 300 quilómetros das regiões centro e sudeste do Estado, as mais atingidas, e não sofreu danos, segundo a proteção civil.

 

"Todo o Governo está mobilizado para ajudar a população neste momento difícil", declarou esta segunda-feira o governador do Paraná, Beto Richa, que decretou o estado de emergência em 77 cidades, onde mais de 55 mil pessoas viram as suas residências inundadas.

 

O responsável desbloqueou seis milhões de reais (cerca de dois milhões de euros) para que as câmaras municipais possam apoiar os sinistrados, retomar o fornecimento de eletricidade e de água potável.

 

A Presidente brasileira, Dilma Rousseff, garantiu ao governador Beto Richa "todo o apoio necessário para ajudar nas operações de salvamento e acolhimento dos desalojados", na sua conta da rede social Twitter.

 

"A população está mobilizada mas o desespero é muito grande; as chuvas atingiram todas as classes sociais", declarou César Fabris, um habitante da cidade de Rebouças, coberta pela água, citado pelo sítio G1 da Globo.

 

Em consequência das chuvas torrenciais, o volume de água das célebres cataratas de Foz do Iguaçu, na fronteira com a Argentina, era hoje 30 vezes superior ao normal, com 47,5 milhões de litros de água por segundo, de acordo com a companhia Copel.

 

A direção do Parque Nacional de Iguaçu proibiu o acesso aos circuitos turísticos e os passeios de barco, como medida de segurança.

 

No vizinho Estado de Santa Catarina, 24 cidades estão inundadas e pelo menos 16 mil pessoas foram atingidas pelas cheias.

 

Em Blumenau, o caudal do rio Itajai Açu, que atravessa a cidade, está 10 metros acima do normal.

 

Nove estradas encontram-se cortadas devido às inundações e foram interditadas.

 

No Estado do Rio Grande do Sul, no extremo sul do país, abriu-se no domingo uma cratera de 70 metros numa estrada, devido à chuva intensa, e dois veículos caíram lá dentro, mas os passageiros sofreram apenas ferimentos ligeiros, segundo o G1.

 

 

Para visitar a fonte da informação, clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 22:00

Agitação marítima gera alerta vermelho em sete distritos

Segunda-feira, 03.03.14

As previsões de mau tempo levaram o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) a colocar em alerta vermelho sete distritos de Portugal continental.

 

Este alerta afeta Coimbra, Leiria, Viana do Castelo, Braga, Aveiro, Porto e Lisboa. Na costa portuguesa a agitação marítima pode levar a ondas de até nove metros, esperando-se mesmo que o mar galgue o paredão da Costa de Caparica, com o pico da maré a prever-se para as 4 da horas.

 

Um alerta laranja vigora até às 12 horas de terça-feira nos distritos de Beja, Setúbal e Faro.

 

A partir da meia-noite de terça-feira entra em vigor, nestes sete distritos, o alerta laranja, devendo manter-se ativo até às 12 horas.

 

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 21:50

Tornado deixa “cenário devastador” em Paredes. Decretada calamidade pública

Sábado, 04.01.14

Em Duas Igrejas, freguesia do concelho de Paredes (distrito do Porto), a destruição é bem visível. Há casas quase sem telhas e carros destruídos com os destroços que saíram das habitações. Vê-se postes de electricidade arrancados e árvores derrubadas.

A Renascença esteve no local e constatou o “cenário devastador” descrito pelo comandante dos bombeiros, Pedro Alves.

“Temos um levantamento de 50 pessoas desalojadas. Todo o percurso do tornado deixou um rasto de destruição tremenda. Tenho fábricas e casas totalmente destruídas, carros totalmente destruídos. A própria igreja ficou afectada”, tendo obrigado a refugiar os populares noutro local.

“Um cenário bastante complicado”, conclui.

Apesar de tudo, não há feridos. Mas os prejuízos são avultados.

Algumas das pessoas que ficaram desalojadas poderão voltar para casa ao final do dia, outras hão-de passar a noite em lares, juntas de freguesia ou até hotéis. São quatro pessoas que não têm qualquer apoio familiar.

Segundo a vereadora Hermínia Moreira, o tornado foi sentido cerca de 3h00, sobretudo nas freguesias de Lordelo, Vilela, Sobrosa e Duas Igrejas.

"Viveram-se momentos assustadores durante a noite", recorda, em declarações à agência Lusa.

Na zona de Vilela há registo de 30 árvores destruídas e prejuízos em instalações de fábricas.

Segundo o site da Autoridade Nacional de Protecção Civil, estão nas freguesias de Vilela, Duas Igrejas e Lordelo 29 operacionais, entre os quais 19 bombeiros, acompanhados por nove veículos.

 

 

 

Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 14:51

Chuva vai voltar na Passagem de Ano

Quinta-feira, 26.12.13

IPMA prevê agravamento do tempo para os próximos dias com o regresso de chuva forte.  

 

Depois de um Natal com fortes rajadas e aguaceiros, as condições climatéricas vão agravar a partir de amanhã com previsão de chuva para a Passagem de Ano. Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), hoje vão ocorrer aguaceiros fortes, sobretudo no Norte e no Centro do país, com agravamento de chuva para os dois últimos dias do ano.

 

Durante a noite de Passagem do Ano, Lisboa vai registar 8 graus de temperatura mínima e 14 de máxima. Mais dois graus que no Porto que vai registar 12 graus de máxima e 7 de mínima, segundo as previsões do IPMA a sete dias.  Para hoje o IPMA colocou sob aviso laranja (risco moderado a grave) dez distritos - Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria, Lisboa, Setúbal, Beja e Faro - devido à agitação marítima com ondas que poderão atingir os 7 metros. Previsão que se mantém para os próximos dois dias. Pelos mesmos motivos, também a costa norte da ilha da Madeira está sob aviso laranja. Outros cinco distritos, sobretudo do interior norte do país, estão sob aviso amarelo devido a previsões de queda de neve.

 

 


Para visitar a fonte da informação clique aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicado por Planeta Cultural às 13:08



Pesquisar

 




Contacto

planetacultural@sapo.pt


Comunicado aos nossos leitores

1- Planeta Cultural é um Blog que tem por objectivo prioritário a divulgação do que de melhor vai acontecendo em Portugal e no mundo, compreendendo nomeadamente a apresentação de algumas imagens, textos, compilações / resumos com origem ou preparados com base em diversas fontes, em particular nas páginas da Internet e motores de busca, publicações literárias ou de órgãos de Comunicação Social, que nem sempre será viável citar ou referenciar. Convicto da compreensão da inexistência de intenção de prejudicar terceiros, não obstante, agradeço antecipadamente a qualquer entidade que se sinta lesada pela apresentação de algum conteúdo, o favor de me contactar via e-mail (constante no meu perfil público), na sequência de que procederei à sua imediata remoção.

2 - Os comentários expressos neste "Blog", vinculam exclusivamente os seus autores, não reflectindo necessariamente a opinião nem a concordância face aos mesmos do autor deste sítio, "Blog", pelo que, publicamente aqui declino qualquer responsabilidade sobre o respectivo conteúdo. Reserva-me também o direito de eliminar qualquer comentário que possa considerar difamatório, ofensivo, calunioso ou prejudicial a terceiros, bem como textos de carácter promocional que também poderão ser excluídos.

Atenciosamente;

---------------------------------R. C.
-------------Administrador do Planeta Cultural

Quantos nos visitaram desde 13FEV2016?